Home / Animais / Ciclo de Vida da Pulga: Quantos Anos Elas Vivem?

Ciclo de Vida da Pulga: Quantos Anos Elas Vivem?

Quem tem animais domésticos em casa com certeza já enfrentou um problema bastante comum em ambientes assim: as pulgas, insetos milimétricos que podem acabar dando muita coceira e muito desgaste em pessoas que não sabem muito bem o que fazer.

Isso porque as pulgas realmente podem ser consideradas um grande incômodo, causando bastante coceira não apenas no animal infectado, mas também em outras pessoas que estão presentes no ambiente, principalmente porque na verdade a pulga só aparece no animal porque ela está no ambiente, de forma que a limpeza é muito necessária.

Dessa maneira, estudar mais sobre a pulga pode ser uma boa ideia caso você não saiba muito bem o que fazer com relação a esse animal; você conhece a máxima “mantenha seus amigos perto e seus inimigos mais perto ainda”? Essa é a maior verdade!

Portanto, neste artigo vamos falar de forma mais simplificada sobre o ciclo de vida da pulga, de forma que você consiga aprender mais sobre esse animal e entenda exatamente como seu desenvolvimento funciona ao longo do tempo.

Fase 1 e 2 do Ciclo de Vida da Pulga

Antes de mais nada, é importante que você saiba que as pulgas nascem através de ovos, e é exatamente por isso que o começo do ciclo de vida desse inseto está justamente no ovo.

Assim, na primeira fase de vida da pulga a tendência é que os ovos em que ela estão explodam e, dessa forma, algumas larvas sejam originadas. Assim, dá-se o nascimento da pulga.

É importante lembrarmos que na fase de larva ela na verdade ainda é infantil e por isso não está pronta para se tornar hospedeira em cães e gatos; assim, a tendência é que essa larva procure um local para se esconder.

Nesse caso, podemos dizer que as larvas de pulgas na maioria das vezes se escondem em estofados e frestas da sua casa, e é exatamente por isso que dizemos que a pulga existe no ambiente antes de existir nos animais, fazendo com que seja necessário eliminar as pulgas da casa no geral, e não apenas do cão e do gato.

Portanto, com o passar do tempo a pulga que está em fase larval vai se desenvolvendo enquanto está escondida, essa é a segunda fase do ciclo de vida da pulga e, portanto, vamos agora para a fase 3.

Fase 3 do Ciclo de Vida da Pulga

A verdade é que as fases 1 e 2 são as mais importantes para o desenvolvimento da pulga, já que se ela não descansasse escondida com certeza o inseto não iria conseguir se fortalecer para então estar pronto para atacar cães e gatos e, consequentemente, se alimentar.

Na fase 3 do ciclo de vida da pulga esse inseto tende a sair do estado larval. Isso porque, como já dissemos anteriormente, a pulga em estado larval na verdade ainda é um filhote de pulga, e por isso ela passa a ser considerada adulta quando passa desse estágio.

Larva de Pulga
Larva de Pulga

Esse estágio ocorre justamente na fase 3, já que nesse momento (1 semana depois da fase larval iniciar), a larva da fase 2 forma uma espécie de casulo, de maneira que ela possa agora crescer, já que já está forte.

Nesse caso, durante essa fase a tendência é que a pulga fique meio letárgica justamente por estar se desenvolvendo mais ainda, mas depois ela volta ao normal e então agora vamos ver exatamente como é a fase 4, para que assim você entenda exatamente como funciona o ciclo de vida desse animal.

Fase 4 do Ciclo de Vida da Pulga

Por fim, como o ciclo de vida da pulga é de 4 fases fica fácil de perceber que ele está chegando ao fim agora, justamente porque em algum momento a pulga precisaria encontrar um hospedeiro específico.

Nesse caso, a verdade é que a pulga fica se desenvolvendo em seu casulo até acabar encontrando um hospedeiro alvo; assim, quando ela encontra esse hospedeiro a tendência é que ela saia do casulo para atacar.

Na quarta fase de seu ciclo de vida a pulga é considerada um ectoparasita hematófago. Isso significa basicamente que ela se alimenta do sangue do animal que está agindo como hospedeiro e também bota uma quantidade bem grande de ovos.

É interessante notarmos essa fase porque a pulga tende a botar 22 ovos por dia, e muitos métodos acabam não dando certo com os animais de estimação. Porém, o que muitas pessoas não sabem é que as pulgas tendem a atacar esses animais justamente nessa fase, já que elas precisam se alimentar.

Além de tudo isso, podemos também citar o fato de que pulgas existem mais no ambiente do que no animal, por isso a cada pulga que você encontra no seu animal de estimação, cerca de 19 estão presentes em seu ambiente.

Portanto, agora que você já sabe mais sobre as fases de vida da pulga, vamos ver mais informações sobre o ciclo de vida desse animal.

Quantos Anos as Pulgas Vivem?

Você já sabe que as pulgas são seres vivos muito pequenos, e é exatamente por esse motivo que elas têm a tendência de possuir uma expectativa de vida bem menor, não é mesmo?

A verdade é que as pulgas vivem pouco mais de 3 meses, mais especificamente 110 dias. Apesar de esse tempo parecer pouco, uma pulga comum pode botar cerca de 2.000 ovos até o fim da sua vida e é por isso que acabar com infestações desse inseto é tão importante.

Habitat da Pulga
Habitat da Pulga

Além de tudo isso, podemos também dizer que esse ciclo de vida possui todo esse tempo apenas quando não há intervenção humana (o que é raro), já que na grande maioria das vezes as pulgas morrem mais cedo por conta do efeito de venenos, por exemplo.

Portanto, agora você já sabe tudo o que há de mais importante sobre o ciclo de vida das pulgas de uma maneira geral. Você já sabia que esse animal possui uma expectativa de vida tão alta assim em comparação com o seu tamanho?

Quer continuar aprendendo com a gente? Leia também: Qual O Efeito Do Veneno De Rato? Ele Faz Mal Para O Homem?

Veja também

Ornitorrinco: Filo, Classe, Reino, Gênero, Família e Espécie

O ornitorrinco é um animal muito curioso. Ele possui características únicas, peculiaridades que nenhum outro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *