Home / Animais / A Ostra Morre ao Retirar a Perola? Sim ou Não e Por Que?

A Ostra Morre ao Retirar a Perola? Sim ou Não e Por Que?

As Ostras

Ostras são animais moluscos que vivem em água salgada. Muitas pessoas inclusive não sabem que se trata de um animal e acha que são apenas conchas com capacidade de produzir pérolas em seu interior. Seu sistema é completo é composto por boca, respiração, anus e órgãos reprodutores  inclusive uma curiosidade: as outras são hermafroditas e mudam de sexo conforme acharem necessidade a partir de sua idade adulta aos 3 anos.

Suas vantagens na natureza são imensas e não se definem apenas por isso. Elas filtram as águas, deixando os mares mais limpos e cristalinos, já que absorvem nitrogênio principal responsável pelo aumento de algas que em uma quantidade maior que o ideal deixará o ambiente tóxico para peixes e outros seres.

Formam locais de proteção para peixes pequenos crustáceos menores, além de cavalos marinhos, já que se reproduzem de uma maneira muito rápida e como são formadas de maneira calcificada fazem uma barreira dura que impede a visualização de predadores.

Pérolas das Ostras

As ostras produzem pérolas como meio de defesa contra agentes invasores. Quando elas sugam a água para se alimentar podem ingerir algo que faça mal como grãos de areias ou até mesmo pequenos animais que possam agredir seu manto protetor, elas envolvem em uma resina e esse método é o que produz as pérolas.

Embora vemos diversas vezes em desenhos, não é comum as pérolas ficarem soltas sobre o manto da ostra em seu interior, geralmente ela fica como uma espécie de “espinha”, já que o agente invasor muitas vezes chega a furar seu manto fugindo da sucção da boca do animal.

E por dentro do manto que estão diversos nutrientes que são ingeridos pelo homem e por conta dessa fama e importância que é um alimento considerado “gourmet” e vendido a preços algumas vezes exorbitantes em restaurantes europeus e de outros locais.

Antigamente, não existia maquinário e nem mão de obra suficiente para descoberta de ouro, esmeraldas, entre outros metais preciosos e por conta disso a pérola que era mais facilmente encontrada virou objeto de valor e símbolo de aquisição e poder entre os ícones importantes da época.

Mas, voltando a pergunta, essa simbologia também é por conta da vida da ostra em relação a perola? Se retirada, ela morrerá? Ficou curioso para saber mais então continue no nosso guia.

Relação das Pérolas com a Vida das Ostras

Diretamente falando, não existe relação entre a produção de ostras e o ciclo de vida de ostras. Isso tudo porque as pérolas são apenas mecanismos de defesas das ostras, e que calcificaram entre os anos. As ostras têm o ciclo de vida de 2 a 6 anos apenas, porém a resina é colocada sobre o corpo invasor diariamente, com o passar dos dias seu formato irá se afirmando e seu valor aumentando.

Obviamente, se fossemos seguir o fluxo natural do meio ambiente, as pérolas só seriam recolhidas quando as ostras morressem por ações do tempo e não por pesca, entre outras ações do homem que afetam diretamente o ciclo em meio a natureza.

As pérolas se tomado os devidos cuidados podem sim ser retiradas das ostras e depois devolvida a natureza, e quem sabe ela possa até mesmo produzir outro exemplar. Porém, sua retirada, seus processos de pescas não são muito saudáveis para esses moluscos e muitas ou a grande maioria morre quando o processo de retirada da pedra preciosa ocorre.

Ostra Aberta
Ostra Aberta

Quando o homem pesca ou pega uma ostra e a abre de forma mais rústica para retirada das pérolas pare revenda ou produção de joias, além de vender como comida, as ostras não resistem a pressões e machucados sobre seu manto e a musculatura que a mantem fechada e por conta disso acaba morrendo. É como se houvesse uma extração mesmo de algum órgão em um animal tão pequeno e limitado, o resultado de qualquer maneira, não seria outro senão seu fim.

Outras Funções das Ostras

As ostras são responsáveis pela purificação dos oceanos, seu método de alimentação e respiração são os órgãos importantes para esse feitio. No caso, as ostras sugam o nitrogênio e até mesmo se alimentam do excesso de algas que podem fazer mal para outras vidas marinhas como peixes em que sua maioria tem a respiração embaixo da água.

Para animais menores, como as ostras ficam aglomeradas do período de larva até a vida adulta e em uma única desova, ela consegue colocar até um milhão de ovos, elas formam pequenas paredes para proteção de cavalos marinhos, estrelas do mar, entre outros menores que não consegue se esconder nem se defender de tubarões que possuem uma alimentação grande e com esses pequenos alvos.

Para alimentação humana, ela possui muitas vitaminas e também nutrientes responsáveis pela produção de testosterona, ficou reconhecida internacionalmente após sua ligação para problemas de impotências sexuais e visto como alimento ligado somente para esse fim. Após demais estudos e descobertas, atualmente sua ingestão de forma correta é indicada para todos os perfis e interessados em uma dieta mais saudável. Sua presença é marcante e comum em restaurantes e fazem sucesso entre os turistas do mundo todo.

Curiosidades Sobre as Pérolas

Já que o assunto são as pérolas, falaremos mais abaixo algumas curiosidades sobre elas já que sua ligação com o homem existe há milhares de anos.

  • As pérolas brancas e redondas são as mais raras, por conta disso são também as mais preciosas.
  • As pérolas podem ter diversas colorações até mesmo pretas e isso está principalmente relacionado com sua alimentação e seu habitat natural.
  • Antigamente as pessoas que tinham uma pérola a utilizavam como bússola da vida, se ela perdesse o brilho ou ficasse feia era presságio da morte de seu dono.
  • Seu valor é exclusivamente pelo método que ela é obtida e produção, já que ela é feita de 95% de cálcio e nenhum outro ingrediente curioso que possam revendido como ouro quando derretido continua tendo igual valor.
  • Em alguns países onde a homeopatia é presente de forma intensa, ela pode ser utilizada como remédio e sua versão em pó alivia dores de cabeça, úlcera e até mesmo lepra. Interessante, não?

Para saber mais sobre as ostras e suas pérolas, continue acessando o Mundo Ecologia!

Veja também

Habitat do Pato: Onde Eles Vivem?

O pato é um animal curioso e cheio de particularidades. Ele está presente na família …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *