Home / Plantas / Como Guardar Bulbos de Amarílis? Como Conservar?

Como Guardar Bulbos de Amarílis? Como Conservar?

Você sabia que os bulbos guardam segredos únicos? E com a Amarílis isso jamais poderia ser diferente!

De tempos em tempos muitas pessoas possuem dúvidas sobre como guardar os bulbos de forma assertiva e mantê-los conservados!

Amarílis, copo de leite, trevo, falsa cebola do mar e narciso – mesmo que visualmente todos esses exemplos sejam de fato diferentes, todas essas espécies possuem algo em comum no final das contas: são plantas caracterizadas como bulbosas!

E o que isso quer dizer? Significa que suas folhas e flores tem a capacidade de brotar de uma estrutura com um aspecto arredondado e que ainda é responsável por conter uma série de nutrientes, ou seja, o bulbo!

Conhecendo Mais Sobre Os Bulbos!

É importante deixar evidente que, da mesma forma que acontece com as sementes, os bulbos são capazes de germinar quando são devidamente colocados no solo.

Mas, é aí que está o grande ponto! Isso porque os bulbos podem ser muitos mais caprichosos quando se trata de investir em técnicas realmente eficientes para o seu plantio – e isso também poderá variar conforme a espécie.

Em linhas gerais, enquanto alguns bulbos precisam ser totalmente enterrados, há aqueles que somente precisam ser parcialmente cobertos, sem contar os que são capazes de germinar quando simplesmente apoiados no solo. fato é que não há como saber realmente como agir com cada bulbo somente ao olhar para ele, e por isso, é fundamental levar em conta algumas instruções importantes.

Entenda Sobre O Ciclo Dos Bulbos

Não importa, na verdade, se você irá colocar o bulbo sobre a terra, enterra-lo complementarmente ou até mesmo de forma parcial – todo bulbo agrega um ciclo de vida bem semelhante, e entender isso já é o primeiro passo para ter sucesso na hora de conservá-lo!

Diante disso, eles deverão ser plantados logo que forem comprados, mesmo que o período oportuno não seja o mais propicio para sua floração!

Se esse for o seu caso, saiba que o máximo que irá acontecer é o processo de dormência do bulbo, até que chegue o momento certo para ele começar a desabrochar!

Conheça Um Passo A Passo Para Plantar E Também Cuidar De Amarílis

Bulbos de Amarílis
Bulbos de Amarílis

Antes de conceder o passo a passo para guardar de forma eficiente esse bulbo, é importante destacar que ele poderá ser indicado também para outros tipos de bulbos, tendo como exceção somente a profundidade do plantio.

  • Passo 1:

Você deverá preparar um vaso com a inclusão de um substrato que seja bem rico em matéria orgânica – ele deverá ainda ser acrescido de 20% de areia.  Outra alternativa poderá ser abrir uma espécie de “berço”  em um canteiro, desde que ele possua as mesmas características!

  • Passo 2:

Agora você deverá acomodar o bulbo levando em conta todas as instruções indicadas pelo fabricante. Se tratando do Amarílis especificamente, a ponta superior do bulbo precisa ser mantida sempre para o lado de fora do substrato!

  • Passo 3:

O bulbo já é uma poderosa fonte de nutrientes  por si só, e por isso, não há a necessidade de considerar fazer a adubação do solo. Mas, se você realmente quer recorrer ao uso de fertilizantes, a sugestão é fazer essa aplicação de 30 em 30 dias.

  • Passo 4:

Uma outra questão bem relevante é que os bulbos não precisam de grandes quantidades de água. Portanto, é necessário somente regar de duas até no máximo três vezes a cada semana – e sem acabar encharcando o solo, ok?

  • Passo 5:

Na hora de regar o bulbo tenha bastante critério com relação aos horários. Sempre prefira fazer isso ainda durante as primeiras horas do dia. Isso porque depois das 11h da manhã, diante do evidente aumento das temperaturas, a terra deverá ficar mais aquecida, o que poderá fazer com que a água acabe “cozinhando” o bulbo!

Armazene O Bulbo Em Uma Caixa Com Areia Durante O Período Natural De Dormência.

Tantos as flores como também as folhas tendem a entrar em um período natural de dormência. Nesse caso, a dica pode ser manter o bulbo justamente onde ele está no próximo ano até que ele volte a brotar.

Uma outra opção é extraí-lo da terra. Se essa for a sua opção, é necessário cortar o caule que estiver sobrando e armazená-lo em uma caixa com areia.

Amarílis - Sidney
Amarílis – Sidney

Essa caixa deverá ainda ser mantida em um local que seja realmente fresco, bem como seco e totalmente ventilado. Posteriormente, você poderá plantá-lo levando em conta o período ideal da espécie, que  no caso específico do Amarílis, acontece no finalzinho do inverno.

A Profundidade Ideal Na Hora De Plantar O Bulbo

No caso do Amarílis, é importante certificar que ele seja enterrado com enterramento parcial. Isso quer dizer que o seu bulbo deverá ter somente uma parte devidamente enterrada – essa área é justamente a sua área arredondada.

Vale salientar que para que se tenha bons resultados no final das contas, será preciso manter a pontinha do bulbo do lado de fora da terra, pois, será a partir dela que irão brotas tanto as folhas como também as flores.

Pressa? Nada Disso!

Muitas pessoas ficam insistentemente buscando informações sobre como acelerar o processo de crescimento das plantas, mas se você se identifica com esse perfil, saiba que o maior aprendizado a ser considerado nesse aspecto é a paciência!

Aprender a ter paciência com relação ao processo natural das plantas é sempre a melhor maneira de ter sucesso com seu cultivo e ainda garantir que ela se desenvolva de forma assertiva.

Afinal, a natureza possui o seu próprio tempo, ou seja, as plantas têm o seu ritmo particular e não se pode deixar a ansiedade assumir o comando – de fato esse é um ponto que poderá atrapalhar bastante.

Por isso, permita-se aproveitar e também curtir tudo que a sua planta tem a lhe oferecer, seja em detrimento de sua beleza, cor, perfume, alimento, características medicinais e, principalmente, pelo oxigênio precioso oferecido de forma tão gentil para todos nós!

Essa é, certamente, a maior e melhor recompensa de todas e poderá surtir um efeito praticamente mágico na hora de cuidar do bulbo de Amarílis!

Veja também

Quais os Males que a Chia Pode Causar?

A chia (nome científico Salvia hispanica L.) é uma semente que vem se tornando bastante …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *