Home / Animais / Como os Macacos Nascem? Em Quanto Tempo Viram Adultos?

Como os Macacos Nascem? Em Quanto Tempo Viram Adultos?

Os macacos atraem muita atenção por parte dos seres humanos, já que possuem aspectos físicos muito semelhantes aos das pessoas e ainda têm traços de personalidade extremamente fortes e destacáveis no mundo animal.

Assim, os macacos são quase representantes das pessoas na selva. Todos esses fatores fazem com que existam diversos estudos científicos e pesquisas a respeito dos macacos, fazendo com que o acervo cultural a respeito desses bichinhos seja muito rico e que a humanidade seja capaz de responder a diversos questionamentos sobre os macacos.

Variados detalhes a respeito desses animais, inclusive, continuam sendo pesquisados e difundidos entre a sociedade até os dias atuais, mesmo que já se conheça muito sobre os macacos. Logo, não é tarefa tão complicada responder algumas dúvidas sobre os macacos.

O Fascínio Pelos Macacos

Contudo, ainda assim existem pessoas que possuem sempre novos questionamentos a respeito dos macacos, algo muito natural considerando tudo o que a vida desses animais pode representar e todas as variedades de comportamento que os macacos são capazes de assumir do início da vida até o momento da morte.

Ademais, espécies diferentes de macacos têm alguns comportamentos específicos diferentes, sendo isso algo bastante comum e normal dentre espécies distintas do mesmo tipo animal. Assim, como os macacos nascem? Como se reproduzem? Leva muito tempo até que virem adultos? Como é realizada essa fase de transição para a maioridade?

Muitos macacos sequer chegam à vida adulta? Todas essas perguntas são muito interessantes a respeito do modo de vida dos macacos, algo sempre bastante curioso.

Entretanto, para responder a esses questionamentos com precisão, é necessário entender mais algumas características dos macacos para compreender o porquê de algumas particularidades desses animais tão inteligentes.

Características dos Macacos

Algo muito importante sobre os macacos, por exemplo, é a sua capacidade de viver em sociedade.

Na verdade, os macacos sentem a necessidade de viver em um grupo de outros macacos, já que são, por natureza, animais de natureza social que não se sentem bem quando não estão inseridos em grupos.

Um ponto muito interessante, dentro disso, é como a expectativa de vida dos macacos aumenta de forma considerável quando esses vivem em sociedade, sendo que os anos de vida desses animais diminuem bastante quando afastados do grupo.

Macaco Posando Para a Foto
Macaco Posando Para a Foto

Outro detalhe interessante é que os macacos não podem ser confundidos com os antropoides (gorilas, chimpanzés e orangotangos). Assim, há uma diferenciação clara entre macacos e esses outros animais, como o rabo, que faz parte de todo macaco e não existe nos antropoides.

Em alguns macacos o rabo pode ser bastante curto, mas sempre existirá quando o animal não possui problemas físicos.

Outra possibilidade para o macaco não ter o rabo é o fato de os seres-humanos cortarem o membro do bichinho, mas essa é uma prática cada vez menos comum no Brasil e muito condenada, já que prejudica muito os macacos em diversos sentidos e, em casos extremos, pode até mesmo levar à morte dos macacos.

Assim, o certo é que existe uma variedade muito grande de comportamentos no mundo dos macacos, mas também há semelhanças entre eles.

Veja abaixo mais informações e características a respeito dos macacos, como o seu modo de reprodução, o nascimento e a transição para a fase adulta.

Como os Macacos Reproduzem e Nascem?

Macaco Cruzando
Macaco Cruzando

Os macacos se reproduzem de forma sexuada, em um ato sexual muito semelhante ao dos seres-humanos, embora as pessoas também façam sexo por prazer. De qualquer forma, a reprodução dos macacos não se dá de maneira muito fácil, podendo ser bastante prolongada. Assim, a fase de gestação das fêmeas leva de 5 a 7 meses, algo relativamente próximo ao período de gestação das mulheres. O período pode ser muito conturbado para a fêmea, que fica sensível a sons e sensações, brigando sempre para manter os seus futuros descendentes distantes de qualquer possibilidade de perigo.

É muito comum, por exemplo, que as fêmeas busquem uma espécie de isolamento na fase de gestação, buscando justamente se afastar de sons ou predadores que possam causar problemas para ela e para os seus filhotes. Esse isolamento não costuma ser muito distante do restante do grupo, mas ainda assim é perceptível.

Macaco Junto Com Seu Filhote
Macaco Junto Com Seu Filhote

Por consequência, o número de mortes de fêmeas enquanto gestante ainda é muito alto entre os macacos, já que esse período é tido como muito bom para predadores realizarem ataques e pegarem uma presa relativamente fácil e desprevenida. Isso porque, estando um pouco mais distante do grupo, as fêmeas ficam menos prevenidas.

Já o nascimento dos filhotes costuma se dar de forma rápida entre os macacos, já que todo o processo costuma ser facilitado.

Em Quanto Tempo os Macacos Viram Adultos?

Casal de Macacos Adultos Com o Filhote
Casal de Macacos Adultos Com o Filhote

Os macacos levam de 3 a 4 anos para atingir a maturidade e serem considerados adultos, sendo que esse número pode variar a depender do gênero e do local no qual o macaco vive. Contudo, a média dos macacos costuma amadurecer por volta dos 3 anos, já estando aptos para a reprodução e para passar o seu código genético adiante através do ato sexual.

Um fato interessante é que, muitas vezes, os descendentes permanecem no mesmo grupo no qual nasceram até o momento da sua morte, sendo protegidos e protegendo o restante do grupo nesse período.

Isso demonstra muito bem o caráter social dos macacos e como é importante para eles estar perto de outros animais da mesma espécie.

O Comportamento dos Macacos

O comportamento dos macacos costuma ser bastante rotineiro e de fácil identificação, a exemplo do que fazem as pessoas o dia-a-dia. A grande maioria das espécies de macacos costuma ser ativa ao longo do dia, deixando a noite para o descanso em locais altos e de difícil acesso para predadores em geral.

Contudo, há uma espécie de macaco contrastante, que dorme durante o dia e se torna mais ativo à noite, o chamado macaco-da-noite. Porém, essa espécie é uma exceção.

Assim, o dia-a-dia dos macacos costuma ser buscando alimentos ou, depois de conquistar comida, brincando entre si na copa das árvores. Quando buscar comida não é um problema, inclusive, os macacos costumam passar boa parte do dia se divertindo.

Veja também

Marreco de Pequim: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco de Pequim é considerado uma das principais raças atuais de marrecos, ao lado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *