Home / Animais / Tudo Sobre o Tracajá: Características, Nome Científico e Fotos

Tudo Sobre o Tracajá: Características, Nome Científico e Fotos

O Tracajá é uma espécie de cágado que possui manchas vermelhas e um tom negro azulado. Vive em diversas bacias hidrográficas do norte da América do Sul, incluindo o Amazonas e a do Orinoco, na Venezuela. Habita margens de florestas inundadas, rios, lagoas e lagos na Bolívia, Venezuela, Peru, Guianas, Equador, Colômbia e norte do Brasil. Pode ser considerado uma espécie de tartaruga amazônica.

Fique por aqui e saiba Tudo Sobre o Tracajá: Características, Nome científico e Fotos

O Tracajá não executa grandes tarefas e possui funcionamento simples, mesmo assim, seu modo de vida é interessante. Esse animal costuma viver bem com a grande maioria dos outros animais que não sejam predadores maiores, como os felinos. Está sempre perto de lagos ou rios.

Devido à sua carapaça resistente e forte, o Tracajá costuma pesar cerca de 8 quilos. O casco dele deve ser pesado, pois precisa aguentar pressão e impacto. O comprimento do cágado varia de 30 a 45 centímetros em condições normais, porém, pode chegar até 60 centímetros.

A reprodução do Tracajá é considerada lenta dentro dos padrões de répteis, ela acontece uma vez ao ano e pode levar mais de 180 dias para chocar os ovos completamente. O animal se encontra sempre perto de uma fonte de água, apesar de gostar de temperaturas altas ou médias.

Se você deseja ter um cágado dessa espécie na sua casa, saiba que o local de repouso dele ser quente, porém, deve conter a fonte de água. A água ajuda no processo de regulação térmica do animal, já que é fria, permitindo que o organismo permaneça estruturado.

Mais Características do Tracajá

O Tracajá é muito delicado e pequeno no momento que nasce, com o tempo ele vai ganhando resistência e força. Por isso, o número de mortes é considerável principalmente nas primeiras semanas de vida.

Os Tracajás apresentam manchas amarelas por todo corpo quando são pequenos, porém, elas somem conforme crescimento do cágado. A fêmea pode colocar cerca de 20 ovo durante o período de reprodução, estes ficam em fase de incubação entre 100 a 200 dias. O número pode mudar de acordo com cada tracajá devido às suas particularidades.

Tracajá Características

Apesar de viver tanto na água quando na terra, o Tracajá fica mais seguro na água. Isso ocorre porque o cágado nada muito bem e assim pode escapar com facilidade dos seus predadores. Enquanto isso, na terra, ele não consegue movimentar-se tão bem, o que acaba prejudicando sua defesa contra outros animais.

Devido à evolução ou simplesmente sorte, o caso deste animal absorve de forma adequada impactos, o que salva a vida do Tracajá em diversos momentos. O animal também serve de alimento para comunidades que vivem ao redor de rios, por isso é muito visado. Isso ocorre com maior frequência no norte do Brasil, local onde a oferta de Tracajás é grande e é um costume comer o animal.

Nome Científico e Classificação do Tracajá

  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Reptilia
  • Ordem: Testudines
  • Família: Podocnemididae
  • Gênero: Podocnemis
  • Espécie: P. unifilis
  • Nome binomial: Podocnemis unifilis

Um Pouco da História do Tracajá

Como já sabemos praticamente tudo sobre esse animal, vamos conhecer a sua história!

No Brasil, o Tracajá inicialmente habitava a região nordeste, isso há cerca de 120 milhões de anos. Como antepassado, teve uma tartaruga que podia atingir os 10 metros de comprimento. Para passar a barreira do tempo o Tracajá precisou adaptar-se e assim conseguiu chegar aos dias de hoje.

Assim, é possível perceber que a natureza recompensa os mais versáteis e não os mais fortes, principalmente a longo prazo.

Apesar de calcularem que o primeiro exemplar de Tracajá surgiu há cerca de 165 milhões de anos, estima-se que ele pode ser ainda mais antigo, pois existem registros de cágados e tartarugas ao redor do mundo com mais de 200 milhões de anos.

Ainda, é importante lembrar que o Tracajá foi capaz de sobreviver devido à sua capacidade de adaptação ao longo do tempo.

Como conseguiu evitar sua morte de várias formas, o animal conseguiu viver mais tempo. Esse réptil passou pela separação dos continentes no planeta Terra, segundo a teoria da deriva continental.

O Maior Tracajá do Mundo. Conheça!

Variando entre 30 e 45 centímetros, o Tracajá é considerado um animal de pequeno ou médio porte. Por isso, é comum encontrá-los em espaços pequenos.

Porém, há cerca de 8 milhões de anos, ele atingiu os 2 metros de comprimento, isso aconteceu onde atualmente é a Venezuela.

Maior Tracajá do Mundo

Para ser exato, o tamanho do fóssil encontrado no local era de 2 metros e 18 centímetros, sendo o maior Tracajá que já se teve registro. O grande cágado aparentemente levava uma vida tranquila e comida somente alimentos de origem vegetal, semelhante aos da espécie atualmente.

Cágados X Tartarugas X Jabutis

Cágados, Tartarugas e Jabutis são mesmo da mesma ordem, a Testudinata – também conhecida como Quelônios, que são répteis com carapaça. Mas, mesmo pertencendo à mesma ordem – e muito parecidos – existem algumas diferenças.

Os cágados, por exemplo, onde se encaixa o Tracajá se caracterizam por viverem a maior parte do tempo dentro da água. Saem, em geral, apenas para desovar ou para banhos de sol. As tartarugas, por sua vez, são também cágados, certo?

Já os jabutis se diferenciam por serem terrestres. O maior exemplo são os jabutis domésticos.

Como exemplo de cágados e tartarugas temos: o Tracajá e todas as tartarugas marinhas, a tartaruga da Amazônia, a iaça e a irapuca.

Já como exemplos de jabutis temos:  o jabuti amarelo (Geochelone denticulata) e o o jabuti vermelho (Geochelone carbonaria).

Veja também

Alimentação do Castor: O que Eles Comem?

Os castores são mamíferos, roedores, de hábitos semi-aquáticos, conhecidos pela curiosa habilidade para construção, inclusive …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *