Home / Plantas / Quais os Benefícios da Isoflavona de Soja? Para Que Serve?

Quais os Benefícios da Isoflavona de Soja? Para Que Serve?

Onde hoje é o município de Santa Rosa (RS), em 1914, ocorreu a primeira plantação de soja ocorrida no país. No entanto, até 1941, a produção de soja era inteiramente destinada à forragem animal. Somente nesse ano, ocorre a produção de grãos e farelos.

A Importância da Soja no Brasil

A introdução de soja no Brasil se deu ainda no ano de 1882, e o pioneiro foi Gustavo Dutra, que na época era professor da Escola de Agronomia da Bahia em Cruz das Almas. Ele conseguiu essa façanha graças a matrizes norte-americanas. Alguns anos depois, em 1891, houve uma espécie de adaptação das matrizes pelo Instituto Agronômico de Campinas. Uma década depois, ocorria a primeira distribuição de sementes de soja em território nacional.

Exatamente em 2003, o Brasil teve um boom de produção de soja, chegando à marca de 52 milhões de toneladas de grãos produzidos, o que representou, à época, 26,8% da produção mundial de soja. Já na safra entre os anos de 2007 e 2008, a produção alcançou 60,4 milhões de toneladas, um verdadeiro recorde, só sendo superado pela produção norte-americana.

Nessa época, os maiores produtores nacionais foram os estados de Goiás, Paraná e Mato Grosso. Esses, na safra 2004-2006, tiveram uma produção, respectivamente, de 15, 9 e 6 milhões de toneladas de grãos. A época era tão propícia que em 2009, o Brasil se tornou o 2º maior exportador de soja do mundo.

No ano de 2017, o Brasil conseguiu ser o maior exportador de soja em grãos do mundo, superando até mesmo os EUA nesse quesito, sendo responsável por nada menos do que 42,46% das exportações mundiais. Interessante notar que nesse mesmo ano, a China, uma economia emergente, era o maior importador de soja do mundo, responsável por 62,58% desse tipo de transação.

Tudo isso nos dá alguma ideia de como a soja é importante para os brasileiros, sendo usada para diversos objetivos. Assim, um desses usos da soja se encontra na isoflavona, que são fitoestrogênios oriundos do reino vegetal que ajudam as mulheres a controlar a produção desse hormônio, seja para aumentar a produção ou então para controlar o excesso de estrogênio.

Soja no Brasil Características

Veja abaixo mais informações a respeito da isoflavona, além dos benefícios gerais que a soja tem para o organismo humano.

A Soja no Organismo

Um recente estudo meta realizado por Pan Wei mostrou que os suplementos de isoflavonas de soja aumentam significativamente a densidade mineral óssea em mulheres. Substituir proteína animal por proteína de soja também pode ajudar a prevenir a perda de cálcio dos ossos. Dietas ricas em proteína animal causam mais perda de cálcio através da urina.

Embora os produtos de soja não sejam uma rica fonte de cálcio, eles podem ajudar a reduzir o risco de osteoporose. Vários estudos sugeriram que as isoflavonas da soja podem ser um fator que ajuda a prevenir a perda óssea. A genisteína isoflavona de soja parece inibir a degradação óssea e pode ter efeitos similares aos estrógenos na manutenção do tecido ósseo.

Em países com alta ingestão de soja, as taxas de doenças cardiovasculares são relativamente baixas. Pesquisas sugerem que a soja pode ajudar a prevenir doenças cardíacas, reduzindo o colesterol total, o colesterol de lipoproteínas de baixa densidade e prevenindo o acúmulo de placas nas artérias, o que poderia levar a um derrame ou ataque cardíaco.

Além disso, o leite de soja comercial é frequentemente suplementado com cálcio e o tofu pode conter muito cálcio do sulfato de cálcio coagulante adicionado. Outra coisa sobre a isoflavona: dados epidemiológicos mostram que as mulheres asiáticas sofrem menos com ondas de calor e suores noturnos do que as mulheres ocidentais.

A maioria dos sintomas da menopausa é causada por baixos níveis de estrogênio. Os estrogênios desempenham um papel no controle da temperatura corporal. As isoflavonas de soja podem, através de seu efeito semelhante ao estrogênio, controlar esses sintomas da menopausa, especialmente os afrontamentos.

O Que é a Isoflavona de Soja

As isoflavonas de soja são substâncias de origem vegetal que ajudam as mulheres a produzir mais estrogênio, o hormônio que dá as características femininas como a voz fina e os seios grandes, por exemplo. Assim, sua ingestão em doses equilibradas mantém o corpo feminino em bom funcionamento. Pois, embora todos os seres humanos precisem de estrogênio, esse hormônio é determinante apenas na vida das mulheres, que sem ele perdem os detalhes femininos e podem até mesmo ter o aroma da pele alterado.

É o estrogênio que controla o ciclo menstrual, a ovulação e prepara o corpo da mulher para a posterior reprodução. Logo, é impossível que uma mulher mantenha sua qualidade de vida sem a produção adequada do hormônio.

É nesse ponto que entra a isoflavona de soja, substância que interage com os receptores de estrogênio e, assim, desempenham funções parecidas com o hormônio no organismo feminino. De maneira resumida, o ciclo se dá da seguinte maneira: após ingeridas as isoflavonas sofrem ação da flora intestinal, entrando em seguida na corrente sanguínea. A partir desse momento elas se ligam aos receptores de estrogênio, estimulando uma série de benefícios para a saúde.

Os Benefícios da Isoflavona de Soja

A isoflavona de soja atua no corpo feminino, entre outras coisas, diminuindo os efeitos negativos da menopausa e do ciclo menstrual. Por executar ações semelhantes às do estrogênio, a isoflavona diminui dores de cabeça, inchaço e cólicas, por exemplo. Ademais, para as mulheres acima dos 40 anos, a isoflavona é positiva para impedir a insônia, além de diminuir a sensação de calor exagerado e as alterações de humor habituais dessa fase da vida da mulher.

A isoflavona ainda ajuda a controlar os níveis de colesterol do corpo, além de combater doenças relacionadas à perda de rigidez óssea, como a conhecida osteoporose. Outro efeito muito procurado na isoflavona é o de ação antioxidante, que torna a pele mais suave e mais bela, além de aumentar a capacidade de regeneração do corpo humano.

Por fim, a reposição hormonal é outro efeito muito procurado, já que, como explicado, a isoflavona consegue substituir o estrogênio no corpo da mulher, tendo atuação parecida e gerando os benefícios desse hormônio tão importante.

Veja também

Como Usar a Canela Para Emagrecer?

A canela, assim como o cravo, noz-moscada, gengibre, açafrão, pimenta-do-reino, cúrcuma e outros, é considerada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *