Home / Animais / Habitat Da Perereca: Onde Elas Vivem?

Habitat Da Perereca: Onde Elas Vivem?

A perereca, assim como os sapos e as rãs são animais que geram certa aflição nas pessoas, principalmente devido a sua pele gosmenta. Porém, a gosma na pele é típica desses animais devido sua respiração cutânea.

A perereca é um anfíbio e se caracteriza por seus dedos terminados em ventosas, o que possibilita que esse animal consiga se prender em superfícies verticais. Mas onde as pererecas vivem? A seguir falaremos um pouco mais sobre suas características e habitat.

Características Da Perereca

Perereca é um anfíbio da família Hylidae, do grupo dos anuros, o mesmo dos sapos e rãs. Perereca é o nome dado a um conjunto grande de espécies de sapos pequenos com capacidade de explorar o mundo também de forma vertical.

A perereca é o menor entre esses três animais. Ela mede cerca de 10 centímetros e é bem leve, porém isso não é problema para o animal, que consegue saltar por até dois metros de distância devido ao seu peso e porte. Isso é possível porque a perereca possui membranas elásticas nos dedos, que as impulsionam para saltar e também a ajudam a se pendurar nos galhos.

A perereca possui olhos saltados e grandes e ficam na lateral da face. Sua pele, assim como a de todos os anfíbios é lubrificada constantemente por uma mistura de substancias que formam a secreção, que pode ser venenosa na maioria das vezes.

Algumas espécies de perereca possuem mais de 50 ativos diferentes na sua pele, com diversos venenos. Os cientistas ainda têm pouco conhecimento sobre essas substancias, porém elas despertam um grande interesse da indústria de farmácia, sendo consideradas até uma frente para a biopirataria. Como existem centenas de espécies de pererecas, muitas já são utilizadas na medicina indígena.

Os dedos da perereca possuem ventosas, fazendo com que o animal se prenda facilmente a superfícies na vertical, assim elas podem subir em paredes. Além disso, elas possuem membranas entre os dedos, funcionando com uma espécie de asa, fazendo com que seus saltos sejam mais estabilizados.

Os anfíbios possuem uma característica muito peculiar, pois eles coaxam. O que poucas pessoas sabem é que somente o macho que faz isso para atrair a fêmea. Segundo estudos científicos, a fêmea escolhe seu parceiro através disso e opta pelo macho que coaxar mais alto, desse modo, há uma competição entre os machos para serem escolhidos. Porém, existem algumas espécies oportunistas, como a espécie filomedusa, que sem coaxar fica perto de outro macho que coaxa fortemente para conquistar a fêmea. Assim, ele acaba sendo um candidato para a fêmea, porém sem competir, apenas aproveitando a oportunidade.

Habitat E Alimentação

Sua alimentação é baseada exclusivamente de pequenos invertebrados, como aranhas e insetos.

As pererecam habitam a vegetação próxima de rios, lagos, riachos e represas. Em dias de chuva é bastante comum encontrar uma no jardim ou em lugares mais úmidos da casa, como o banheiro, por exemplo. Na época de reprodução, elas podem ser encontradas a noite ao redor de poças ou trepadas na vegetação.

Perereca se Alimentando
Perereca se Alimentando

A poluição das águas vem fazendo com que as pererecas sofram com a destruição do seu habitat. Inclusive, algumas das espécies brasileiras já são consideradas extintas. Isso afeta diretamente a todos, visto que a perereca, assim como as rãs e os sapos são muito importantes para o equilíbrio do nosso ecossistema, pois ajudam no controle de pragas e insetos.

Reprodução Da Perereca

Na época de reprodução, os machos coaxam para conquistar as fêmeas. Como traçam uma disputa, o coaxe é bem caprichado e quanto mais alto, maiores as chances de o macho conquistar a fêmea. Entretanto, nessa competição existem os oportunistas, que ficam do lado de machos mais habilidosos para enganar a fêmea e vencer a competição.

As pererecas são animais onívoros, assim, após o acasalamento as fêmeas botam ovos. Primeiro, ela escolhe uma árvore próxima de um riacho, pântano ou poça de água e então ela deposita seus ovos nas folhas dos galhos mais baixos. Os ovos são envolvidos por uma substância pegajosa, como se fosse uma clara de ovo. A fêmea então bate com suas patas traseiras nessa substância, até que fique como claras em neve.

Reprodução Da Perereca
Reprodução Da Perereca

Os ovos são colocados assim para que facilitem o acesso do filhote a água, visto que o habitat natural dos filhotes, conhecidos como girinos, é a água. Quando nascem, os girinos soltam um outro tipo de substancia, que faz ele se livrar da massa pegajosa do ovo. Assim ele cai na água e começa sua vida aquática até se tornar adulto.

Diferenças Entre Perereca, Sapos E Rãs

Apesar de muitos ainda se confundirem quando veem um desses animais, eles possuem muita diferença entre si. A única coisa em comum entre eles é a classificação no grupo dos anuros, que são os anfíbios sem rabo.

Dentre as características que os diferem, está o habitat. Enquanto a rã é arborícola, ou seja, habita arvores e florestas de vegetação úmida, como riachos, córregos e pântanos o sapo é vive em terra firme e a rã mora em lagoas, essencialmente.

Perereca, Sapos E Rãs
Perereca, Sapos E Rãs

Outra diferença entre eles está no tamanho. A perereca mede menos de 10 centímetros, o sapo mede entre 2 e 25 centímetros e a rã pode medir de 9,8 milímetros a 30 centímetros. Outro fator que os diferencia está na quantidade de espécies, sendo a rã a maior delas, com 4 mil espécies, seguida da perereca com 700 espécies e os sapos com 400 espécies.

A pele, as pernas e a face desses animais também é bastante diferente. O sapo possui a pele rugosa, com aparência estranha e suas pernas são curtas. Já as pererecas são lisas, com pernas finas e longas e olhos esbugalhados e as rãs possuem pernas finas e longas, com pele lisa e brilhante, sendo considerada também um prato sofisticado em várias culturas.

Veja também

Lagarto Chicote- de- Garganta- Alaranjada: Características e Fotos

O lagarto chicote de garganta alaranjada (nome científico Aspidoscelis hyperythrus) é uma espécie nativa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *