Home / Plantas / Que Parte da Planta é o Algodão?

Que Parte da Planta é o Algodão?

É muito comum que as plantas sejam capazes de gerar curiosidade nas pessoas. Dessa maneira, é comum, também, que existam diversas dúvidas a respeito dessas plantas. Afinal, é necessário entender tudo quando se trata de um assunto que gostamos ou que faz parte do dia a dia. É isso que acontece, por exemplo, com o algodão.

Embora o algodão seja bastante usado pelas pessoas diariamente, muitas não compreendem ao certo como nasce o algodão ou como se dá a sua retirada da planta. Na realidade, há alguns que sequer sabem qual a parte da planta é o algodão. Serie ele um fruto? Ou uma flor? A verdade é que o algodão não é nenhum dos dois, mas sim uma terceira opção. Isso será visto mais adiante, com a explicação de como se desenvolve o algodão.

Pois compreender melhor um item tão importante para a sociedade é necessário, pois é provável que, nesse exato momento, você esteja usando uma roupa de algodão. Portanto, se você deseja entender mais sobre o algodão e como ele é retirado da planta, além de saber mais sobre a plantação do item e tudo que o cerca, veja mais informações sobre isso logo adiante.

Planta do Algodão
Planta do Algodão

Que Parte da Planta é o Algodão?

Muitas pessoas pensam que o algodão é um fruto ou, então, uma flor. Afinal, se nasce da planta, é preciso que ele seja um dos dois, certo? Na verdade não. O algodão é, na realidade, um tricoma presente ao redor da semente da planta. Dessa maneira, o algodão é um suporte para a semente, que serve para ajudar na dispersão dessa semente.

Logo, nada de fruto ou flor. Assim, com o tempo as pessoas foram percebendo que poderiam fazer uso do algodão para construir muitas e muitas coisas, como roupas e outros itens. O interessante sobre o algodão é que, por ser leve, ele acaba por ser levado pelo vento e, assim, faz com que a semente possa chegar a novos solos e novas áreas.

Contudo, também por ser muito leve e ainda assim bastante resistente, o algodão serve muito bem para a produção de peças de roupas. Grande parte das peças de vestuário que vestem a sociedade são feitas apenas de algodão, enquanto outras possuem o algodão junto a tecidos diferentes. Em todo caso, o algodão está presente na vida de todos e agora você já sabe qual parte da planta ele é.

Conheça o Algodoeiro

O algodão precisa nascer de uma planta. Assim, essa planta recebe o nome de algodoeiro, possuindo cerca de 40 espécies ao todo. A planta não é muito fácil de cultivar e não costuma florescer tão rápido, já que exige solos muito específicos ou ricos em matéria orgânica para tal.

Em todo caso, o mais comum é que o pé de algodão seja plantado em zonas tropicais ou subtropicais, muito presentes na Ásia e na América do Sul. Em estado selvagem, livre na natureza, o algodoeiro pode atingir os 7 metros de altura. Porém, o mais natural é que a planta seja controlada e cresça menos quando voltada para a produção em larga escala.

Vale lembrar que o algodão é um negócio e, como tal, movimenta alguns trilhões de dólares todos os anos em todo o planeta Terra. Isso porque se deve considerar o algodão não apenas como a matéria-prima que dá origem a roupas, mas também o preço de mercado dessas roupas após a transformação final, algo importante e que coloca valor real no algodão. Os custos de produção do em larga escala podem ser altos, então é necessário conhecer o mercado antes de se aventurar em algo assim.

Preparo do Solo Para Plantar Algodão

O solo deve ser muito bem preparado antes de realizar o plantio de algodão. Dessa maneira, é importante conhecer bem o local para realizar um bom plantio e, mais tarde, ter uma boa colheita à espera.

A aragem do solo deve ser feita duas vezes em solos que ainda não receberam o algodão, mas apenas uma vez naqueles solos que já tiveram algodão sobre eles no passado. Isso porque a qualidade do solo é algo muito importante quando se trata do algodão. Fazer mais de duas aragens não adiantará muito, então pare por aí. As aragens devem ter cerca de 15 a 30 centímetros, o tamanho ideal para que o algodão possa crescer no futuro de forma saudável.

Calcula-se que, a cada cinco anos de uso da terra para plantar algodão, a aragem deva se aprofundar mais. Isso porque o solo já estará perdendo nutrientes e, assim, será necessário cavar ainda mais para fazer com que a circulação de água de água aconteça corretamente. Nesse momento, você deverá passar dos 30 centímetros, mas sempre aos poucos, sem forçar tanto o solo logo de cara. Fazendo isso, é provável que você tenha muitos anos de boas colheitas de algodão.

Plantar Algodão
Plantar Algodão

Curiosidades Sobre o Algodão

O algodão é importante para as pessoas e, por isso, possui uma série de curiosidades em sua relação com a sociedade. Para quem não sabe, o nome algodão, por exemplo, possui origem no árabe. Isso porque foram os comerciantes dessa parte do mundo que tornaram o algodão famoso em todo o planeta.

Ademais, o algodão é da mesma família de planta que o cacau e o quiabo, algo que você certamente não sabia – o hibisco ainda pertence a essa mesma família. Outro detalhe interessante é que a Índia possui a maior produção de algodão de todo o mundo, já que a planta é muito comum no país e, além disso, o clima local favorece o crescimento do algodão. Ademais, a cor natural do algodão não tem de ser, necessariamente, branca.

O algodão ainda pode ser amarelado ou bege, a depende do tipo e do local no qual a planta foi cultivada. Portanto, se você ver um algodão um pouco menos claro, saiba que se trata realmente da planta. O algodão chegou ao Brasil por volta de 1750, sendo cultivado no Nordeste. Assim, até hoje essa região do país ainda possui as maiores plantações de algodão, com regiões que sobrevivem basicamente dessa commodity.

Veja também

Por que o Algodão Ficou Conhecido Como o Ouro Branco?

Por que será que o algodão ficou conhecido como o ouro branco? E o que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *