Home / Animais / Animais Marinhos Com a Letra O

Animais Marinhos Com a Letra O

Animais marinhos são de maioria considerados ou para nossa alimentação (exceto vegetarianos e veganos), ou são vistos como perigo. A maioria dos seres humanos possuem um certo receio quanto ao mar, por ele ser tão vasto e fundo, e especialmente por não saber tudo o que ali existe.

De certo que a cada tempo que passa, nossa tecnologia melhora, e mais conseguimos descobrir sobre esse ecossistema marítimo. São muitas as espécies descobertas por cientistas, e a quantidade não para. Todos os anos mais e mais são descobertos, mostrando como sabemos ainda tão pouco de lá.

São diversas as formas de categorizar essas espécies. A biologia mesmo já mostrou ser bem eficiente quanto a isso. Entretanto, pessoas que não estudam de forma mais aprofundada, utilizam um método bem mais simples: ordem alfabética. É simples e completo. Por isso, no post de hoje, iremos trazer alguns animais marinhos que iniciam com a letra “O”.

Orca

Você pode chama-la direto de baleia Orca, ou algo do tipo. Mas seu nome é Orcinus orca, e mais popularmente ficou conhecido como somente orca. Apesar do que se acha, as orcas estão na família dos golfinhos, e é possível notar facilmente as semelhanças. Por isso que é incorreto chama-la de baleia orca. E muito menos de baleia assassina.

Elas são considerados o segundo grupo de mamíferos que mais está distribuído em uma maior quantidade de distribuição geográfica. Perdendo somente para nós seres humanos. Isso se dá porque podem ser encontradas em todos os oceanos. Sua comunicação é feita através de sons e possuem uma vida social bem interessante, formando e mantendo grupos grandes familiares.

Seu peso pode passar de 9 toneladas, e por isso muitas vezes é dita como um monstro, especialmente há muitos anos atrás, quando não havia tanta informação sobre esse animal. Sua alimentação é baseada em outros animais, não importando a espécie nem o tamanho. Podem comer peixes, moluscos, tartarugas, focas e animais ainda maiores quando estão em grupo, como baleias e tubarões. Esse é mais um dos motivos de ser chamada de assassina. Mexer com esses animais, era claramente algo que não deveria ser feito.

Um dado importante quanto a sua alimentação é que por dia elas costumam consumir cada uma 250 quilogramas de carne. Por isso, animais de grande porte são sempre os melhores para fazer de presa e evitar passar fome.

Ostra

Ostra
Ostra

Mais um animal marinho com a inicial letra “O” é a ostra. Se você mora em lugar de praia, ou costuma viajar para esses, é bem possível que você já tenha visto em restaurantes e barracas de praia as ostras como aperitivos nos menus. Isso é muito comum, já que são animais que não são tão complicados assim de conseguir.

Apesar de não aparentarem, as ostras estão no grupo de moluscos. As ostras propriamente ditas são molengas (a parte em que realmente comemos), mas é protegida por uma concha calcificada que é fechada por, sim, músculos adutores. São muitas as características que deixam esses animais tão impressionantes.

Não é somente para ser alimento que as ostras são conhecidas. Quando elas sentem que estão ameaçadas, principalmente quando um parasita invade seu corpo, ela solta uma substância que se cristaliza ao redor desse invasor. Isso impede que ele se reproduza e acabe morrendo. Depois de sua morte, o material continua lá, e após uns três anos mais ou menos, esse material se torna pérola. Nem todas as pérolas são iguais, seu formato e cor varia de acordo com a saúde em que a ostra se encontra.

Um dos meios mais “fáceis” de terem mais ostras no poder dos humanos, é através da captura de larvas de ostras. Elas então são levadas para lugares especiais para cuidados, para que ela se desenvolva da forma que quisermos.

Ornitorrinco

Isso pode parecer surpresa. Ornitorrincos são animais marinhos? Não exatamente. Eles são animais semiaquáticos, e é muito provável que você o reconheça devido a desenhos animados, já que não é tão fácil assim de encontra-los. Seu habitat natural é na Austrália e Tasmânia, e são os únicos mamíferos ovíparos que existem, ou seja, que colocam ovos.

Outro fato interessante é que eles uma espécie monotípica, logo, não possuem nenhuma subespécie ou tipo reconhecido. Isso faz com que eles sejam uma preocupação ainda maior. Seus hábitos são noturnos, e conseguem se adaptar nos mais diversos lugares possíveis. Sua alimentação é feita de crustáceos, insetos e até mesmo vermes.

Apesar de tudo, é mais comum encontra-los em águas doces do que salgadas. Isso porque era bem mais fácil de conseguir alimento, e também encontrar proteção terrestre. Por viver em ambos os ambientes, era necessário lugares mais vantajosos em ambos os sentidos. Existem diversos fatos interessantes sobre esse animal, por isso ele é tão “misterioso” e legal de ser estudado.

Um exemplo disso é o fato de que seu bico é formado por milhares de células que são capazes de determinar e detectar campos elétricos gerados por qualquer ser vivo. Isso o faz ter um tipo de sexto sentido, que é bem poderoso. Alguns cientistas afirmam que esses animais conseguem caçar de olhos, boca e nariz fechados tranquilamente graças a esse novo sentido. Tudo isso, os torna especial para um estudo aprofundado e que requer muito cuidado. Não podemos arriscar perder uma espécie desse tipo.

Essas foram algumas das espécies marinhas com a letra “O”. Esperamos que tenham gostado do post, e não esqueça de comentar o que acharam ou alguma de suas dúvidas. Você também pode visitar os mais diversos conteúdos de biologia no nosso site.

Veja também

Galinha Modern Game: Características, Ovos, Como Criar e Fotos

Não, não estamos falando de um joguinho de vídeo game, e nem de algum novo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *