Home / Animais / Aranha Preta Com Pintas Amarelas É Venenosa? Qual É a Espécie?

Aranha Preta Com Pintas Amarelas É Venenosa? Qual É a Espécie?

Encontrar um bicho diferente em seu quintal, ou jardim, ou mesmo dentro de sua casa e ficar intrigado, sem saber do que se trata e, principalmente, que perigo oferece, é muito comum. E levando-se em consideração o terrível medo que se tem de aranhas em geral, saber com quem está lidando nesse mundo aracnídeo é sempre bom.

Aranhas vemos de todos os tipos: pernas finas e compridas, pernas grossas e cabeludas, olhos grandes e assustadores, e de todas as cores. Nosso artigo indaga a respeito de aranhas enegrecidas com pintas ou manchas amarelas. Será que é qual espécie? Bom, são muitas, mas vejamos algumas interessantes que selecionamos nesse artigo.

Argiope Bruennichi

Essa espécie é distribuída originalmente pela Europa central, norte da Europa, norte da África, partes da Ásia e os arquipélago dos Açores. Mas certamente pode ter sido introduzida já em outros lugares. Como muitos outros membros do gênero argiope, ela mostra marcas marcantes de amarelo e preto em seu abdômen.

Embora a coloração predominante nem sempre seja negra, acontece dentre as espécies de surgir algumas bem enegrecidas por alguma circunstância ambiental, seja com essa argiope bruennichi ou com outras do gênero. No Brasil, existem cerca de cinco espécies desse gênero, e todas podem talvez surgir com preto e pigmentação amarela.

Como, por exemplo, uma das mais conhecidas do gênero em nosso território, a aranha de prata, argiope submaronica, uma espécie de aranha da família encontrada do México à Bolívia, e no Brasil. Essa em geral são de coloração marrom com amarelo, mas pode acontecer de variações enegrecerem a espécie.

Uroctea Durandi

Uroctea durandi é uma aranha mediterrânica com cerca de 16 mm de comprimento, de cor escura, mais pra marrom do que pra preto, com cinco manchas amarelas nas costas. Vive sob as rochas, onde constrói uma teia suspensa de tenda de cabeça para baixo com cerca de 4 cm de diâmetro.

De cada uma das seis aberturas, dois fios de sinalização se projetam. Quando um inseto ou milípede toca um desses fios, a aranha se lança para fora da respectiva abertura e captura sua presa. Ele é reconhecido por suas pernas castanhas escuras, barriga cinza-escuro e cinco manchas amarelas pálidas. Seu cefalotórax é arredondado e marrom. Mas já se viu espécies bem mais enegrecidas.

Argiope Aurantia

De novo no gênero argiope, outra espécie negra de manchas amarelas é a argiope aurantia. É comum nos Estados Unidos contíguos, no Havaí, no sul do Canadá, no México e na América Central. Tem marcações distintivas amarelas e pretas no abdômen e uma coloração branca em seu cefalotórax.

Essas aranhas de jardim preta e amarelas costumam construir teias em áreas adjacentes a campos abertos e ensolarados, onde ficam escondidos e protegidos do vento. A aranha também pode ser encontrada ao longo dos beirais de casas e dependências, ou em qualquer vegetação alta onde possam estender uma teia com segurança.

As fêmeas de argiope aurantia tendem a ser um tanto locais, permanecendo frequentemente em um lugar durante grande parte de sua vida. Essas aranhas podem morder se perturbadas ou assediadas, mas o veneno é inofensivo para humanos não alérgicos, mais ou menos equivalente a uma picada de abelha em intensidade.

Nephila Pilipes

É a maior das aranhas orbiculares, além da recém-descoberta nephila komaci, e uma das maiores aranhas do mundo. Pode ser encontrada no Japão, China, Vietnã, Camboja, Taiwan, Malásia, Cingapura, Mianmar, Indonésia, Tailândia, Laos, Filipinas, Sri Lanka, Índia, Nepal, Papua Nova Guiné e Austrália. E introduzida em outras partes do mundo.

Nesta espécie, o dimorfismo sexual é extremamente pronunciado. a fêmea, sempre preta e amarela, medindo-se para 20 cm (com um corpo de 30 a 50 mm), enquanto que a do sexo masculino, de cor vermelho-castanho, medindo-se a 20 mm (com um corpo 5 de 6 mm). É uma aranha capaz de tecer teias de 2 m de largura por 6 de altura, ou 12 m². Esta teia é capaz de se esticar sem quebrar, e também pode parar uma pequena ave no vôo.

Nephila Clavipes

Essa aranha ocorre mais comumente nas Antilhas e na América Central, do México, no norte, até o Panamá, no sul. Menos abundantemente ocorre tão ao sul como a Argentina e no norte ocorre em partes dos estados do sul dos EUA continentais. Sazonalmente, pode variar mais amplamente; no verão, pode ser encontrada ao norte do Canadá e no sul do Brasil.

É uma aranha facilmente identificável pela sua cor amarela dourada e pelo alargamento “de penas negras” de dois segmentos em cada uma das suas pernas. Embora venenosa, é muito agressivo mas a mordida é relativamente inofensiva, provocando apenas uma dor localizada. Sua seda extremamente forte tem sido usada para a fabricação de coletes à prova de balas.

Nephilingis Cruentata

De todas, talvez a mais comumente encontrada e despertando receio e curiosidade no território brasileiro, esta espécie de aranha é de origem africana mas foi introduzida em várias partes do mundo por mãos humanas. Aqui no Brasil já se tornou uma espécie invasora em quase toda a extensão territorial do país.

Como pode ter reparado no artigo, a maioria das vezes são as aranhas fêmeas das espécies que provocam maior temor por seu tamanho, geralmente três a quatro vezes maiores que os machos. No caso de nephilingis cruentata, a coloração preta com manchas amarelas são predominantes, e as fêmeas possuem uma visível mancha vermelha na parte interior de seu tórax.

Aranha Preta Com Pintas Amarelas É Venenosa?

Citamos aqui em nosso artigo pelo menos seis espécies de aranhas que podem ser ou são efetivamente pretas com pintas amarelas, e todas as citadas são sim venenosas. Porém, uma peculiaridade de quase todas as ranhas, com poucas exceções, é que não atacam o homem. Ao se confrontar com humanos, a tendência das aranhas, em geral, é se afastar, se esconder ou, se estiverem em sua teia, permanecerem ali, imperturbáveis.

A maioria das situações em que humanos são mordidos por aranhas ocorrem porque foram, de algum modo, perturbadas ou moestadas. Situações como mãos nas teias, ou imprensá-las ao calçar um sapato sem verificar a possível presença de aranha dentro são exemplos de moléstias que podem levar a mordidas e injeção de veneno. Mas invariavelmente o veneno não causa males significativos ao homem.

A melhor forma de evitar que isso aconteça, portanto, é deixando as aranhas em paz, seguindo o caminho delas ou suas atividades tranquilamente. Em casos de infestação, procure orientação profissional do que deve ser feito e, em casos de mordidas, procure sempre a orientação médica por precaução.

Veja também

Tubarão Tigre é Perigoso? Ele Ataca? Gigante, Características e Fotos

O tubarão tigre é uma espécie de tubarão que recebe esse nome em razão de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *