Home / Plantas / Benefício da Pitanga Para os Cabelos

Benefício da Pitanga Para os Cabelos

Se não bastasse os seus inúmeros benefícios para o adequado funcionamento do organismo, agora já se sabe que a pitanga pode, para a surpresa de muitos, conceder formidáveis benefícios para os cabelos. Sim, para os cabelos!

Seja na forma de shampoos, géis, tônicos, finalizadores, modeladores, condicionadores, máscaras capilares, entre outras apresentações, a fruta pode contribuir para aumentar a sua resistência, prevenir queda, controlar a oleosidade, restaurar o brilho, entre outros inúmeros benefícios.

Níveis elevadíssimos de vitaminas A, B e do complexo B, renovam as células, controlam a produção excessiva de sebo pelas glândulas sebáceas, além de contribuir para esse fim de forma indireta, ou seja, pela restauração da saúde do organismo.

Nesse caso, pelo equilíbrio na produção de hormônios, contribuindo para a restauração do fluxo sanguíneo, para o fortalecimento dos ossos, preservação das células – não faltando meios ou artifícios por meio dos quais vegetais como a pitanga não possam contribuir, de alguma forma, para a saúde do corpo.

Logo, o objetivo desse artigo é fazer uma lista com os principais benefícios que a pitanga, em suas várias apresentações, pode conceder a toda estrutura que garante a beleza e a saúde dos cabelos.

1.Hidratação dos Fios Capilares

Assim como fazem alimentos como carnes, ovos, peixes, laticínios, aves, entre outros produtos alimentícios, a ingestão diária de frutas como a pitanga pode (e irá) contribuir para a hidratação dos fios capilares.

Isso por que a ingestão de 100g diárias da fruta fornece quantidades suficientes de vitaminas A, E e antioxidantes – e, como se sabe, essas substâncias ajudam a devolver o brilho à pele, e, pelo mesmo princípio, aos cabelos, que têm regenerada a camada que recobre (e protege) os fios.

Um extrato das folhas da pitangueira consegue produzir resultados magníficos! Cabelos secos e sem vida (como insiste a moça da propaganda!) transforma-se, em poucos meses, em cachos sedosos, reluzentes e firmes, apenas por meio do uso regular e disciplinado da fruta ou pelo tratamento à base do seu extrato.

2.Previne a Queda dos Cabelos

A queda dos cabelos pode ocorrer por diversos motivos: Predisposição genética, obstrução dos poros capilares, deficiência de vitaminas, entre outros motivos.

Para esse último caso, a pitanga pode ser bastante útil. Isso por que as suas excelentes quantidades de vitamina B7 (a Biotina) ajudam a promover o crescimento das células, produzir ácidos graxos, metabolizar as gorduras, na absorção de proteínas e carboidratos, além de outros benefícios que atingem diretamente as causas da queda relacionadas com a deficiência de vitaminas ou obstrução dos poros.

Mulher Com Quedas de Cabelo
Mulher Com Quedas de Cabelo

A Pró-vitamina B5 também entra aqui como uma das poderosas ferramentas contra esse tipo de dano capilar! Nesse caso, pela sua capacidade de facilitar o metabolismo das proteínas, carboidratos e lipídios, entre outros inúmeros benefícios concedidos pela pitanga, na forma de chás, shampoos, condicionadores, óleos essenciais, entre outros.

3.Combate a Oleosidade

Outro benefício da pitanga está relacionado com a sua capacidade de combater a oleosidade dos cabelos. Esse transtorno pode ser o efeito de inúmeras causas (que devem ser identificadas por um dermatologista), entre as quais: Predisposição genética, alterações hormonais, sol em excesso no couro cabeludo, altos níveis de estresse e ansiedade, dieta gordurosa, entre outras causas.

Pitangas nas Mãos
Pitangas nas Mãos

Independentemente de quais sejam, a pitanga agirá por meio do equilíbrio da produção de secreções pelas glândulas sebáceas e diminuirá a oleosidade natural (ou anormal) dos cabelos, por meio dos extratos da fruta.

Nesse caso, quem sofre com caspas resultantes da descamação do couro cabeludo, motivada pelo excesso de oleosidade, também poderá ver-se livre de um dos transtornos mais comuns dessa região do corpo.

4.Torna os Cabelos mais Resistentes

O extrato de pitanga é um excelente restaurador dos fios de cabelo, e ainda consegue preservar algumas das principais propriedades da fruta, que atuam nesse sentido.

São as vitaminas do complexo B (B1, B2,B3,B5, B7); mas também alguns sais minerais, como fósforo, cálcio, ferro, potássio, entre outras propriedades que, juntamente com as da babosa, copaíba, aloe vera, cavalinha, jaborandi, cupuaçu, etc., formam uma mistura inigualável quando o assunto é restaurar o vigor capilar.

Tigela Cheia de Pitangas
Tigela Cheia de Pitangas

Os profissionais mais renomados do segmento dos cuidados com os cabelos são unânimes ao afirmar que os danos provocados pelo excesso de química, exposição ao sol e demais agressões, podem ser facilmente revertidos quando o uso da pitanga é combinado com uma mudança nos hábitos de vida.

5.Limpeza Profunda

Esse é outro dos vários benefícios da pitanga para os cabelos: Uma limpeza profunda, em boa parte executada pela vitamina B2 (a Riboflavina), que, além de contribuir para o metabolismo dos lipídios, proteínas e carboidratos, ainda contribui para garantir a saúde da pele – nesse caso, em benefício do couro cabeludo.

Além disso, as propriedades anti-inflamatórias e cicatrizantes da pitanga contribuem para a reversão de danos nessa região – o que, por consequência, garante a sua limpeza e total higienização, refletindo no surpreendente crescimento dos fios, mais a interrupção da queda, eliminação da seborreia, caspas, fungos, ferimentos, entre outros transtornos.

Como Utilizar os Benefícios da Pitanga

Chás de pitanga

Uma das maneiras mais simples e tradicionais de se aproveitar dos benefícios da pitanga para os cabelos, é por meio de infusões, que, por tabela, contribuem para a saúde do organismo de um modo geral.

Para obter todos esses benefícios e preservar todas as propriedades da fruta, o recomendado é proceder da seguinte maneira:

Ingredientes:

3 colheres das folhas secas da pitangueira;

1l de água filtrada.

Preparo:

Junte as folhas à água fervida, desligue o fogo, abafe por 10min., coe, espere esfriar e faça aplicações 2 ou 3 vezes por dia, deixando agir por 2 ou 3 min., para logo após enxaguar completamente o cabelo.

Se quiser ingerir o chá, o recomendado é não tomar mais do que 3 xícaras por dia, de preferência entre as refeições.

3.O Óleo de Pitanga

Óleo de Pitanga
Óleo de Pitanga

O óleo de pitanga pode ser adquirido em lojas especializadas, onde são manipulados por profissionais que realizam a prensagem a frio de folhas selecionadas. Por meio desse processo, são preservadas todas as vitaminas e sais minerais da pitanga.

Com apenas algumas gotas em shampoos e condicionadores, será possível obter todos os benefícios da fruta, na forma de uma hidratação profunda, combate a micro-organismos patológicos, interrupção da queda dos cabelos, promoção de brilho, resistência e vigor, entre vários outros benefícios que somente um produto natural pode conceder.

Esse artigo foi útil? Tirou as suas dúvidas? Deixe a resposta na forma de um comentário. E aguarde as próximas publicações.

Veja também

Como Fazer e Preparar Chá de Guabiroba de Folha

É hora do chá! Deixe a velha Camomila de lado e venha conferir uma dica …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *