Home / Animais / Habitat do Cachorro: Onde Eles Vivem?

Habitat do Cachorro: Onde Eles Vivem?

Enquanto os cães são alguns dos animais mais comumente domesticados no mundo, uma grande porcentagem de cães vive em estado selvagem — como vadios ou perdidos.

Por mais que os cães sejam amados e considerados os maiores amigos do homem, muitos deles podem dar uma dor de cabeça. Principalmente aqueles que são, desde pequenos, abandonados nas ruas e devem se virar sozinhos.

Eles merecem o nosso amor — não só os cachorros, mas todos os animais que estão passando necessidade. Uma forma de demonstrar isso é dando um lar para aqueles que não possuem um.

Aprenda fatos gerais sobre os cães abaixo, incluindo a diferença entre cães de estimação, andarilhos e ferozes, bem como o que eles comem na natureza e como identificar danos em sua propriedade, proveniente dos cães. Vamos lá?

Fatos Gerais

  • Nome Científico: Canis familiaris
  • Tempo médio de vida de um cão de estimação: 10-13 anos
  • Tempo médio de vida na natureza: 1-2 anos
  • Características de identificação: quatro patas e uma cauda; olfato superior e visão; inteligência e habilidades de aprendizado rápido; fidelidade; boa memória; outras características específicas da raça.

Classificação de Cães

Existem mais de 150 raças de cães reconhecidas, que variam em características genéticas, como tamanho, temperamento, habilidades e aparência.

Além da classificação da raça, os cães também podem diferir em características aprendidas, como personalidade, habitat preferido, dieta e hábitos, com base na maneira como são criados e socializados.

Cães Domésticos

  • Criado por seres humanos desde o nascimento;
  • Vivendo sob custódia de humanos;
  • Muito dependente das pessoas, pois sua alimentação, água e cuidados básicos são fornecidos por seus donos. Dificilmente sabem se virar sozinhos, caso seja necessário;
  • Socializado e geralmente amigável para os seres humanos.
Cães Domésticos
Cães Domésticos

 

Cães Andarilhos

  • Inicialmente animais de estimação, criados por humanos;
  • vivendo em estado selvagem devido a desastre natural, abandono ou separação acidental do proprietário;
  • Um pouco dependente do ser humano, mas, com o tempo, aprende e se virar sozinho, pois é o seu único método de sobreviver;
  • Já foram socializados; podem ser acessíveis por seres humanos. Mas, ao mesmo tempo, alguns deles podem se tornar hostis. Isso é causado devido ao trauma do rompimento repentino.

Cães Selvagens

  • Nascido e criado na natureza;
  • Geralmente, são filhotes de cães andarilhos (que foram abandonados propositalmente ou, por acaso da natureza, acabou se separando do dono);
  • Tem pouco ou nenhum contato humano; As pessoas que estão ao seu redor são simplesmente uma parte do seu ambiente;
  • Considerados independentes do homem, embora possam se beneficiar indiretamente de restos humanos ou de abrigo artificial;
  • Muitas vezes vivem e se reproduzem perto de populações humanas.

É importante entender a diferença entre um animal de estimação, um cão vadio e selvagem, especialmente quando se trata de cuidar ou controlar os cães da vizinhança. Por causa de suas variadas habilidades de socialização humana, os cães de cada grupo provavelmente respondem de maneira diferente aos métodos de cuidado e controle.

Cão: Geografia e Habitat

Cães podem ser encontrados em todos os continentes do mundo, exceto na Antártida.

Na natureza, os cães têm sucesso em habitats que fornecem comida, água e cobertura abundantes, como florestas e matas. Para abrigos, alguns cães irão cavar tocas, mas na maioria das vezes eles usarão uma cobertura feita pelo homem ou habitará residências abandonadas de raposas e coiotes.

Dieta do Cão

Principalmente carnívoros, os cães se alimentam principalmente de animais e matéria animal.

No entanto, ao contrário dos gatos, os cães não são carnívoros obrigatórios, o que significa que também podem digerir uma variedade de alimentos à base de plantas. Cães de estimação domésticos geralmente comem “comida de cachorro”, consistindo de uma mistura de produtos de origem animal, grãos e vegetais.

Algumas fontes de comida favorita de cães selvagens incluem:

  • Pássaros;
  • Carne fresca;
  • Ração animal;
  • Comida humana;
  • Lixo;
  • Coelhos;
  • Galinhas;
  • Frutas;
  • Roedores.

Comportamento do Cão

Atividade: Na natureza, os cães tendem a ser mais ativos no crepúsculo. Cães de estimação são geralmente mais diurnos, compartilhando um ciclo de sono com seus donos.

Reprodução e Interação Social

A reprodução em cães geralmente ocorre uma vez por ano. Um cão pode começar a se reproduzir entre os 6 e os 18 meses de idade, dependendo da raça. O período de gestação de um cão é de cerca de 58-68 dias, após o que uma fêmea dá à luz uma ninhada de um a doze filhotes.

Conhecidos como animais de carga, os cães selvagens vivem juntos em grupos familiares unidos, nos quais uma hierarquia de dominação é estabelecida. O líder — ou o mais dominante do bando — é chamado de “alfa”.

Sua comunicação acontece através da linguagem corporal, vocalizações (latidos, uivos), contato visual e marcas de cheiro. Estas são algumas entre as muitas maneiras pelas quais os cães se comunicam entre si e/ou com humanos.

Identifique Danos Vindos de um Cachorro

Eles podem ser animais dóceis, mas, ao mesmo tempo, causam uma bagunça muito grande para as pessoas. Entre os diversos problemas que um cachorro pode causar, estão:

  • Fezes de cachorro em seu gramado;
  • manchas marrons de grama mortas por micção;
  • buracos escavados em seu quintal ou jardim, ou debaixo de cercas;
  • culturas de frutas danificadas/roubadas, especialmente bagas ou melões;
  • propriedade mastigada, como móveis, madeira, roupas de cama etc;
  • trilhas de cães: faixas variam em tamanho, mas as patas têm quatro dedos.

Doenças Transmitidas

Cães — especialmente cães selvagens e não vacinados — podem transmitir doenças a humanos e outros animais de estimação. Na verdade, os cães são a principal causa da raiva em humanos.

Algumas doenças adicionais que os cães podem carregar incluem:

  • Cinomose canina;
  • Doença de lyme;
  • Lombriga;
  • Micose;
  • Sarna.

Estas doenças ou agentes de doenças são muitas vezes transmitidos através de mordida, transferência de carrapatos e/ou contato direto com resíduos de cães infectados. É importante notar que as vacinas estão disponíveis — e muitas vezes necessárias — para imunizar seu cão de estimação para essas doenças.

Os cães que passam a maior parte do tempo nas ruas e em regiões mais selvagens são os mais propensos em propagar essas doenças. Todo cuidado é pouco! Algumas dessas enfermidades podem causar a debilidade do corpo, e, inclusive levar o infectado a morte.

Veja também

Araçari-Miúdo-de-Bico-Riscado: Características, Habitat e Fotos

Tucanos e araçaris são um grupo de aves neotropicais facilmente reconhecidas por seus bicos coloridos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *