Home / Animais / Besouro Leopardo : Características, Nome Cientifico e Fotos

Besouro Leopardo : Características, Nome Cientifico e Fotos

Nome Científico do Besouro Leopardo

O Besouro Leopardo é uma espécie de besouro classificada cientificamente como Penthea Pardalis, faz parte do Reino Animalia, do Gênero Penthea, Filo Arthropoda, da classe dos insetos, da Ordem dos Coleoptera e é integrante da família Cerambycidae.

Características do Besouro Leopardo

O que diferencia esse besouro dos outros é sua aparência que inclusive justifica muito bem seu nome, sua coloração lembra muito a pele de um leopardo e é muito vivida, com essa roupagem fica fácil se camuflar pela mata. Outro nome comumente usado para essa espécie é Besouro Serra – Paus.

O formato do corpo desse inseto também é um pouco diferenciado, tem uma forma mais achatada e um pouco mais espichado que os outros, suas antenas são bem compridas e bem potentes na questão da sensibilidade. 

Curiosidades Sobre o Besouro Leopardo

Uma curiosidade interessante é a forma de defesa desse inseto, assim que nota algum perigo e sabe que não tem o que fazer ele encena sua morte. Outra curiosidade é que o Besouro só procura uma fêmea em épocas específicas destinadas ao acasalamento, no restante do tempo ele prefere ficar sozinho. As fêmeas exalam um feromônio  que serve para atrair o macho, e ele percebe através de suas antenas.

Os Besouros

Os besouros em geral fazem parte de um grupo conhecido como Coleoptera, são muitos insetos assim classificados inclusive as joaninhas fazem parte. Outros animais conhecidos que se enquadram no grupo são os gorgulhos, os escaravelhos e muitos outros tipos. Esse nome científico não foi escolhido a toda, as palavras que compõe são baseadas no grego que trazendo para o nosso português ficaria algo parecido com “estojo de asas”, curioso não é mesmo? Mas com certeza foi nomeado de acordo com a forma do seu corpo, suas asas são endurecidas e resistentes e protegem seu corpo com muita eficiência, sendo de grande utilidade. Logo abaixo existem outras asas, menos firme que a de cima e são elas que o animal usar para voar por aí.

Saiba que esse grupo é o mais extenso entre todas as espécies, quando falamos em números absolutos os estudos estimam mais de 350 mil tipos. Eles estão por todo lado, podem ser encontrados em diversos tipos de habitat mas sempre ambientes terrestres, um pequena porcentagem pode ser encontrada em oceanos. O que teria garantido tantos tipos de insetos do mesmo grupo por aí? Alguns estudos relatam que o que pode ter garantido isso seria justamente sua proteção mais enrijecida, assim quando não estão voando suas asas ficam bem protegidas. Dessa forma eles conseguem estar em diversos lugares diferentes em segurança.

Habitat do Besouro

Como mencionamos acima,  o grupo de Coleoptera é grande e muito bem sucedido principalmente pelo número de alto de variedade de espécies dentro do mesmo grupo, se falarmos em porcentagem podemos dizer que eles correspondem a algo em torno de 40% de todos os insetos.

É importante observar quais são os fatores que levam a algumas espécies conseguirem esse sucesso todo, um dele é é a capacidade que cada animal tem de se adaptar em ambientes diferenciados, e também é medido pelo tanto que há de variação nos ambientes desses animais. Eles acompanham a evolução e conseguem se manter mesmo com tantas mudanças, outro ponto que é necessário considerar são as mudanças de clima que acontecem e já aconteceram por todo o mundo por muitos anos. Esse grupo de espécies especificamente podem ser vistos em muitos lugares diferentes, sejam ambientes urbano, ambientes com água, nas costas e até mesmo em regiões desérticas. Podemos excluir os ambientes muito frios como é o exemplo dos polos ou lugares de alta altitude. Mas isso não é a toa, isso tudo tem uma explicação, como já citamos o caso de suas asas que são capazes de protegê-lo naturalmente, em em especial protege suas asas de voo e também não deixa que ele desidrate. O corpo é pequeno e protege também suas patas com segurança, sua casca fica cada dia mais resistente.

Besouro Batendo as Asas
Besouro Batendo as Asas

Com tantas características positivas não é de se estranhar que ele consiga explorar muitos lugares diferentes sem dificuldade alguma como ninhos, rochas de pedra, árvores por toda sua extensão como as raízes, ou no tronco, na folhagem e nos ramos. Desertos, locais de água doce, estrume de animais, cavernas, local com escombros, locais em decomposição, por corais e diversos outros lugares.

Ciclo da Vida dos Besouros

O Início da Larva e da Pupa

Elas podem ser encontradas de diferentes formas a depender da espécie propriamente dita. O que temos em comum no geral é a cabeça da larva que se desenvolve rapidamente e com casca endurecida, já as marcas no tórax já são bem visíveis geralmente 10. As larvas apresentam penas no tórax usualmente, já no abdômen nessa fase ainda é inexistente. Em algumas espécies acontece um processo de metamorfose.

Larva do Besouro na Mão de uma Pessoa
Larva do Besouro na Mão de uma Pessoa

Depois que elas se libertam e já estão mais desenvolvidas já conseguem comer e entram agora em outro processo conhecido como muda, e começa a troca da cutícula de proteção, e ele acontece por mais ou menos umas cinco vezes até que ela esteja pronta para ser uma pupa que é o estágio de desenvolvimento que fica ali entre a larva e o animal adulto. Agora ele já tem uma aparência mais próxima do adulto, suas asas já estão se desenvolvendo mais e tem suas apêndices também. Depois de completar o estágio de pupa ele já se torna um animal formado. 

Besouro Adulto

Besouro Rinoceronte Adulto
Besouro Rinoceronte Adulto

Agora que o besouro já está adulto existem algumas diferenças entre um e outro, no tamanho por exemplo. A posição da cabeça também pode variar bastante, ela pode ser do tipo prognata que é quando os apêndices da boca estão voltados para frente, ou podem ser do tipo hipognata que é quando apêndices da boca estão voltado para baixo e a cabeça estiver alinhada perfeitamente com o tronco.

Possuem órgão visual possível de distinguir claridade e falta de iluminação, são chamados de olhos compostos.

Possuem antenas dos mais variados tipos e boca também, é um animal mastigador. Já a parte mandibular podem variar de acordo com o sexo.

Veja também

Canguru-Cinza-Ocidental

Cangurus São Violentos? Eles São Perigosos Para Humanos?

Para quem não conhece a vida fora do próprio país, conhecer lugares do outro lado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *