Home / Animais / Quais São os Predadores da Tartaruga e Seus Inimigos Naturais?

Quais São os Predadores da Tartaruga e Seus Inimigos Naturais?

Ainda que alguns países proíbam a criação doméstica como animais de estimação de quelônios, ou seja, animais como cágados, jabutis e tartarugas, em alguns locais não é uma infração ter esses animais adoráveis no lar. Assim, muitas filhas deixam a ideia de ter cães e gatos de lado para focar na criação de tartarugas como animais de estimação. A presença de uma tartaruga na casa incentiva a interação das crianças com o meio ambiente, além de proporcionar uma figura companheira presente ao longo de todo o desenvolvimento da criança, já que os quelônios costumam ter vida longa e serem muito resistentes à ação do tempo.

Porém, você sabe quais são os tipos de tartarugas domésticas? Sim, pois nem todo tipo de tartaruga está apta a viver em uma casa, existindo diversos detalhes a observar e levar em conta antes de tomar a decisão de adotar um animal doméstico diferente. Antes de tudo, é necessário diferenciar as tartarugas de água doce daquelas terrestres. As tartarugas de água doce precisam viver em um ambiente cercado por água, como pequenos lagos, fontes domésticas ou aquários periodicamente tratados. Em sentido oposto, as espécies terrestres necessitam de um viveiro para se desenvolverem plenamente, um local adequado no qual possam dormir, comer e defecar.

Fatores externos também são fundamentais para que esses animais sobrevivam e se desenvolvam da maneira correta em uma casa. É preciso, por exemplo, que a temperatura ambiente e a luz solar recebida sejam adequadas para o animal. Não pode haver tanta exposição, mas também é inviável que falte luz solar, pois sem isso os quelônios não são capazes de resistir por muito tempo, faltando nutrientes e levando à morte desses animais.

As tartarugas são animais de “sangue frio”, ou seja, que regulam a sua temperatura interna de acordo com o ambiente externo. Assim, é preciso longos períodos tomando sol para aquecer a parte interna do seu corpo, tal como longos períodos em recolhimento para hibernar da forma correta.

Todas essas informações nos levam também a um questionamento importante: quais são os perigos ao criar uma tartaruga? Com quais animais devo me preocupar? Quais predadores devo manter afastados? As tartarugas têm inimigos naturais? Essas são perguntas importantes quando se pensa em criar um animal, seja um cachorro, um gato ou até mesmo uma tartaruga. Logo, conhecer os possíveis perigos para o seu animal de estimação é sua obrigação como dono e protetor.

Assim, veja abaixo quais são os predadores naturais da tartaruga, além dos seus inimigos presentes na natureza, e saiba como manter o seu animalzinho longe de todo e qualquer problema.

Quais São os Predadores da Tartaruga?

Caranguejo Atacando uma Tartaruga
Caranguejo Atacando uma Tartaruga

Embora possa não parecer à primeira vista, as tartarugas fazem parte da dieta de muitos animais, sejam eles marinhos ou terrestres. Como a relação das tartarugas com o homem é muito boa, sendo esses animais muitas vezes ilustrados até mesmo em filmes de sucesso ou séries famosas, não é tão simples para nós pensar nas tartarugas como animais. Assim, como animais, elas possuem presas e predadores, buscando sobreviver entre as muitas dificuldades que a vida fora do cativeiro pode proporcionar.

Pois, além de se preocupar com os predadores naturais, as tartarugas ainda devem estar atentas à poluição causada pelo homem para não sofrer danos irreversíveis. Além disso, possíveis sacolas plásticas e outros lixos atirados ao mar deixam as tartarugas confusas, pois alguns objetos podem parecer predadores, mantendo-as sempre atentas ao perigo.

Predadores das Tartarugas Jovens

Dessa forma, antes mesmo de as tartarugas nascerem, os primeiros predadores naturais são raposas, caranguejos e formigas, que aproveitam o fato de o ovo ser deixado pela mãe para maturação para, muitas vezes, matar os filhotes de tartaruga antes mesmo de eles deixarem o ovo. Logo depois, quando as tartarugas estão pequenas, polvos, aves marinhas e uma grande diversidade de peixes passam a ser perigo para as tartarugas.

Isso porque, quando filhotes, as tartarugas possuem baixíssima capacidade de locomoção, ainda mais quando se trata de fugir rapidamente de predadores ágeis. Os predadores citados aproveitam essa dificuldade para atacar os filhotes, fazendo com que a taxa de mortalidade seja bastante elevada entre as tartarugas jovens e recém-nascidas.

Predadores das Tartarugas Quando Maduras

Já quando mais maduras, as tartarugas se tornam consideravelmente menos suscetíveis aos predadores. Como a capacidade de locomoção é maior, o casco está mais rígido e elas já sabem identificar melhor possíveis predadores, além de estarem muito maiores, as tartarugas se tornam presas difíceis quando maduras. Animais de grande porte como o tubarão e a orca podem matá-las nessa fase, mas na maioria das vezes isso se dá de forma ocasional, pois os tubarões, por exemplo, têm como preferência os peixes pequenos e cardumes.

A exceção a isso é o momento da desova, quando a tartaruga fêmea precisa deixar o habitat natural para se expor e deixar o ovo na terra. Como a tartaruga perde agilidade na praia, esse é o momento ideal para ataques de predadores. Há muitos casos de ataques de onças a tartarugas no trajeto até a desova, por exemplo, pois é um momento de muita exposição.

Ameaças às Tartarugas Causadas Pelo Homem

Talvez até mais do que as ameaças naturais às tartarugas, o homem seja o verdadeiro problema para esses animais. Pois, se mantidas na natureza, apesar de estares suscetíveis a ataques quando pequenas, as tartarugas rapidamente se tornam muito resistentes a predadores, o que torna muito difícil a extinção quando deixadas na natureza sem a interferência humana direta.

Como principais problemas causados pelo homem às tartarugas, é possível citar a caça e a coleta de ovos, a pesca acidental, a poluição dos mares, a luminosidade extrema e o trânsito de veículos. Todos esses fatores, embora independentes, se aliam para fazer com que o homem seja um grande perigo para o desenvolvimento pleno das tartarugas.

Ameaça Humana Para a Tartaruga
Ameaça Humana Para a Tartaruga

A poluição dos mares, por exemplo, mata muitas tartarugas anualmente, pois, além de retirar oxigênio do oceano, cria confusão nos animais, que chegam até mesmo a ingerir sacolas plásticas. Já a poluição luminosa faz com que as tartarugas errem o caminho quando estão na praia para a desova, o que as torna presas ainda mais fáceis.

Veja também

Hábitat do Iaque

Hábitat do Iaque: Onde Eles Vivem?

Os iaques ou yaks (nome científico Bos grunniens) são bovídeos encontrados em áreas de levadíssima …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *