Home / Animais / Características da Reprodução e Filhotes de Rottweiler Com Fotos

Características da Reprodução e Filhotes de Rottweiler Com Fotos

As características reprodutivas dos cães rottweilers e os cuidados com os seus filhotes, como vemos nessas fotos, são os típicos de uma raça de cães nobres, e que por isso mesmo possui algumas singularidades.

De um modo geral, a partir do primeiro dia de sangramento do cio considera-se como o início do seu ciclo de fertilidade. Entre 10 e 20 dias após esse sangramento a fêmea já estará receptiva ao macho, e como resultado da cópula poderemos ter até meia dúzia de filhotes, que já nascerão com as suas características físicas típicas.

A saber: pelagem curta, com uma coloração toda ela preta (com exceção da região do focinho, ventre e patas de cor canela), porte elegante e proporcional, crânio quadrado, olhos pequenos, entre outras características que são típicas de uma espécie imponente e equilibrada por natureza.

Com relação a esse último quesito, não custa chamar a atenção para uma espécie de mito que acompanha essa raça, desde que ela desembarcou nas Américas no final dos anos 20; e que é a de que eles seriam espécies de “monstros” da família Canidae; inclusive com um comportamento hostil em relação às crianças. Mas a coisa não é bem assim!

Na verdade “Equilíbrio” é a palavra que melhor define essa raça; e diferentemente de outras não menos assustadoras, os rottweilers dificilmente atacam sem que tenham a certeza de que estão diante de uma ameaça real.

Caso contrário, eles simplesmente irão observar, atentamente, minuciosamente, cada um dos passos do estranho, até que realmente convençam-se de que precisam entrar em ação.

Cão Rottweiler: Características, Reprodução, Fotos e Filhotes

Uma das primeiras preocupações que se deve ter com relação a essa raça – além das suas características reprodutivas e demais particularidades – , é com relação à criação dos filhotes.

Como podemos ver nessas fotos, eles, como ocorre com todo e qualquer raça de cães, são adoráveis nessa fase. O problema é que eles irão crescer, e certamente desenvolverão as características de um animal territorialista, desconfiado, sisudo, e além de tudo forte. Muito forte!

Portanto, recomenda-se o adestramento dessa animal desde a sua fase de filhotes, para que aprendam a controlar a sua força e os seus limites, especialmente quando estão lidando com crianças.

Cão Rottweiler Filhote

Eles também deverão ser acostumados com as visitas desde cedo; devem ser socializados; pois um filhote de rottweiler que costuma rosnar e demonstrar-se arredio com relação a outros animais, ou durante as caminhadas na rua, ou mesmo dentro de casa com os familiares, é um sinal evidente de que há uma espécie de desequilíbrio na sua personalidade.

Talvez esse comportamento seja o resultado de vários cruzamentos com outras raças, pois um cão rottweiler puro dificilmente se mostra tão hostil quando ainda filhotes.

Um outro cuidado que eles também requerem é com relação ao ataque do já bastante conhecido Parvovírus. Este geralmente manisfesta-se de forma agressiva por meio de gastroenterite, diarreias e vômitos; e em casos mais graves os filhotes poderão desenvolver distúrbios do coração, especialmente uma miocardite, que é responsável pela morte de milhares de animais por ano.

Além da Reprodução, Fotos, Características dos Filhotes, Outras Peculiaridades da Raça Rottweiler

Algo que é bastante comum em cães de médio e grande porte, e que obviamente não poderia poupar os cães rottweilers, são afecções como a famigerada Displasia Coxofemoral, que consiste num desequilíbrio entre o desenvolvimento ósseo e o muscular dos cães, que pode resultar em graves problemas de locomoção durante a fase adulta.

Logo, torna-se necessário realizar todos os exames e demais procedimentos recomendados por um bom veterinário nos cães ainda filhotes, a fim de que também se descubra outras predisposições que possam ser ao menos minimizadas no futuro.

É necessário, também, o máximo de atenção com o excesso de atividades físicas que costuma ser imposto ao animal desde a sua fase de filhotes.

Essas atividades são bem vindas (principalmente em se tratando de uma raça tão robusta), no entanto, é justamente essa robustez, associada ao excesso de esforço, que pode antecipar distúrbios como o da Displasia Coxofemoral, além de outras, que podem comprometer o futuro do animal de forma irreversível.

E para se ter uma ideia do grau de suscetibilidade dessa raça a doenças viróticas, muitos veterinários recomendam dose extras das tradicionais vacinas V8 e V10, como forma de lhes garantir uma proteção a mais contra esse famigerado micro-organismo (o Parvovírus) que costuma configurar-se como um verdadeiro flagelo para essa tão singular família Canidae.

Outras Particularidades Dessa Raça

À parte as características físicas (como vemos nessas fotos), reprodução, cuidados com os filhotes e temperamento dos rottweilers, outras peculiaridades também chamam bastante a atenção nessa raça de cães considerada nobre.

Há uma, por exemplo, que diz que os rottweilers fariam diferença entre as pessoas. Eles respeitariam mais ou menos ao identificar o medo em alguém, ou mesmo por uma singular e curiosa distinção pela cor da pele; fala-se muito que eles teriam uma predisposição negativa com relação às crianças.

Mas, de acordo com a maioria absoluta dos que realmente entendem dessa raça, nada disso é fato! Os filhotes de rottweilers – aliás, como a maioria das raças de cães – tendem a ser o resultado da forma como foram criados! Eles nada têm de violentos! São apenas e tão somente cães de guarda, que atendem a comandos; e que, portanto, se forem criados para serem violentos, é o que eles serão!

Na verdade, para muitos especialistas, é de se lamentar que um filhote de cão seja visto ou considerado apenas e tão somente como o projeto de uma fera, que ao crescer deverá ter toda a disposição possível para atacar, trucidar e matar a quem quer que demonstre ser uma ameça.

A realidade é que um cão é mais que isso! É um companheiro, cuja capacidade (muito bem vida) de proteger uma casa ou uma família deveria ser apenas uma das suas inúmeras qualidades.

Ele deveria, antes de mais nada, ser visto como um bom companheiro para as horas difíceis, a quem nos dedicaríamos como quem se dedica a tornar plena de felicidade a vida de um ser vivo.

Portanto, apesar das controvérsias acerca da sua personalidade, o que fica é a certeza de que um rottweiler é apenas isso: um ser vivo! Que será capaz de proteger e livrar-nos de um perigo, caso seja criado para tal. Mas que também pode ser um amigo! Fiel, dócil e leal. Capaz de trazer um pouco mais de vida para o seio de uma família e tornar qualquer ambiente cheio de vida, como só mesmo os cães sabem fazer.

Comente, reflita, discuta, questione e aproveite-se de nossos conteúdos. É dessa forma que conseguimos aprimorar, ainda mais, os nossos conteúdos.

Veja também

Lista de Raças de Galinhas Gigantes Com Nome e Fotos

Se referir a galinhas gigantes relativiza muito a interpretação. Há raças que são tão fofas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *