Home / Animais / Ciclo de Vida do Monstro-de-Gila: Quantos Anos Eles Vivem?

Ciclo de Vida do Monstro-de-Gila: Quantos Anos Eles Vivem?

O monstro-de-gila, como é chamada uma espécie de lagarto peçonhento pertencente à família dos répteis escamados (helodermatídeos), pode ser encontrado no noroeste do México e no sudoeste dos Estados Unidos, nas regiões desérticas.

O comprimento do monstro-da-gila pode chegar a 60 cm. A sua tonalidade é preta e levemente rosada. No mundo, existem apenas 3 lagartos venenosos, sendo que esse é um deles. E os outros dois são o Dragão-de-Komodo (Varanus komodoensis) e o Lagarto de Contas (Heloderma horridum).

No post de hoje, vamos aprender tudo sobre o ciclo de vida do Monstro-da-Gila, quantos anos eles vivem, suas principais características e muito mais. Confira!

Principais Características do Monstro-de-Gila

Esse animal é considerado o maior dos lagartos norte-americanos. Espécie de hábitos, principalmente, terrestres e noturnos. Ele se movimenta de forma bem lenta. Apesar de parecer estanho, ele usa a sua língua para conseguir sentir o cheiro que a sua presa deixou na areia e conseguir capturá-la.

Os monstros-de-gila vivem em bandos, que se organizam muito bem, seguindo uma hierarquia. Todo grupo tem um macho e uma fêmea dominantes. Esse animal possui o corpo maciço e a cabeça grande, além de escamas ósseas redondas.

Possui o pescoço, a cabeça e os membros pretos. A pupila é redonda, a língua tem uma bifurcação, apresenta os membros bem robustos, e garras fortes e pesadas.

São as raras as brigas por território, uma vez que esse lagarto não é um caçador nato. Ele identifica a sua presa, usando o seu olfato, que é bem apurado, e fica aguardando até que ela chegue mais perto.

Reprodução e Ciclo de Vida do Monstro-de-Gila

Visualmente, podemos dizer que os dimorfismos sexuais do Monstro-de-Gila são inexistentes. Para verificar o sexo do animal, uma dica é observá-lo em viveiros, analisando como se comportam no período do acasalamento que, geralmente, acontece durante o verão. Porém, nem todas as fêmeas cruzam anualmente.

Uma outra forma de descobrir o sexo do animal é usando sexadores. Tanto o macho quanto a fêmea ficam mais ativos quando a temperatura se eleva. Com isso, eles passam a investigar tudo o que acontece à sua volta. Assim que o par se forma, ele se oculta e realiza o coito.

Após o acasalamento, é necessário retirar o macho antes mesmo de a fêmea colocar os ovos (que pode levar entre 1 e 2 semanas), para que ele não os ataque. Os ovos são ocultos na areia pela fêmea.

A incubação acontece cerca de um mês após a postura, que é quando os filhotes nascem. Podem nascer de 3 a 15 filhotes em cada ninhada.

Mesmo vivendo no deserto, esse lagarto não gosta muito de calor. Como a cor predominante em seu corpo é a preta, ela brilha com a exposição ao sol. E isso acaba fazendo com que ela aqueça bastante o corpo do Monstro-de-Gila.

Esse animal hiberna nos meses mais frios do ano, do fim de novembro até o mês de fevereiro. Enquanto que nos meses mais quentes, ele costuma ter hábitos mais noturnos. Nas demais épocas do ano, permanece mais ativo de dia.

O mostro-de-gila passa grande parte do tempo nos abrigos subterrâneos. Os machos da espécie são os dominadores. E não deixam de lutar por isso. No momento em que se sentem ameaçados, eles se afastam assobiando.

Na época do inverno, quando as suas presas diminuem e eles permanecem menos ativos também, esse lagarto precisa usar a gordura acumulada em sua longa e larga cauda, que equivale a cerca de 1/3 do seu comprimento total.

Monstro-de-Gila Com a Língua de Fora
Monstro-de-Gila Com a Língua de Fora

Ao que tudo indica, o ciclo reprodutivo da fêmea mostra indícios de relação com a quantidade de alimentos e de minerais armazenados em seu organismo pois, quando as suas reservas caem, os machos não se sentem atraídos pelas fêmeas para o acasalamento. Normalmente, eles acasalam apenas uma vez por ano, em condições normais.

Após o cruzamento, o tempo que a fêmea leva para colocar os ovos varia entre 3 semanas e 2 meses. O nascimento dos filhotes acontece cerca de 4 semanas após a postura, e eles costumam medir em torno de 10 cm.

Monstro-de-Gila – Quanto Tempo Eles Vivem?

Esse lagarto pode viver cerca de 20 anos.

Alimentação do Monstro-de- Gila

A sua alimentação é à base de outros lagartos, de aves e de todo tipo de ovo que encontrar. Roedores e camundongos também podem ser presas para esse lagarto. O mostro-de-gila tem a capacidade de consumir uma quantidade bem grande de alimentos em apenas uma refeição.

Os animais mais jovens conseguem ingerir em torno de 50% do total do peso também em uma única refeição. Ainda que coma muito, esse lagarto consegue sobreviver por meses sem alimentação, pois ele acumula uma boa reserva de gordura em sua cauda.

Monstro-de- Gila na Areia
Monstro-de- Gila na Areia

O Veneno do Monstro-de-Gila

Esse lagarto é venenoso. Diferente do que acontece com as cobras, o monstro-de-gila espalha o seu veneno usando os dentes da mandíbula, que são bem afiados. E pode morder como uma forma de defesa. Só ataca outros animais maiores do que ele se estiver ferido ou se sentindo ameaçado.

Eles não conseguem morder sem propagar o seu veneno. Os sintomas já aparecem no mesmo instante. E são muito dolorosos. Para algumas espécies, inclusive, o veneno do monstro-de-gila pode ser fatal.

Substância da Saliva do Monstro-de-Gila

Da saliva do animal, é extraída uma substância que dá origem à exenativa, que consiste em um composto sintético,, considerado como a 1° droga pertencente à um novo grupo de medicamentos que está para chegar ao mercado. Esse grupo é do miméticos das incretinas, ou hormônio incretina, para ajudar a tratar o diabetes tipo 2.

Esse hormônio é injetado antes as refeições, e atua no pâncreas como se fosse a incretina, que é responsável por liberar a insulina de forma natural após o indivíduo se alimentar, e acontecer o aumento da glicose no sangue.

O veneno do monstro-de-gila está sendo estudado para, talvez, ser usado para tratar a doença de Alzheimer.

Conservação da Espécie

O monstro-de-gila é uma espécie que está quase ameaçada de extinção, conforme e IUCN (União Internacional para Conservação da Natureza). Podemos citar como principais ameaças à espécie a captura para ser comercializado ilegalmente e a perda do seu habitat natural, para a criação de áreas urbanas e agrícolas.

Veja também

Quanto Tempo Após o Nascimento Pode Dar Banho no Cachorro?

Ter um filhote canino em casa é sinal de bagunça, brincadeira e correria. Por conta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *