Home / Plantas / Flor de Pessegueiro: Época de Florada, Características e Fotos

Flor de Pessegueiro: Época de Florada, Características e Fotos

O Brasil é um país com uma grande variedade de espécies quando nos referimos à flora; e isso com certeza é uma característica muito atraente para todos os amantes de plantas, tanto para cultivar quanto apenas para olhar.

A flor de pessegueiro é uma flor que chama atenção pela sua beleza extrema, lembrando um ipê mais cheio e com mais pétalas; e por esse motivo, ela é uma espécie muito amada pelos adoradores de planta.

Porém, apesar de muito bela, muitas pessoas não sabem muito bem outras informações sobre a flor de pessegueiro, sabem apenas que ela é bonita e mais nada!

Por esse motivo, neste artigo falaremos especificamente sobre a flor de pessegueiro. Continue lendo para saber qual é a época de florada dela, quais são suas características e ainda ver diversas fotos para você se apaixonar.

História da Flor de Pessegueiro

Quem pensa que essa flor tem sucesso apenas nos Brasil dos dias de hoje está extremamente enganado, principalmente porque até mesmo o nome da flor possui origem estrangeira e representa como ela foi trazida até nós.

A planta é conhecida cientificamente como Prunus persica e seu nome está intimimante ligado ao local em que ela era cultivada com maior abundância em tempos antigos: a antiga Pérsia, atual Irã. Por isso, sabemos que essa planta tem origem na região do Irã e era extremamente cultivada naquela região há muitos séculos.

Flor de Pessegueiro

Após ter sido muito cultivada no Irã, a espécie foi levada para a Europa, onde ela era conhecida como “malus persicum” (maçã da Pérsia, em português) pelos romanos. Logo, com a colonização e a vinda de diversos povos europeus para o Brasil, a flor de pessegueiro foi trazida e até os dias de hoje é extremamente cultivada e adorada em nosso país.

Quem diria que uma flor aparentemente tão inofensiva teria uma origem tão distante e uma influência tão grande no mundo desde os tempos antigos?

Época de Florada da Flor de Pessegueiro

Apesar de ser uma planta muito bonita, a flor de pessegueiro também pode ser considerada bem exigente e exige condições bem restritas para poder florescer.

Mesmo aguentando temperaturas bem baixas, é natural que floradas comecem a ser perdidas quando a temperatura do local em que a espécie está fique abaixo de -15°C, por esse motivo ela é mais plantada em países tropicais (desde que em grandes altitudes).

A flor de pessegueiro costuma ter duas fases de dormência ao longo do ano, sendo que na segunda fase (que ocorre geralmente no fim do inverno) as flores começam a se desenvolver e crescer; e é aí que a mágica acontece: com temperaturas mais quentes – entre os 20°C e 30°C, a flor de pessegueiro começa a se desenvolver completamente.

Por esse motivo, podemos dizer que a época de florada da flor de pessegueiro ocorre durante a primavera, assim em que a planta acaba sua segunda dormência e as temperaturas sobem um pouco, a planta tende a dar flores!

Portanto, se você está plantando sua flor de pessegueiro e não vê a hora de acompanhar a florada, fique ligado no calendário esperando pela primavera!

Características da Flor de Pessegueiro

Vamos agora ver algumas das características que essa flor tão interessante possui. As características podem ser desde dicas de cultivo até mesmo curiosidades, por isso leia atentamente nossa lista para não perder nenhuma informação importante sobre a flor de pessegueiro.

  • Pessegueiros geralmente são árvores de baixa estatura, que crescem para o “lado” formando um tapete suspenso, perfeito para fazer sombra;

  • As pétalas da flor de pessegueiro possuem um formato oval e são pontiagudas;
  • Geralmente a primeira florada ocorre 3 anos após o plantio da semente;
  • A flor de pessegueiro possui coloração rosa clara, e por isso pode ser confundida por flores de ipê por quem não conhece a espécie;
  • A flor foi trazida para o Brasil especificamente no ano de 1532 por Martim Afonso de Sousa, que plantou as mudas que trouxe de Portugal na cidade brasileira de São Vicente.

Dicas de Cultivo da Flor de Pessegueiro

Como já dissemos, apesar de ser muito bela essa flor pode ser considerada um pouco trabalhosa na hora de cuidar, principalmente para quem ainda não tem muita experiência com jardinagem.

Apesar disso, existem sempre dicas que podem facilitar todo o processo de cultivo. Continue lendo para saber algumas delas!

  • Altitude: as flores de pessegueiro crescem apenas em locais altos; por isso, cabe analisar a altitude do local em que você mora, pois quanto mais alta for localizada a sua casa, mais chances do cultivo dar certo;
  • Longevidade: a flor de pessegueiro pode durar até mesmo 12 anos, por isso é importante que sempre tenha alguém com a responsabilidade de cuidar da sua planta para que todo o trabalho e cuidado não sejam perdidos;
  • Espécie: veja bem qual espécie e exemplar você está cuidando, pois algumas espécies conseguem ser ainda mais exigentes do que estamos citando aqui, e então você precisará de cuidados mais precisos para que a planta sobreviva;
  • Frio: apesar de suportarem frios de no máximo -15°C, as flores de pessegueiro precisam de frio inicialmente para se desenvolver. Logo, elas precisam de frio para dar o passo inicial e depois de calor para a época de floração;
  • Países: por conta da questão da altitude e temperatura que já citamos, pessoas de países como Colômbia, Equador, Índia, Nepal e Etiópia podem ter uma dificuldade maior de criar a planta.

Portanto, esses são alguns detalhes sobre o cultivo da flor de pessegueiro. Lembre-se de prestar bastante atenção neles e perceber se o seu ambiente está ideal para o cultivo da flor, dessa forma você não terá nenhuma surpresa desagradável no futuro, apenas uma bela muda de flores rosas e muito vivas.

Quer saber um pouco mais de detalhes sobre o plantio de diversos tipos de flores e não sabe onde encontrar informação confiável e de qualidade?  Não se preocupe, nós sempre temos o texto certo para você por aqui! Por isso, leia também em nosso site: Pé de Pera em Vaso – Aprenda Como Plantar, Cultivar e Fazer Mudas

Veja também

Como Fazer Chá de Romã Para Gargarejo?

Punica granatum. Originária de uma região geográfica que vai do Irã até a região do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *