Home / Plantas / Como Plantar Lavanda em Vaso Pequeno? E Como Podar? O Cultivo?

Como Plantar Lavanda em Vaso Pequeno? E Como Podar? O Cultivo?

Lavanda é uma flor extremamente famosa no mundo e também possui várias espécies.

Ela é uma flor muito bonita e possui um perfume muito cativante. É usada amplamente na perfumaria, e ela costuma aparecer em certa variedade de cores, porém a mais famosa é a roxa.

A maioria dos jardineiros propagam essa planta a partir de pequenos ramos cortados, apesar de que ela pode ser plantada também a partir da semente ou de uma pequena muda.

No entanto, isso nem sempre dá certo, pois a lavanda é uma planta difícil de ser cultivada devido ao habitat natural e o processo é lento dependendo da espécie que se tenta cultivar.

Características da Planta: Qual é o Melhor Ambiente Para a Lavanda?

Antes de falar sobre as característica da planta, precisa-se saber qual espécie de planta se pretende plantar.

Assumindo que você é uma pessoa que mora no Brasil, apenas algumas das mais de 450 espécies serão possíveis de ser plantadas com facilidade, isso também afeta na decisão sobre qual lavanda plantar e o que você pretende fazer com essa planta.

Isto é, se pretende fazer perfumaria, se pretende fazer decoração ou se você pretende usar ela para fazer chá e óleos essenciais?

Lavanda em Vaso Pequeno

Tendo em mente que nem toda lavanda nasce em solo brasileiro devido ao clima, altitude e o ambiente natural dessas plantas, como, afinal, saber qual delas plantar?

Para tirar essas dúvidas, nós iremos falar sobre a  lavanda que é mais usual no Brasil, que é a Lavanda dentata, mas é sempre bom adicionar que outras lavandas tem sido trazidas e adaptadas ao Brasil, entre elas a Lavanda latifolia, também conhecida como lavanda-brava, alfazema ou lavanda-spike, podendo ser facilmente encontrada no Brasil.

  • Lavandula dentata:

Também conhecida como lavanda-francesa, mas é mais comum ser chamada de lavanda-brasileira devido a existência de outra lavanda conhecida como francesa.

Ela costuma crescer até 60 centímetros e possui folhas verdes acinzentadas, lineares ou com formato de lança e com bordas dentadas, o que dá origem ao seu nome.

Possuem flores com formato irregular de coloração roxa e às vezes azul claro (podendo variar), com uma espécie de espinho na ponta de suas flores que liberam um aroma muito apreciado.

Seu uso mais comum é como perfumaria já que ela possui eucaliptol (1,8-Cineole) que serve como estimulante do sistema nervoso, porém, também dá à ela esse aroma fresco e gelado como menta.

O aroma fresco que essa planta possui serve como expectorante ou descongestionante. Não obstante, também possui cânfora que é usado em queimaduras e na regeneração de tecido celular.

Além dos efeitos citados ela também serve como antisséptico, antibacteriano, anti-fungo, repelente natural e mais.

Este espécime é mais fácil de ser cultivada no Brasil devido a seu habitat que varia desde o nível do mar até 400 metros de altitude, diferente de outras espécies que nascem a cerca de 2000 metros de altitude.

Cultivo de Lavanda em Vaso Pequeno: Como Preparar o Solo?

Para preparar o solo, precisa-se primeiramente de um vaso.

As lavandas são plantas que pertencem a ambientes mais seco e solo mais arenoso, então é importante que o solo seja um pouco mais arenoso e com uma boa drenagem já que essa planta não gosta de solo úmido.

Um bom método é misturar a terra com um pouco de areia (grossa de preferência), adicionar um pouco de solo calcário (também é aconselhável), pois ajuda a a subir o Ph do solo e a lavanda prefere solos com ph de 6 à 8 (a mistura de calcário para subir o Ph deve ser feito com uma semana de antecedência para que o solo equilibre o mesmo).

A terra deve ser levemente adubada, com algum resíduo orgânico ou com esterco que também seria muito interessante.

A adubagem se faz necessária já que a planta de lavanda demora um pouco para florescer e acelerar esse florescimento sempre é bom, por isso um adubo rico em fósforo é altamente aconselhado.

A lavanda adora sol contínuo, porém em lugares muito quentes é bom deixa-la ao sol apenas em um período do dia.

Como as lavanda pertencem a um clima mais seco, a rega precisa ser moderada, deixando o solo secar entre as regas, e dependendo do clima, ela pode ser regada apenas uma vez por semana, como nos dias mais úmidos, por exemplo.

É Necessário Podar as Lavandas? E Como Se Faz o Replantio?

As lavandas são plantas exuberantes e muito bonitas, porém elas são o que podemos chamar de diamante bruto, pois precisam ser lapidadas, e por isso é importante a poda.

Como essa espécie chega até 60 cm e às vezes 80 cm de crescimento, você poderá sentir a necessidade de ter uma poda um pouco mais agressiva já que o cultivo aqui é pensado para plantas em vasos pequenos dentro de casa.

Pode ser aconselhável a poda de até dois terços da planta, porém isso também não quer dizer que poderá ser cortado a qualquer momento e de qualquer maneira.

É muito indicado que a poda aconteça após a floração dessa planta, e a floração dessa espécie de lavanda acontece na primavera-verão, mas dependendo do local onde é cultivada e da variedade ela pode se estender por mais alguns meses ou até mesmo até ao outono.

É sempre importante ressaltar a forma de poda e certas manutenções que são necessárias.

É importante utilizar uma tesoura de poda padrão e o corte deve ser feito abaixo da terceira bifurcação.

É aconselhável ter uma poda mantendo o formato da planta mais redondo para que a planta tenha um formato mais interessante. É sempre bom podar as flores que estão secas, já que essas flores que foram podadas podem ser usadas para perfumes e até mesmo para temperos.

Para o replantio, separe um vaso com o solo preparado como foi ensinado acima, depois corte a ponta de um ramo como se fosse na poda, de preferência a ponta dos ramos mais fortes (nos mais fracos não é aconselhável). Em seguida, tire as folhas da base e plante elas prestando atenção ao solo e aos cuidados necessários, e a partir disso será fácil o crescimento.

Quer saber mais sobre as lavandas, siga os links abaixo:

 

 

Veja também

Flor De Mel no Vaso Em Apartamento

Como Plantar Flor de Mel em Vaso e Cultivar em Apartamento

A flor de mel é uma planta anual, nativa da região do Mediterrâneo e da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *