Home / Animais / Reprodução do Jerboa: Filhotes e Período de Gestação

Reprodução do Jerboa: Filhotes e Período de Gestação

Com distribuição em regiões desérticas e semiáridas da África e Ásia, os jerboas são roedores bípedes, os quais locomovem-se através de pulos.  A postura corporal, bem como o modo de locomoção faz com esses mamíferos sejam frequentemente comparados aos cangurus (embora sejam consideravelmente menores).

Os jerboas pertencem à família taxonômica Dipodidae, na qual também estão inclusas outras espécies de roedores, a exemplo dos ratos saltadores e ratos bétula. Dentre os gêneros de Jerboa, o mais comum, sem dúvidas, é o gênero Jaculus, no qual estão presentes as espécies jerboa egípcio menor e o grande jerboa egípcio.

Infelizmente, os jerboas correm risco de extinção. A distribuição geográfica destes animais abrange locais como o Deserto do Sahara, o Deserto de Gobi e outras localidades importantes no contexto geográfico.

Neste artigo, você conhecerá um pouco mais sobre esses roedores, em relação às suas características físicas, comportamentais e fatores relacionados à reprodução.

Então venha conosco e boa leitura.

Jerboa Classificação Taxonômica

Conheça Mais Sobre o Jerboa
Conheça Mais Sobre o Jerboa

A classificação científica para os jerboas obedece à estruturação abaixo:

Reino: Animalia;

Filo: Chordata;

Classe: Mammalia;

Ordem: Rodentia;

Superfamília: Dipodoidea;

Família: Dipodidae.

Dentro da família Dipodidae, os jerboas correspondem a um total de 5 subfamílias e 10 gêneros.

Além dos jerboas, todas as demais espécies de sua família taxonômica são capazes de saltar em postura bípede, sendo, portanto, dotados de adaptações anatômicas específicas. Estas outras espécies incluem os ratos saltadores (subfamília Zapodinae) e os ratos bétula (gênero Sicista). No caso dos ratos saltadores, estão dão saltos mais curtos. Em relação aos ratos bétula, apesar destes possuírem caudas e patas mais curtas, também se movem através de saltos. Todas essas espécies possuem distribuição no hemisfério Norte. A duração média da gestação dos dipodídeos pode variar entre 17 a 42 dias.

Características do Jerboa: Aspectos Físicos

A maioria das espécies de jerboa medem menos que 10 centímetros de comprimento, contudo é possível encontrar espécies com até 15 centímetros.

As caudas muito longas auxiliam no equilíbrio.

As patas traseiras são muito longas e superiores às patas dianteiras em até 4 vezes, de modo que a postura bípede seja possível. Na sola das patas, há almofadas peludas que facilitam a locomoção na areia.

O comprimento da cauda é bem maior do que o corpo e pode atingir até 20 centímetros. Não há muito pelos na extensão desta cauda, no entanto, a ponta conta um tufo de pelos nas cores preto e branca (dispostos contrastamente).

Os olhos e orelhas são grandes e proeminentes. A quantidade de dedos nas patas pode variar de 3 a 5.

A pelagem geralmente assume o tom de um marrom mais claro (quase castanho), sendo que tal tonalidade é ainda mais clara na porção inferior.

Características do Jerboa: Aspectos Comportamentais

A alimentação destes roedores é composta por gramíneas do deserto (apenas em partes específicas destas),sementes, fungos e, principalmente, insetos.

Possuem hábitos noturnos e, durante o dia, refugiam-se em tocas subterrâneas. Tais tocas são vedadas com um tampão de areia de modo a protege-los contra elevadas temperaturas do deserto.

É interessante pensar que as tocas não são locais simples, mas sim muito bem estruturados. Elas contam com muitas entradas e saídas, assim como câmaras de armazenamento, câmaras de nidificação e uma câmara para armazenamento de comida aos fundos. E por incrível, que pareça, os jerboas também hibernam durante o inverno.

Mesmo com o diminuto tamanho, os jerboas são capazes de viajar grandes distâncias à procura de alimentos (em alguns casos, até mesmo 10 Km por dia). O truque para que consigam tal façanha está nos longos pés.

Com os grandes pés, os jerboas também são capazes de realizar saltos com até 3 metros de altura.

Reprodução do Jerboa: Filhotes e Período de Gestação

Filhote de Jerboa
Filhote de Jerboa

Acredita-se que a reprodução ocorra de uma a duas vezes no ano, porém esta frequência pode ser superior. Neste quesito, o comportamento noturno e até mesmo solitário (neste caso, apenas para algumas espécies) prejudica o trabalho de observadores e pesquisadores.

Para o macho impressionar a fêmea, coloca-se de pé na frente da mesma e a encara. As etapas seguintes são particularmente inusitadas, pois o macho começa a bater na fêmea, com suas patas dianteiras, em intervalos de tempo regulares.

Cada gestação dá origem a uma ninhada de 4 a 5 filhotes, os quais já são ‘emancipados’ entre 8 a 10 semanas de vida. No caso da maturidade sexual, esta é alcançada entre 8 a 10 MESES de idade.

Ratos Saltadores e Ratos Bétula

A título de curiosidade, é importante conhecer também outras espécies da família Dipodidae além das jerboas. Os ratos saltadores, por exemplo, estão presentes na China e América do Norte; possuem 5 dedos em todas as patas; e podem habitar tanto campos gramados, como áreas arborizadas e prados alpinos. Ao todo, existem 5 espécies listadas de ratos saltadores. Eles depositam os seus ninhos me fendas de rochas, árvores ocas e troncos no geral.

Ratos Belula
Ratos Belula

Os ratos bétula são nativos de florestas e estepes da Eurásia (isto é, países fronteiriços entre a Europa e a Ásia). A cauda é muito longa e pode apresentar entre 65 a 110 milímetros. O comprimento corporal é inferior a este valor e está compreendido entre 550 a 90 milímetros. O pé traseiro também é maior que o dianteiro e possui comprimento médio de 14 a 188 milímetros. Em relação ao peso, este pode variar entre 6 a 14 gramas. A coloração da pelagem pode variar entre marrom claro a marrom escuro.

*

Depois de conhecer um pouco mais sobre os jerboas e outros roedores de sua família taxonômica, que tal continuar por aqui conosco para visitar também outros artigos do site ?

Por aqui, há muito material de qualidade nos campos da zoologia, botânica e ecologia de um modo geral.

Sinta-se à vontade para digitar um tema de sua escolha em nossa lupa de pesquisa no canto superior direito. Caso não encontre o tema desejado, você pode sugeri-lo abaixo em nossa caixa de comentários. Afinal, este espaço está em crescimento constante.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

Animal Diversity Web. Jaculus orientalis greater Egyptian jerboa. Disponível em: < https://animaldiversity.org/accounts/Jaculus_orientalis/>;

Wilson & Reeder’s. Mammal Species of the World.  Family Dipodidae. Third edition. Disponível em: <http://www.departments.bucknell.edu/biology/resources/msw3/browse.asp?id=12900003>;

Wikipédia. Jerboa. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Jerboa>;

 

Veja também

Qual o Significado do Bode ?

Mamífero ruminante, o bode é o equivalente feminino da cabra. Ambos possuem chifres e barbichas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *