Home / Natureza / Quais São as Partes de uma Flor?

Quais São as Partes de uma Flor?

Antes da gente conhecer as partes de uma flor, vamos conhecer um pouco mais sobre as flores, como elas funcionam, qual a sua função na natureza e muito mais.

As flores possuem uma estrutura de reprodução de uma planta vascular que possui sementes que as geram.

A função delas é gerar sementes , isso acontece através da produção de espermatozoides que provêm do pólen e se juntam aos óvulos que irão gerar as sementes.

Para elas suas sementes funcionam como um embrião que será germinado a partir do momento que encontrar um substrato adequado. Essas sementes são a melhor forma encontrada pelas plantas com sementes de se espalhar e se propagar.

Apesar da semelhança, possuem funções diferentes, apenas as plantas capazes de produzir flores e frutos podem consequentemente gerar flores. Já as plantas gimnospérmicas possuem sementes sem gerar frutos, elas produzem cones.

Algumas espécies de gimnospérmicas como as Gnetales podem ser confundidas com flores, mas esses cones não possuem a estrutura de uma flor de fato, onde não possuem os órgãos reprodutores de uma flor como o órgão masculino androceu e o órgão feminino Gineceu envolvidos pelo cálice e a corola.

A flor verdadeira é estruturada por 4 tipos de folhas que são modificadas, isso tanto estruturalmente como também fisiologicamente, para que produzam e protejam seus órgãos reprodutores. 

  • Sépalas –  Servem para proteger a flor no lado externo, são verdes e formam o cálice da flor.
  • Pétalas – Protegem a parte interna da flor, são coloridas e atraem os polinizadores.
  • Estames – Órgão masculino da planta que são responsáveis por gerar flores.
  • Carpelos – Órgão feminino da planta responsável por gerar flores e frutos.
As Partes de Uma Flor
As Partes de Uma Flor

Após a fertilização que acontece dentro dessa flor, e através da transformação de algumas de suas partes dará origem a um fruto recheado de sementes.

O grupo de plantas que gera frutos e flores possuem hoje 250 mil espécies, ao longo do tempo evoluiu com muito sucesso, responsável por fazer acontecer a maioria da flora existente hoje, dominante deste o final do período Cretácico.

Podemos dizer que a flor apesar de parecer ser uma coisa simples não é bem essa a realidade, pois possui uma complexa estrutura, em praticamente todas elas existe uma estrutura muito bem conservada e com importantes funções. Mesmo que existam uma grande variedade de formatos e da fisiologia de cada uma delas, sua estrutura é real.

Mas tudo isso faz parte de um longo estudo sobre elas, somente recentemente as flores estão sendo entendidas mais a fundo, desde sua base genética. Com uma origem muito antiga que vem do tempo Cretácico, ao longo de toda a sua evolução e de sua relação com animais polinizadores e como tudo isso de fato funciona.

As flores cumprem um importante papel na ecologia, e ainda são extremamente importantes para nós humanos em diversas esferas. Em todo período evolutivo em momento importantes esteve presente em diversas culturas, seja por seu simbolismo ou apenas por sua beleza e delicadeza. Podemos afirmar então que há pelo menos 5 mil anos o homem cultivava a flor por diversos motivos, hoje em dia tornou-se uma forte indústria.

Quais São As Partes de Uma Flor

As flores podem ser completas e também incompletas.

Chamamos de flor completa a flor que é compostas pelos 4 verticilos, que são eles:

  • Cálice;
  • Corola;
  • Androceu;
  • Gineceu.

Quando em sua composição não aparece 1 ou mais desses ítens acima chamamos de flor incompleta.

Vamos descrever abaixo as partes da estrutura da flor.

  • Sépalas

Parecidas com folhas têm coloração verde também. Elas ficam do lado externo com a função de proteger o botão de flor cobrindo ele antes que se abra. O conjunto dessas sépalas chama-se cálice floral.

  • Pétalas

As pétalas da flor são as que mais nos chamam a atenção, é ali que moram todas as cores, são delicadas e estão dentro da sépala. Quando agrupadas as pétalas foram a corola. Elas agem atraindo seus polinizadores.

  • Pedúnculo

Tem a função de sustentar a flor, em sua parte mais dilatada é chamada de receptáculo floral, dali surgem o cálice, o corola, o gineceu, e em algumas flores o androceu.

  • Androceu

Órgão masculino da flor, é composto por estames, e tem como responsabilidade produzir o pólen.

  • Gineceu

Órgão feminino da flor, é formado pelo ovário, pelo estigma e pelo estilete.

  • Ovário

É ali que acontece a produção dos óvulos da flor. Quando são fecundados, esses óvulos dão origem às nossas sementes e em algumas flores esse ovário se desenvolve em fruto.

  • Estilete

Prolongamento do ovário até o estigma, tão chamado de estilo.

  • Estigma

Tem a responsabilidade de atrair e reter os grãos de pólen trazidos por polinizadores.

Quais Os Tipos de Flores

Estrutura da Flor
Estrutura da Flor

As flores que conhecemos podem ser divididas de muitas formas, mas normalmente elas são categorizadas com base em alguns aspectos como o número de flores, o sexo da flor e aos tipos de polinização utilizado.

Sexo das Flores

Monóicas

Essas flores podem ser hermafroditas ou também chamadas de monoicas, essas são a maioria das plantas que produzem flores e frutos. Recebem essa denominação as flores que são compostas por órgão reprodutores femininos e também masculino em uma só, um exemplo é a Tulipa.

Dióicas

São classificadas dessa forma as plantas que geram flores com apenas órgão feminino ou somente o órgão masculino, no caso sistemas separados, um exemplo é o mamoeiro.

Flores Completas com Base nas Flores

Flor Rosa
Flor Rosa

São consideradas completas as flores compostas por todos os elementos da estrutura de uma flor como cálice, androceu, gineceu e corola. Podemos citar como flor completa a Rosa.

Flores Incompletas

Nessas estão ausente alguns elementos da estrutura comum de uma flor. Um exemplo de flor incompleta é a Begônia, pois podem possuir estame ou possuir pistilo, mas não na mesma flor.

Polinização Na Natureza

A fecundação de uma flor acontece a partir da polinização a partir do grão de pólen. É assim que as plantas se reproduzem, transferindo o pólen de um órgão masculino para um feminino da flor. 

  • A polinização pode ser direta, quando ocorre na mesma flor.
  • Pode ser indireta quando acontece entre flores para mesma planta
  • Cruzada, quando são polinizadas flores de diferentes plantas.

Veja também

Gastrodia Agnicellus

Qual a Flor Mais Feia que Existe?

Para os amantes de flores hoje vamos falar de um assunto bem delicado, será que …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.