Home / Animais / História da Joaninha e Origem do Animal

História da Joaninha e Origem do Animal

As joaninhas são insetos pertencentes à ordem taxonômica dos coleópteros, cuja nomenclatura é de origem grega e significa, em tradução literal, ‘estojo de asas’, fazendo referência ao élitro (carapaça quitinosa), o qual é uma adaptação anatômica de um antigo par de asas.

Esses diminutos insetos chamam a atenção pela coloração vibrante, beleza e pela grande utilidade dentro da agricultura, uma vez que muitas espécies de alimentam de insetos considerados pragas agrícolas.

Prosseguindo à classificação taxonômica, estes insetos correspondem a mais de 5.000 espécies, distribuídas em quase 360 gêneros, dentro da família taxonômica Coccinelidae.

Nem todas as joaninhas possuem a tradicional coloração vermelha com pintas negras encontrada em espécies como a joaninha de 7 pontos (nome científico Coccinela septempunctata) ou a joaninha de 2 pontos (nome científico Adalia bipunctata). Assim como o comprimento, a coloração também varia, pode apresentar-se nas cores amarela, marrom, cinza, rosa, verde, azul e até mesmo negra (embora esta seja mais rara para indivíduos adultos).

Neste artigo, você conhecerá um pouco mais sobre as joaninhas, em especial sobre a sua simbologia, história e origem.

Então venha conosco e boa leitura.

Curiosidades Sobre as Joaninhas que Você Provavelmente Não Sabia

Animal de Clima Tropical
Animal de Clima Tropical

As joaninhas são mais frequentes em locais com clima temperado e raros em regiões de clima tropical, ou durante as estações quentes. Apesar disso, podem hibernar durante o inverno. Não voam quando a temperatura está inferir a 15 °C. Costumam ser mais ativas em temperaturas superiores a 16 °C.

As joaninhas liberam ferormônio, ou melhor, sinais químicos ao longo do corpo que facilitam a comunicação com outros membros da espécie. Em relação aos 4 sentidos básicos, estes insetos não possuem uma boa visão e seus olhos são capazes apenas de detectar a luz e a escuridão. A detecção de cheiros, sabores é exercida pelas antenas. Também podem sentir o cheiro através dos pés.

As joaninhas possuem um par de asas externo, quitinoso e adaptado (élitro)- destinado à proteção; e um par interno fino e membranoso- destinado ao voo. Todavia, as asas de voo não devem ser subestimadas, uma vez que são capazes de executar até 85 batidas por segundo. Contudo, as façanhas não acabam por aí. Este mesmo par de asas pode viajar para uma distância de até 120 Km, em uma velocidade de até 24 Km/h. As asas da joaninha resistem a altitudes de até 1.100 metros.

As larvas das joaninhas são incrivelmente diferentes das formas adultas, uma vez que não são arredondadas, mas sim alongadas, com espinhos e coloração muito escura.

Simbologia das Joaninhas

É impressionante como insetos a exemplo da joaninha e borboleta despertam grande interesse e fascinação entre as crianças. Tais insetos são referidos periodicamente em canções ou historinhas infantis. Neste contexto, há até mesmo um personagem de desenho animado que ganhou bastante destaque: Ladybird.

Nos Estados Unidos, muitas joaninhas voando durante a primavera simbolizam que a colheita será abundante. Na Grã-Bretanha, o simbolismo destes insetos está relacionado ao bom tempo.

Existe uma superstição entre os franceses que diz que caso uma joaninha pouse em alguém, essa pessoa terá muita renovação e transformação na vida.  Em Bruxelas, acredite-se que o número de pintas nas costas da joaninha que pousar em alguém indica quantos filhos tal pessoa terá.

Na Noruega, o mito existente é de que, caso uma joaninha seja avistada simultaneamente por um homem e uma mulher, ambos desenvolverão um romance.

Para os asiáticos (mais precisamente entre os chineses) sua simbologia está relacionada à boa sorte e recebimento de mensagens divinas. Avançando um pouco mais nessas crenças, existem inclusive pessoas que acreditam que as joaninhas possam entender a fala humana.

Dentro da concepção da religiosidade xamânica, por exemplo, estão presentes os animais de poder e arquétipos. Cada animal representa a materialização de certas qualidades e virtudes específicas. No caso da joaninha, ela também está relacionada à sorte, assim como à realização dos desejos e proteção.

História da Joaninha e Origem do Animal

Os insetos coleópteros de modo geral, ou seja, as joaninhas, besouros, escaravelhos, gorgulhos e outras espécies, possuem um provável ancestral que remonta a aproximadamente 270 milhões de anos atrás (provavelmente durante o período Permiano Inferior). Contudo, acredita-se que, no final deste período, 30% de todas as espécies tenham sumido.

Em relação aos besouros, mais precisamente, o aumento da diversidade entre eles (na qual houve o desenvolvimento de espécies herbívoras e carnívoras) teria ocorrido durante o período Jurássico (o qual remonta de 210 a 145 milhões de anos atrás).

De acordo com registros fósseis, os besouros de 5 milhões a 1,5 milhões de anos atrás são muito semelhantes às formas atuais. Não há muita informação a respeito da história evolutiva das joaninhas mais especificamente.

Joaninhas: Predadoras ou Pragas

Espécie de Joaninhas
Espécie de Joaninhas

Algumas espécies de joaninhas alimentam-se apenas de mel, pólen, folhas e até mesmo fungos. Contudo, essas espécies não trazem nenhum benefício agrícola associado.

Outras espécies alimentam-se de insetos que parasitam os vegetais, como é o caso dos pulgões, ácaros (algumas espécies), cochonilhas e moscas da fruta.

Os pulgões são a praga agrícola mais comum e, além de alimentarem-se da seiva dos vegetais também são vetores significativos para infecções virais.

As joaninhas podem ser inclusivas intencionalmente nas culturas agrícolas para substituir o uso de agrotóxicos, todavia, existem ocasiões nas quais esta missão não funciona muito bem. A espécie joaninha arlequim (nome científico Harmonia axyridius), por exemplo, foi introduzida na América do Norte no ano de 1979- com a finalidade de controlar a população de pulgões. A partir de então, tal espécie se espalhou pela Europa ocidental, chegando ao Reino Unido no ano de 2004 e ultrapassando até mesmo o quantitativo de insetos nativos. Neste país, ironicamente, a joaninha tornou-se uma agrícola, principalmente para árvores como a videira.

*

Gostou desse artigo ?

Este tópico foi útil para você ?

Por aqui ainda há muito mais, e você certamente encontrará outros temas de seu interesse em nossa página.

Sinta-se à vontade para digitar um tema qualquer em nossa lupa de pesquisas no canto superior direito da página. Caso não encontre o tema desejado, você pode sugeri-lo abaixo em nossa caixa de comentários.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

Green Me. JOANINHA- Por que ela é considerada símbolo da sorte ? Disponível em: <https://www.greenme.com.br/viver/arte-e-cultura/66645-joaninha-por-que-ela-e-considerada-simbolo-da-sorte/>;

Mini Jardim e Cia. 30 curiosidades sobre as joaninhas (Coccinellidae). Disponível em: <https://www.minijardimecia.com/2019/07/30-curiosidades-sobre-as-joaninhas-coccinellidae.html>;

Veja também

Qual o Significado do Bode ?

Mamífero ruminante, o bode é o equivalente feminino da cabra. Ambos possuem chifres e barbichas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *