Home / Animais / Quem Trouxe a Cabra para o Brasil ?

Quem Trouxe a Cabra para o Brasil ?

As cabras domésticas conhecidas atualmente são uma subespécie da cabra selvagem (nome científico Capra aegagrus), cujo histórico de domesticação teria iniciado a aproximadamente 8.000 anos atrás em um território que hoje equivale ao Norte do Irã.

Vários animais passaram por processos de domesticação, e evoluíram taxonomicamente e até mesmo fisicamente ao longo dos anos, alguns exemplos incluem as cabras, ovelhas, cavalos, bois, cachorros e gatos. Talvez os cachorros sejam o exemplo mais popular, uma vez que estão muito presentes em nosso dia-a-dia e são encontrados em uma diversidade de raças. Curiosamente, os cães são uma subespécie do lobo (nome científico Canis lupus), cujo processo de domesticação teria iniciado a 500 mil anos atrás.

Mas, tão importante quanto conhecer a história de domesticação a nível global, é conhecer quando muitos desses animais domésticos foram trazidos até o nosso país.

Por exemplo, você saberia dizer quando ou quem trouxe a cabra para o Brasil ? Acredito que poucas pessoas fazem esse questionamento.

Mas, caso tenha alguma curiosidade sobre o assunto, saiba que está no lugar certo.

Venha conosco e boa leitura.

Fauna Nativa do Brasil

A Cabra Faz Parte da Fauna Brasileira
A Cabra Faz Parte da Fauna Brasileira

Ao pisarem no Brasil em 1500, os portugueses se depararam com uma floresta completamente diferente de tudo que haviam visto. O primeiro contato foi com a Mata Atlântica, logo foi o primeiro bioma a ser devastado.

Em relação à flora, a Mata Atlântica era muito diferente das florestas europeias, as quais apresentavam pouquíssima variedade em comparação com as orquídeas, cipós e árvores de vários tamanhos encontradas por aqui.

Em relação à fauna, este fascínio/estranhamento foi ainda maior. Muitos insetos; pássaros de cores vibrantes; mamíferos; e repteis. Em textos enviados à Portugal, os colonizadores descreviam sobre as preguiças, macacos, tatus, papagaios e outros. A abundância de espécies ainda favoreceu à criação de seres místicos no imaginário popular. Muitas crenças indígenas se fundiram ao imaginário português contribuindo para a formação de muitas das lendas do folclore brasileiro conhecidas atualmente.

Considerando os 5 principais biomas existentes no Brasil, alguns exemplos de animais típicos do Brasil são o boto-cor-de-rosa, considerado a maior espécie de golfinho de água doce, medindo cerca de 2,5 metros de comprimento, no entanto; também pode ser encontrado nos rios da Bolívia, Venezuela, Colômbia, Equador e Peru; o mico-leão-dourado, o qual é encontrado apenas na Mata Atlântica brasileira (mais precisamente nos estados do Espírito Santo e Rio de Janeiro) e é considerado praticamente como um animal em extinção, podendo ser encontrado apenas em reservas florestais; a arara-azul, habitante da Floresta Amazônica, Cerrado e Pantanal, que também pode ser encontrada no Paraguai e na Bolívia; a cobra sucuri  (também conhecida como anaconda-verde), encontrada em regiões alagadas da Amazônia; a onça-pintada e a capivara (sendo que ambas podem ser encontradas tanto em países da América do Sul, quanto América Central); e outros.

Quais os Animais Foram Trazidos pelos Portugueses ?

Nosso Melhor Amigo Foi Presente dos Portugueses
Nosso Melhor Amigo Foi Presente dos Portugueses

Praticamente todos os animais domésticos mais populares da atualidade foram trazidos até o Brasil pelos navios de colonizadores portugueses. Nesta listagem, inclui-se o boi, o pato, a ovelha, o cachorro, o gato, o cavalo, a cabra e etc.

Em relação ao gado, os primeiros exemplares trazidos não foram o tradicional gado doméstico (nome científico Bos taurus), mas sim o zebu ou gado zebuíno (nome científico Bos indicus), o qual chegou à Bahia no século XVI. O papel inicial deste animal foi atuar como animal de tração para engenhos de cana-de-açúcar. O desenvolvimento da pecuária propriamente dita só ocorreu com expansão (interiorização) das capitanias hereditárias rumo ao Sertão.

Já em relação aos cavalos, os animais teriam sido introduzidos na América por Cristóvão Colombo, sendo a primeira vez no ano de 1509, sendo que 7 animais teriam chegado ao continente através do Panamá e outros 12 através da Colômbia.

Quem Trouxe a Cabra para o Brasil ?

Provavelmente, as primeiras cabeças de gado chegaram ao Brasil por autorização do governador-geral Tomé de Souza. No entanto, as demais embarcações posteriores não trouxeram ao nosso país apenas gado. Acredita-se que na caravela de nome “Gaga” estavam presentes bois, carneiros, cabras, e alguns cavalos. Estes animais forma direcionados inicialmente para a sede do Governo Geral em Salvador.

Cenário Atual da Caprinocultura no Brasil

Atualmente, é possível encontrar raças de cabras especializadas no fornecimento de leite (“cabras leiteiras”), bem como raças especializadas no fornecimento de carne de qualidade e até mesmo raças de ‘dupla aptidão’ (as quais podem realizar as duas funções com maestria).

O leite de cabra, embora não seja tão popular, é uma alternativa viável para aqueles que possuem alergia à proteína encontrada no leite de vaca (caseína). A partir deste leite, podem ser obtidos os queijos dos tipos Feta e Rocamodour. No entanto, o leite de ovelha possui maior quantidade de gorduras e outros sólidos, logo pode gerar uma quantidade maior de derivados.

As Cabras no Brasil
As Cabras no Brasil

A subespécie de cabras domésticas (nome científico Capra aegagrus hircus) está distribuída atualmente em uma grande diversidade de raças. No entanto, até os anos de 1970, a maioria das cabras do Brasil não possuíam uma raça definida. Apenas no ano de 1975, ocorreu a primeira importação de caprinos leiteiros (período muito posterior à colonização). Esses animais foram trazidos da Suíça, nos quais estavam inclusas raças como a Parda Alpina, Toggenburg e Saanen, as quais foram inicialmente direcionadas para criadores próximos às cidades de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo.

As cabras importadas se multiplicaram e a caprinocultura leiteira chamou a atenção de muitos empreendedores, sobretudo a partir da década de 80. Atualmente, a cabra é considerada a terceira espécie produtora de leite em volume do mundo.

No Brasil, nos dias atuais, 90% do rebanho de cabras está concentrado no Nordeste, sendo que os estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba merecem destaque. No Sudeste, o destaque vai para os estados de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. Já no Sul, destaca-se o estado do Rio Grande do Sul.

*

Depois de conhecer um pouco mais sobre as cabras e sua participação no cenário econômico brasileiro, que tal continuar por aqui para visitar também outros artigos do site ?

Aqui há muito material de qualidade nos campos da zoologia, botânica e ecologia de um modo geral.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

ACCOMIG. A caprinocultura leiteira no Brasil- uma visão histórica. Disponível em: < https://www.caprileite.com.br/conteudo/170-ll-a-caprinocultura-leiteira-no-brasil-uma-vis-o-hist-rica>;

Dentro da história. Curiosidades sobre os animais típicos do Brasil. Disponível em: < https://www.dentrodahistoria.com.br/blog/educacao/curiosidades-animais-floresta/>;

Laticínios Holandês. Conheça a história da produção leiteira no Brasil. Disponível em: < https://laticiniosholandes.com.br/conheca-a-historia-da-producao-leiteira-no-brasil/>;

Veja também

Alimentação do Jerboa: O que Eles Comem ?

Os conhecidos ratos de esgoto (famosos por estarem associados à transmissão de doenças e falta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *