Home / Animais / Alimentação da Marmota: O Que Elas Comem?

Alimentação da Marmota: O Que Elas Comem?

A marmota é conhecida por ser um animal fofo e carismático assim como a grande parte dos roedores que conhecemos na natureza, como o castor também.

Esse é um animal que até mesmo se parece com os esquilos, mas na grande maioria das espécies ganha de lavada quando o assunto é tamanho, já que as marmotas são muito maiores do que os esquilos.

Marmota comendo
Marmota comendo

Além disso, outra coisa interessante sobre esse animal é que ele possui o hábito de hibernar por muito tempo e por esse motivo costuma viver em tocas feitas no solo, de maneira com que elas consigam também ficar escondidas de possíveis predadores, já que durante a hibernação a tendência é que o animal fique muito mais suscetível a ataques.

Porém, algo que muitas pessoas ainda não sabem é como a marmota se alimenta, justamente porque o tipo de alimentação dela pode ser considerado um mistério para as pessoas que nunca estudaram sobre o assunto.

Portanto, neste artigo vamos explicar de maneira detalhada como é a alimentação da marmota. Assim, continue lendo para saber exatamente o que esse animal come, qual o seu tipo de alimentação e também quanto ele come!

Plantas que a marmota come

A marmota é um roedor e por isso podemos dizer que às vezes ela procura espécies vegetais para roer, como por exemplo troncos de árvores e até mesmo galhos secos que caíram no chão.

Com isso, de acordo com o passar do tempo ela começou a desenvolver mais a sua alimentação e passou a consumir os mais diversos tipos de plantas, já que elas garantem uma maior hidratação ao corpo do animal e também um nível de fibras alimentares muito bom, assim como ocorre com o corpo dos seres humanos quando consumimos verduras e vegetais.

Além disso, podemos dizer que esse animal se alimenta principalmente de plantas também porque ela possui tamanho pequeno, já que as marmotas chegam a pesar 3kg e medir no máximo 20cm de altura, de forma que nem toda presa será menor do que ela para facilitar a caça, o que faz com que ela precisa de outros tipos de alimentos para conseguir adquirir energia sempre que precisar.

Insetos que a marmota come

Como já dissemos anteriormente a marmota se alimenta de plantas escuras muitas vezes por conta da facilidade de encontrar esse tipo de alimento e também por conta do seu tamanho, justamente porque ela não é um animal tão grande e por isso nem sempre consegue lutar por seu alimento.

Porém, a grande verdade é que esse animal também se alimenta da “carne” de insetos. Isso porque os insetos podem ser comparados com as plantas nesse caso, já que eles também são bem pequenos e, consequentemente, não representam nenhum tipo de ameaça para as marmotas.

É claro que nesse caso a marmota deve ter cuidado, já que insetos venenosos passarão o veneno para ela caso eles sejam consumidos, e por isso é necessário ter um maior instinto. Porém, no caso das plantas ela também precisa evitar plantas venenosas.

Assim, podemos dizer que alguns dos insetos mais consumidos pela marmota são as formigas e outros que estão presentes no solo, justamente porque eles são muito mais acessíveis para ela, já que esse animal não possui a tendência a escalar grandes altitudes em busca de alimento, por exemplo.

Portanto, esse é mais um tipo de alimento consumido pela marmota no dia a dia que você provavelmente não sabia! É claro que na grande maioria das vezes ela irá optar pelas plantas, mas em alguns casos (como por exemplo antes da época de hibernar) a tendência é que ela consuma os insetos também.

Tipo de alimentação da marmota

Na natureza temos dois tipos principais de matéria: a matéria animal e a matéria vegetal. A primeira (matéria vegetal) diz respeito a todos os tipos de planta que temos disponíveis na natureza, enquanto a segunda (matéria animal) diz respeito a todos os animais que temos presentes na natureza.

Dessa forma, como dissemos anteriormente as marmotas se alimentam de plantas (na maioria das vezes folhagens escuras) e também de animais (quando falamos sobre os insetos estamos falando de fauna e não de flora) e por esse motivo ela é caracterizada na natureza como um ser vivo com alimentação onívora.

Os onívoros se alimentam tanto de matéria vegetal quanto de matéria animal, e na maioria das vezes são animais de pequeno porte que precisam de grande disponibilidade de alimento justamente porque não conseguem pegar grandes quantidades de uma vez, e assim a alimentação onívora é um facilitador.

Assim, podemos concluir que diversas estruturas do corpo das marmotas cooperam para o tipo de alimentação dela, já que os seus grandes dentes da frente servem para roer e também para consumir insetos, enquanto que os outros dentes são essenciais para o consumo de plantas.

Quanto a marmota come?

Já sabemos quais são os tipos de alimento que a marmota come, mas não sabemos exatamente o quanto ela come, já que é difícil mensurar algo assim.

Porém, algo que você deve ter em mente é que a marmota é um animal que hiberna e justamente por isso ela precisa guardar alimento para estocar gordura em seu corpo, de forma que ela tenha gordura o suficiente para queimar e sobreviver ao período de hibernação no inverno sem problemas, até porque esse é o roedor com maior tempo de hibernação na natureza.

Assim, a tendência é que a marmota seja um animal que coma realmente MUITO, principalmente quando paramos para comparar a sua alimentação com o seu pequeno tamanho, o que pode acabar sendo algo muito surpreendente.

Marmota comendo cenoura
Marmota comendo cenoura

Portanto, é importante ter em mente que essa grande variação na alimentação é extremamente boa para a marmota justamente porque por meio dela ela consegue obter todos os nutrientes dos quais necessitas e também consegue estocar bastante alimento para os períodos de inverno.

Quer aprender mais informações com a gente sobre outros seres vivos que dividem o mundo com a gente? Confira aqui mesmo: Como as Salamandras Respiram? Sistema Respiratório do Animal

Veja também

Quais as Raças Que Deram Origem ao Bulldog Francês?

O Bulldog Francês tem origem do cruzamento entre os cães da raça Terriers Pequenos, e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *