Home / Plantas / Como Cuidar da Flor Glicínia, Fazer Mudas e Podar

Como Cuidar da Flor Glicínia, Fazer Mudas e Podar

O papel das flores na natureza é de extrema importância para a mesma, já que as flores tornam as plantas mais belas e atrativas para as aves, que, por sua vez, levam as sementes dessas plantas para outros locais e fazem a dispersão de diversas variedades de plantas para outros locais do ambiente natural.

Dessa forma, as flores são fundamentais quando o assunto é expansão da natureza, já que toda expansão das plantas passa pela importância central das flores. Ademais, além de atrair as aves e outros animais ou insetos pela sua beleza mais do que exuberante, as flores ainda são capazes de atrair os seres vivos pelo seu aroma inconfundível.

Logo, as flores fazem uso do cheiro especial para atrair esses seres vivos, que, com o tempo, farão a dispersão da planta para outros locais, algo que torna a natureza mais sustentável no longo prazo. Todo esse processo, tão chave para todo o planeta Terra, tem início com as flores.

Conheça a Flor Glicínia

Portanto, existem muitas flores muito belas e atrativas para os seres vivos, como é o caso da flor glicínia. A flor glicínia, assim, possui a cor violeta como principal coloração das suas variedades e tipos diferentes. Isso porque a flor glicínia possui mais de 5 tipos distintos e variantes em todo o mundo, embora a cor violeta seja um diferencial que todas as representantes da flor glicínia costumam ter.

Além disso, a flor glicínia ainda se destaca, também, por manter a grande maioria das características em todos os tipos variantes, independentemente do tipo da flor e de onde ela possui origem.

Naturalmente, há detalhes que algumas espécies da flor glicínia possuem e outras não, sendo esses detalhes os pontos centrais das diferenciações entre os tipos da flor. Contudo, como um todo há muitas semelhanças e fatos em comum a todos os exemplares da famosa, bela e perfumada flor glicínia.

Assim, a flor glicínia é muito usada pelos paisagistas, para dar um tom diferente ao jardim. Isso se explica pelo fato de a flor glicínia possui cor bastante chamativa, um violeta forte, que serve muito bem para qualquer jardim. A flor costuma, dessa maneira, ser muito usada como ponto focal, aquele ponto central no qual o jardim se sustenta, com todas as outras componentes do jardim levando o olhar das pessoas para tal ponto central.

A flor glicínia, ademais, é tida como uma trepadeira, que usa de árvores, troncos e demais bases para crescer e se desenvolver. Assim, pelo fato de ser uma trepadeira clássica, a flor glicínia ainda é muito útil quando o assunto se trata de cercas de residências.

Isso porque a flor pode atuar em conjunto com a cerca, servindo como um bloqueio visual para a parte interna da casa, algo que fica muito mais bonito e natural do que um grande muro de concreto. Dessa forma, a flor glicínia é bastante usada para diversos fins, incluindo também a produção de itens de perfumaria e de cosméticos em geral.

Veja abaixo mais alguns detalhes sobre a flor glicínia, entendendo melhor como a flor em questão cresce e quais são as principais características da ficha técnica dessa flor. Além disso, saiba quais cuidados ter com a flor glicínia para fazê-la se desenvolver da maneira correta.

Ficha Técnica da Flor Glicínia:

  • Nome Popular: flor glicínia;
  • Nome Científico: Wisteria sp;
  • Tipo de Planta: trepadeira;
  • Variações da Flor Glicínia: são mais de 5 tipos diferentes;
  • Altura Média: de 4 a 12 metros;
  • Ciclo de Vida: perene;
  • Luminosidade Preferida: sol pleno e forte.

Como Cuidar da Flor Glicínia

A flor glicínia não exige cuidados muito complexos para se manter bela e radiante no jardim, mas é preciso ter algumas características da flor em mente para realizar os cuidados básicos da forma correta.

Para começar, é importante ter material orgânico de qualidade para fazer com que a flor se desenvolva do jeito certo, como possui potencial para se desenvolver. Além disso, a flor glicínia deve receber doses grandes de energia solar todos os dias, sendo colocada em ambientes nos quais o sol seja vasto.

Porém, como a flor glicínia não é típica de locais secos, apesar da presença do sol é necessário regar a planta todos os dias e, por vezes, mais de uma vez no mesmo dia. Isso porque a flor glicínia gosta de água e precisa muito desse elemento da natureza para sobreviver em boas condições. Fora isso, a flor glicínia ainda pode receber farinha de ossos e fósforo no inverno, para que seja feita a mistura que é muito importante para o desenvolvimento da flor.

É importante estar atento, ademais, às mudanças que a flor glicínia pode demonstrar ao longo do ano. A flor, como todo item da natureza, dá sinais de alterações que estão por vir, então fique atento.

Poda da Flor Glicínia

Flor Glicínia Podada
Flor Glicínia Podada

A flor glicínia deve ser podada, mas sempre em datas específicas do ano. Dessa forma, a flor deve ser podada, por exemplo, no fim do inverno e/ou no fim do verão. É importante que a pessoa trate de remover as folhas mortas e também as flores já falecidas, além de retirar os brotos que possuam algum tipo de problema.

Use os itens e equipamentos típicos da jardinagem para realizar as ações no seu jardim, já que outros equipamentos podem ser prejudiciais para as plantas e podem até mesmo causar problemas para você.

Plantio da Flor Glicínia em Vasos

A flor glicínia pode ser plantada em vasos, mas também pode ser cultivada em ambientes abertos de jardim. Tudo depende de quanto espaço você possui à disposição. Porém, para realizar o plantio da flor glicínia em vasos, é importante ter algumas informações em mente, que irão ajudar em todo o processo de crescimento da flor.

O vaso pode ser médio, mas é importante que tenha matéria orgânica de qualidade e, além disso, possua pedras e areia para a drenagem. Ademais, a hidratação no vaso é ainda mais importante do que fora dele. Não esqueça também de colocar o vaso em uma posição em que o sol seja incidente sobre a flor.

Veja também

Como se Faz Saião com Leite? Para que Serve?

O saião (nome científico Kalanchoe brasiliensis) é uma planta medicinal que também pode ser conhecida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *