Home / Animais / Tudo Sobre a Coruja-Águia de Verreaux: Características e Nome Científico

Tudo Sobre a Coruja-Águia de Verreaux: Características e Nome Científico

Hoje trouxemos mais um animal incrível para vocês conhecerem, além disso uma série de informações interessantes que valem a pena. A estrela de hoje é a Coruja-Águia de Verreaux.

Tudo Sobre a Coruja-Águia de Verreaux

Nome Científico: Bubo lacteus

Popularmente conhecida por outros nomes como coruja real gigante.

Essa espécie é encontrada geralmente na África Subsariana, considerada a maior de sua espécie na África, ela mede em torno de 66 cm no comprimento. Ela costuma habitar locais de clima savânico e campo cerrado. Elas possuem uma coloração acinzentada, diferente de outras corujas de grande porte ela tem a pálpebra em cima coloração cor de rosa brilhante como se estivesse maquiada, nenhuma outra coruja no meio tem essa característica.

Ela possui garras bem arrojadas, e isso favorece na hora de caçar e por este motivo é um predador muito habilidoso. Tem uma dieta carnívora, por isso se alimenta geralmente de mamíferos, além de pássaros e alguns insetos podem fazer parte de sua dieta. De acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza essa coruja está na lista de menor preocupação já que existe uma grande quantidade de animais e ainda tem boa adaptação de habitat, inclusive uma boa adaptabilidade de dieta também quando a base de sua alimentação não é mais encontrada. O seu nome popular é uma homenagem ao botânico Jules Pierre Verreaux.

Características da Coruja-Águia de Verreaux

Vamos descrever um pouco das características físicas desse animal, ela apresenta pequenos tufos saindo de suas orelhas. Elas medem em torno de 58 a 66 cm no comprimento. O macho de asas abertas mede de uma ponta a outra cerca de 140 cm, uma fêmea deve medir de uma ponta da asa a outra cerca de 164 cm. As fêmeas são maiores que o macho, essa espécie se difere macho e fêmea pelo seu peso, de acordo com estudos sabe-se que os machos são 65% mais leves do que as fêmeas.

É quando elas estão em período de descanso e relaxamento que podemos observar mais claramente suas pálpebras coloridas naturalmente.

A aparência delas costuma ser bem uniforme, na parte inferior do seu corpo tem uma coloração em cinza claro com algumas linhas irregulares de cor castanho claro. Nas costas tem uma cor sólida castanho claro, já nos ombros algumas marcas brancas. A face tem um formato oval e uma coloração mais clara, algumas vezes pode ter uma coloração mais para o branco se diferenciando do restante do corpo, nas laterais uma coloração preta. Não se sabe ainda se existe uma motivo para as pálpebras cor rosa, mas acredita-se que ela exista para indicar território do seu grupo.

A coloração dos seus olhos são de um castanho mais escuro, além de um tufo de pêlos saindo pelas orelhas. Eles são pequenos, discretos e tem um formato arredondado.

Com tantas características únicas elas podem ser bem diferenciadas, elas são bem mais arrojadas e maiores do que outras corujas em se encontram no mesmo habitat.

Habitat da Coruja-Águia de Verreaux

Essa espécie é vista como dissemos em grande parte da África subsariana, mas não é vista em grande parte de florestas úmidas .  Por outro lado é vista na África oriental e África meridional. Mas evitam estar em mata virgem, e por isso é muito raro na África Ocidental. Habitam especialmente vegetação de savana com árvores  esparsas e Savana-estépica.  Procuram por locais bem secos, inclusive regiões próximas do tipo semi deserto, onde chove bem pouco. 

Elas também podem estar em florestas próximas de lagos e vizinhos de savanas e florestas com campo aberto. Mas não é comum que habitem florestas densas.

Podem ser vistas próximas também de vegetação inundada, pois pode ser favorável para a construção de ninhos dessa espécie.

Em alguns países como a Uganda, esses animais costumam estar em matas que contornam grandes rios.

Essa espécie pode ser vista em diversos tipos de relevo, elas podem estar no nível do mar, mas também próximas da neve no topo das montanhas a quase 3 mil metros de altura, como acontece por exemplo no Grande Vale do Rift da África Oriental. Só em algumas situações elas podem habitar regiões rochosas, por conta disso é muito raro serem vistas em locais montanhosos.

O local mais apreciado por elas são as grandes extensões de terra da savana do sul da África e por isso é o local onde mais se encontra essa espécie.

Comportamento da Coruja-Águia de Verreaux

 

Vamos falar um pouco sobre o comportamento dessa espécie, elas são animais muito tranquilos e sua atividade favorita ao longo do dia é descansar, geralmente empoleirados em galhos de árvores. Durante o dia ficam bem de boa, por conta disso elas são animais de hábitos noturnos.

Elas preferem árvores mais altas e antigas, onde receba sombra e árvores bem cheias de folhas. Durante esses descansos diários elas tem leves cochilos, mas qualquer sinal de perigo elas acordam muito rapidamente para ser capaz de se defender.

São animais que gostam de viver em grupos, por isso é comum vê-los juntos cochilando nos galhos, geralmente são famílias compostas por um macho, uma fêmea e seus filhotes, eles têm o hábito de limpar uns aos outros.

É comprovado que em algumas famílias existem corujas águias de verreaux que surgiram cerca de 3 anos antes.

Algumas curiosidades sobre essa coruja, por exemplo, em dias que o calor tá demais elas podem chacoalhar suas gargantas para tentar resfriar o corpo, elas podem ser vistas também tomando banhos de chuva, ou se refrescando em águas rasas em tarde extremamente quentes. Elas costumam beber água nos rios no período noturno. Como se trata de uma espécie territorialista, quando o casal de corujas tem filhotes eles defendem com fervor seu território, e estes são bem extensos, cerca de 7 mil hectares.

Veja também

Vira Lata no Quadriculo

Tudo Sobre o Vira Lata: Características e Fotos

Hoje vamos falar um pouco mais sobre os cães, sempre estamos aqui trazendo raças diferentes …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.