Home / Plantas / História da Flor Jasmim-dos-açores: Significado, Origem e Fotos

História da Flor Jasmim-dos-açores: Significado, Origem e Fotos

O jasmim-dos-açores (Jasminum azoricum) é uma planta que está ligada aos arbustos. Ela pode crescer de forma ereta ou trepadora, além de apresentar um aspecto semilenhoso e possuir grande capacidade de enfeitar os locais onde se encontra. Pode atingir até dois metros de altura.

Oriunda da Ilha da Madeira (Portugal), essa planta está seriamente ameaçada de extinção em seu país de origem. Atualmente, Portugal tem apenas 50 exemplares de jasmim-dos-açores.

Essa planta apresenta ramos relativamente longos e finos, o que forma um emaranhado de muita densidade. As flores desse jasmim são duradouras e brilham muito. Como gosta de climas quentes, esse jasmim floresce durante quase todo o ano em locais de temperaturas elevadas.

Suas flores são muito brancas e possuem um excelente aroma que, por sinal, se parece muito com o da gardênia. As borboletas são ótimos polinizadores para essa planta, além disso, os frutos do jasmim-dos-açores são escuros e pequenos e não têm capacidade ornamental.

Características Gerais

O jasmim-dos-açores possui vários nomes em todo o planeta, entre eles: jasmim branco, jasmim do rio e jasmim açoriano. Essa planta faz parte da família dos Oleaceae e consegue se adaptar bem a vários tipos de clima. Por conta dessa versatilidade, esse jasmim consegue a  manter a sua boa aparência mesmo em situações adversas (ventos fortes e gelados). Isso faz com que essa planta viva por muitos anos.

É uma planta perene e que tem preferência por locais que captam a luz do sol com maior intensidade. Apesar do jasmim açoriano pertencer à Ilha da Madeira, atualmente existem poucas dessas plantas naquela região. Como ela foi muito explorada ao longo dos anos, ela ficou praticamente extinta naquele local.

As flores do jasmim açoriano tem formato estrelado e seu perfume é bem agradável. Encontradas frequentemente nas áreas rurais, sua cor branca combina bem com esse ambiente. Essa planta atrai vários tipos de insetos para a polinização, entre eles, as borboletas. Mesmo com toda a beleza dessa planta, seus frutos não têm a menor utilidade, nem mesmo para fins estéticos.

Apesar de ser bem difícil encontrar alguém que venda essa planta, é bem comum vê-la como adorno nos jardins, nas cercas e nas pérgolas. Como cresce em forma de trepadeira, essa planta pode melhorar muito a paisagem de um determinado local.

Cuidar dessa planta não exige tanto trabalho assim, pois ela é muito simples e não gera grandes custos em sua manutenção. É muito importante que essa planta seja podada anualmente, pois isso prolongará a sua vida útil e a deixará ainda mais bonita.

Modo de Cultivo

Jasmim-dos-Açores no Vaso
Jasmim-dos-Açores no Vaso

Essa planta se propaga melhor durante o período mais quente do ano. É nessa época que ela torna suas raízes ainda mais fortes, o que a deixa muito resistente. Para cultivar o jasmim-dos-açores, é preciso deixar o solo úmido e analisar se a terra do plantio é fértil ou não. Essa planta não costuma florescer tanto em seus primeiros anos de vida. No entanto, o seu número de flores aumenta de forma gradativa com o passar dos anos.

Muito resistente, não é comum ver pragas ou outras doenças incomodando esse jasmim. No entanto, ela precisa de cuidados como qualquer outra planta. Se isso acontecer, suas belas flores irão aparecer mais cedo ou mais tarde.

Essa planta é muito requisitada para o paisagismo, pois suas flores são belas e perfumadas. Ademais, ela é excelente para a construção de cercas, o que é muito útil para a decoração de alguns ambientes. Apesar do jasmim dos açores crescer apenas na parte mais quente do ano, ele se mantém forte durante o ano inteiro.

Esse jasmim possui um aroma muito semelhante ao das gardênias e, apesar de sua aparência delicada, ele consegue resistir a vários tipos de temperaturas. Isso faz com que seu cultivo aconteça nos mais variados ambientes. Para que ganhe forma de arbusto, o jasmim açoriano deve ser amarrado e seu crescimento deve seguir o caminho dessa amarra.

Algo que pode ajudar muito no cuidado com essa planta é comprar uma de suas mudas. Depois disso, procure alguém que tenha uma cerca de um metro e plante o jasmim em sua casa. Lembre-se de cavar um buraco que tenha um espaço mais amplo nas laterais, em seguida, ponha o extrato vegetal. Se for plantar o jasmim em um vaso, escolha aquele que tiver mais de 50 cm de diâmetro.

Resistência

Essa planta é ideal para aqueles que pretendem decorar algum ambiente, pois têm um belo aroma e uma ótima aparência. O jasmim-dos-açores gosta de locais que recebam bastante luz do sol, mas também consegue sobreviver em locais de meia sombra.

É preciso que o solo tenha bastante húmus (grande quantidade de material orgânico em decomposição) e seja regado com frequência, principalmente no primeiro ano do jasmim. Depois disso, as regas devem ser diminuídas.

Com o passar do tempo, o jasmim açoriano se estabiliza e consegue viver muito tempo sem água. Ademais, essa planta possui enorme resistência ao frio e as geadas.

Pessoas que moram em locais de muita ventania ou com grande nível de salinidade (litoral, por exemplo) também conseguem cuidar dessa planta, já que ela resiste a tudo isso. Em geral, essa planta se propaga bem através de suas mudas.

Ficha Técnica

Veja uma ficha com algumas informações importantes sobre o jasmim-dos-açores:

  • Tem suas origens ligadas à Ilha da Madeira, em Portugal;
  • Apesar de gostar muito do sol, ela consegue sobreviver em diversos climas;
  • Floresce durante grande parte do ano;
  • É muito utilizada para enfeitar espaços, sejam eles abertos ou fechados;
  • Propaga-se por meio de suas mudas;
  • É uma planta que precisa ser adubada frequentemente.
    Flor Jasmim-dos-Açores Fotografada de Perto
    Flor Jasmim-dos-Açores Fotografada de Perto

Controle de Crescimento

Algumas plantas crescem de um jeito aleatório, o que faz com que elas ataquem e sufoquem as outras plantas que estão ao seu redor. A chance disso acontecer com um jasmim açoriano não é tão grande, mesmo assim, é bom controlar o seu crescimento. Nesse caso, a melhor medida é podá-la pelo menos uma vez ao ano, assim, problemas maiores serão evitados.

Além do mais, fazer algumas amarras na trepadeira pode evitar o crescimento dessa planta em direções aleatórias. Isso impedirá que as outras flores ao lado do jasmim açoriano sejam prejudicadas por ele.

Veja também

Flor de Cerejeira

Tudo Sobre a Cerejeira: Características e Nome Científico

Para pessoas que adoram admirar plantas, hoje temos um post recheado de informações bacanas. Quem …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.