Home / Plantas / Pode Tomar Chá de Espinheira Santa Todos os Dias?

Pode Tomar Chá de Espinheira Santa Todos os Dias?

Os chás medicinais são muito importantes para a saúde das pessoas, sobretudo aquelas mais preocupadas em cuidar do corpo com produtos naturais. Dessa maneira, o chá de espinheira-santa é mais um daqueles que funcionam para muitos problemas. A bebida, como o seu nome já indica, é extraída da planta espinheira-santa, encontrada no Brasil entre os estados de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

A planta já é usada há muitas décadas como remédio natural, recebendo o nome de espinheira-santa justamente pelo fato de muitos acreditarem que possui poderes paranormais. Porém, como todo remédio, ainda que natural, o chá de espinheira-santa possui contraindicações.

Chá de Espinheira
Chá de Espinheira

No caso, crianças com menos de 12 anos não devem ingerir a bebida, já que os efeitos ainda são pouco conhecidos – na ciência, quando algo é desconhecido, o bom senso indica que o uso não deve ser aconselhado. Em todo caso, muitos se perguntam se o chá de espinheira-santa pode ser consumido todos os dias. Afinal, pode? Há alguma contraindicação em relação ao seu uso diário? Se você também possui a dúvida e deseja saber mais sobre uma das bebidas naturais mais famosas do Sul e Sudeste do Brasil, veja as informações abaixo.

Pode Tomar Chá de Espinheira-Santa Todos os Dias?

Não há tantas pesquisas relacionadas aos efeitos do chá de espinheira-santa sobre o organismo após o uso diário da solução por muito tempo. Assim, o mais comum é que as pessoas bebam o chá por períodos curtos, em intervalos definidos. Ao longo desse tempo, o comum é que o chá seja ingerido três vezes ao dia – pela manhã ao acordar, à tarde antes do almoço e antes do jantar.

Tome o chá em jejum, cerca de meia hora antes das principais refeições do dia. Por diminuir a acidez do estômago, calcula-se que o uso diário do chá de espinheira-santa por muito tempo pode fazer com que o corpo produza quantidades insuficientes de ácido clorídrico, principal componente do suco gástrico. Como consequência disso, é provável que o corpo passe a demorar mais para realizar o processo de digestão, causando disfunções na região do estômago.

Todavia, as suposições necessitam de mais experimentações práticas, acompanhadas de forma científica. Logo, não há contraindicação formal e científica para o uso do chá por tempo indeterminado. Até lá, o mais aconselhável é evitar a ingestão do chá de espinheira-santa por períodos superiores a uma semana. Caso goste da bebida, tente ficar duas semanas sem o chá a cada semana que ingerir a bebida. Dessa forma, ao menos seu corpo poderá equilibrar melhor as doses de produção de suco gástrico.

Como Fazer Chá de Espinheira-Santa

Você quer fazer o chá de espinheira-santa e ainda não sabe como? Não precisa mais esperar, pois a produção do chá é bastante simples e exige pouco. Na verdade, para dar início ao processo, é necessário apenas que você tenha:

  • 1 xícara de água fervente;

  • 1 colher de chá de folhas de espinheira-santa.

Em seguida, basta colocar as folhas de espinheira-santa junto à água fervente, como em qualquer outra produção de chá. Deixe a folha e a água no fogo, juntas, por cerca de 3 a 5 minutos. Em seguida, tampe a solução e deixe descansar por cerca de 8 minutos. Depois disso, basta coar e ingerir a bebida – de preferência, tome o chá de espinheira-santa quando morno, pois os efeitos são mais fortes e o sabor se torna muito mais agudo.

É importante que você esteja em jejum há pelo menos 2 horas antes de ingerir o chá, já que seu efeito principal se dá no estômago. Logo, tomar a bebida de espinheira-santa cerca de 30 minutos antes do almoço e do jantar é uma alternativa bastante utilizada pelas pessoas. Porém, os efeitos positivos da espinheira-santa não são restritos a isso. Na realidade, todo o estômago é auxiliado pelo chá.

Espinheira-Santa
Espinheira-Santa

Benefícios do Chá de Espinheira-Santa

O chá de espinheira-santa é bastante eficiente em alguns aspectos, como se dá em relação ao controle da acidez estomacal. No caso, a espinheira-santa atua de forma a diminuir a produção de ácido clorídrico pelo estômago, o que torna o suco gástrico mais fraco. Logo, o chá é muito bom para quem sofre de refluxo ou gastrite – vale lembrar que, se não tratada de forma adequada, a gastrite pode evoluir para um quadro de úlcera.

Ademais, o chá de espinheira-santa atua para tornar a mucosa do estômago mais resistente e forte, diminuindo justamente as chances de úlcera. O chá ainda funciona como laxante, embora seja suave nessa questão – ainda assim, há diversas pessoas que buscam a espinheira-santa com esse objetivo.

Benefícios do Chá de Espinheira-Santa
Benefícios do Chá de Espinheira-Santa

Como já explicado, não é recomendado que crianças com menos de 12 anos tomem o chá, além de não ser recomendado também para gestantes e lactantes. Portanto, em caso de dúvida, opte por não ingerir o chá de espinheira-santa, já que até mesmo a ciência possui limitações quanto ao uso da bebida em certas situações.

A Planta Espinheira-Santa

  • Nome científico: Maytenus ilicifolia;

  • Altura: até três metros.

A espinheira-santa é uma planta, como todos sabem. Assim, entendê-la pode ser uma parte importante do processo de compreender melhor os efeitos do chá. Ademais, a planta pode ser cultivada em casas, então essa é uma boa opção para quem pretender ter um jardim voltado para tratamentos medicinais.

Na verdade, no estado de Santa Catarina essa planta é oficialmente considerada uma planta medicinal, já que seu uso na região Sul do país é extremamente comum. Há pessoas que juram que a espinheira-santa combate o câncer, mas não há qualquer comprovação de que isso seja verdade. Em todo caso, o certo é que a espinheira-santa se mostra bastante popular.

Arbusto que é, a planta pode chegar aos três metros de altura, com nome científico de Maytenus ilicifolia. A planta pode ser cultivada em vasos, desde que sejam grandes o bastante para suportar seu crescimento potencial. Além disso, jardins, ainda que pequenos, suportam muito bem o crescimento da Maytenus ilicifolia. O tom de verdade das suas folhas é bastante forte e a planta gosta de meia sombra, mas necessita de ao menos 3 horas diárias de sol pleno. Já pensou em ter uma?

Veja também

Frutas que Começam com a Letra H: Nome e Características

As frutas são alimentos extremamente populares. Variam entre os sabores adocicado, cítrico, travoso e amargo. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *