Home / Plantas / Tudo Sobre a Sálvia Leucantha: Características e Nome Científico

Tudo Sobre a Sálvia Leucantha: Características e Nome Científico

A Sálvia Leucantha, de nome científico, Salvia luecantha, é uma planta antiga e resistente. É a favorita do jardim de diversas pessoas há muitos anos. Às vezes, também é chamada de “sálvia lanosa”, devido às pequenas características “lanosas” brancas das novas hastes de crescimento e na parte inferior das folhas.

Essa planta pode crescer de 80 cm a 1,2 metros de altura. É igualmente larga e possui muitos caules eretos que se arqueiam nas pontas quando em flor. A Sálvia Leucantha tem folhas lineares, lanceoladas, cinza-esverdeadas, que fornecem um bom contraste com outras plantas de jardim durante todo o ano.

Se você está curioso para saber mais, basta continuar a sua leitura até o fim.

Características da Sálvia Leucantha

A forma original desta sálvia tem flores roxas aveludadas e cálices roxos escuros. Muitas vezes, também há uma mancha embaçada e levemente branca. Os cálices felpudos permanecem na planta por muito tempo após o término das pétalas, proporcionando uma bela exibição colorida.

O período de pico da floração é da primavera ao outono, mas no clima certo elas podem florescer o ano todo. Esta espécie também é conhecida pelos ramos de arco graciosos que resultam quando a tela floral aparece.

A Sálvia Leucantha floresce no final da temporada, portanto fornece às borboletas uma fonte de néctar quando outras flores são escassas.

Condições de Crescimento da Planta

A Leucantha é uma doas sálvias que mais crescem, com uma disposição resistente. O habitat nativo é quente e semelhante ao clima temperado, portanto, as condições de seca são adequadas.

É tolerante à seca, preferindo uma rega profunda uma vez por semana quando quente. No entanto, condições quentes e úmidas, como os trópicos, não se adequam a essa plantinha.

A maioria das condições do solo é adequada, mas o enriquecimento com matéria orgânica será útil. Apenas sombra leve é ​​tolerada. Isso porque a planta fica muito pernuda e irregular, enquanto tenta alcançar a luz do sol.

Em áreas mais frias, a estação de crescimento pode ser bastante curta, assim como o show de flores. Quando o clima frio chegar, o crescimento diminuirá, bem como a floração. A Sálvia Leucantha poderá morrer completamente em um inverno profundo.

Sálvia Leucantha no Canteiro
Sálvia Leucantha no Canteiro

O inverno leve deve ser tolerado pelas plantas estabelecidas, mas as plantas jovens podem precisar de proteção nos primeiros anos. Nas áreas onde é muito frio para a sálvia ter um bom desempenho, ela funcionará muito bem como uma planta de vasos.

No clima certo, floresce quase o ano todo. A estação da floração é tardia em comparação com outras sálvias e se estende da primavera até o outono, como citado anteriormente. As hastes em arco podem se quebrar quando a tela superior das flores pesadas estiver em pleno andamento, portanto, uma poda leve pode ser necessária.

Um Pouco Mais Sobre o Cultivo

A propagação é feita por estacas ou dividindo o monte em vários grupos. Não é considerada uma planta invasora, mas a Sálvia Leucantha tende a se arrastar à medida que cresce. A cada 2 a 4 anos, você pode desenterrar parte da planta.

Perceba se ela se espalhar um pouco demais ou colocar uma barreira no nível do solo que restringirá seu crescimento. A poda em geral ajudará a promover o arbusto e pode ser cortada ao nível do solo no final da estação, quando um novo crescimento começa a aparecer na base.

Quando cultivada com alecrim e lavanda, vai deixar que o jardim assuma uma aparência mediterrânea. É uma das poucas sálvias adequadas para uso como uma flor de corte, porque os cálices roxos difusos permanecem na planta por muito tempo após a queda das pétalas. Isso significa que também pode ser usado para arranjos, porque a cor também é mantida.

Sálvia Leucantha Cultivadas no Jardim
Sálvia Leucantha Cultivadas no Jardim

A família da sálvia tem mais de 900 membros, com uma extensa história como plantas culinárias, medicinais e ornamentais. As sálvias ornamentais se tornaram itens de colecionador, pois os jardineiros tentam encontrar um lugar no jardim para cada uma.

Antes de plantar, verifique se a parte radicular está saturada e remova o saco da plantadeira com o mínimo de distúrbios. Apare as raízes quebradas e plante no mesmo nível do recipiente. Cave um buraco duas vezes o diâmetro da raiz da Sálvia Leucantha, colocando no vaso e firmando em torno da base do solo.

Dicas de Manutenção

Aplique cobertura morta anualmente. Isso ajudará a suprimir as ervas daninhas e a conservar a umidade. Alimente anualmente na primavera, com um fertilizante equilibrado, quando um novo crescimento começar. Regue durante os períodos secos do verão para prolongar a floração.

À medida que as brotações começam a crescer, ainda assim precisam de apoio. Quatro ou cinco estacas de bambu empurradas para o chão em círculo ao redor da moita, com um barbante amarrado entre elas, devem ser escondidas pela folhagem na hora da floração.

Como alternativa, empurre quatro estacas no chão ao redor das plantas, em um quadrado ou retângulo. A rede quadrada pode então ser apertada sobre as estacas e as plantas crescerão. Outra camada de rede pode ser adicionada à medida que as plantas crescem.

Com preparação e cuidados adequados, as plantas perenes da Sálvia Leucantha crescerão e florescerão ano após ano. Elas se beneficiam de um solo bem drenado, livre de ervas daninhas, rico em material orgânico.

Plantar muito perto uma da outra leva a um crescimento espinhoso, a uma floração fraca e a um eventual declínio. Em uma fronteira bem planejada, as plantas em flor deve apenas se tocar para criar um efeito completo sem superlotação.

Controle lesmas e caracóis para evitar danos a brotos jovens e macios. Estaque as plantas no momento ou próximo do plantio para garantir que elas não sejam danificadas e cresçam ao das estacas para escondê-las.

Usos Culinários

Essa espécie geralmente não é considerada uma sálvia culinária.

Usos Medicinais

Ela possui uma grande variedade de usos medicinais, e a sálvia pode ter sido usada para esse fim, onde cresce localmente. Verificou-se que contém hidrocarbonetos específicos de sesquiterpenos e outros compostos.

E aí? Curtiu conhecer mais detalhes acerca da Sálvia Leucantha? Essa é uma flor bonita que, se cultivada em seu jardim, vai render uma bela paisagem.

Veja também

Como se Faz Saião com Leite? Para que Serve?

O saião (nome científico Kalanchoe brasiliensis) é uma planta medicinal que também pode ser conhecida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *