Home / Plantas / Tudo Sobre a Flor Lobélia-Azul: Características e Nome Cientifico

Tudo Sobre a Flor Lobélia-Azul: Características e Nome Cientifico

Hoje vamos falar sobre uma planta chamada Flor Lobélia Azul bem linda, então se você é fã de flores não pode perder nenhuma informação.

Tudo Sobre a Flor Lobélia-Azul

Nome científico – Lobelia siphilitica

Popularmente conhecida como Lobélia azul, flor cardinal azul, grande lobélia, essa planta está dentro da família Campanulaceae. É uma espécie de magnoliopsidas semelhante a erva, durável e originária dos EUA e do Canadá. Atualmente são conhecidas duas variedades desta, são elas Var. ludoviciana e Var. siphilitica. Seu período de floração vai do mês de agosto ao mês de outubro e infelizmente não dura muito, elas têm uma expectativa de vida de poucos anos.

Mesmo que seja capaz de produzir sementes através da autopolinização, ela não consegue aproveitar o seu próprio pólen, sendo assim precisam ser polinizadas por abelhas ou outros insetos. Essa flor possui três pétalas na parte de baixo, é ali que a abelha pousa. O seu peso deve ser suficiente para baixar este local, dando entrada direta para o néctar que ela precisa.

Características da Flor Lobélia Azul

Lobélia-Azul
Lobélia-Azul

Essa planta cresce até pouco mais de 1 m, seu caule tem estrias. Suas folhas não apresentam pelagem, ou mínima, elas podem ter o formato de lança ou em formato elíptico. As folhas medem algo em torno de 2 cm de largura a 6 cm em seu comprimento. 

Suas flores tem um formato que permite que sejam repartidas ao meio e apresentarem duas partes igual, elas estão mais floridas no fim do verão. Suas flores ficam concentradas na parte de cima do cacho, poucas ficam na parte de baixo, as de baixo aparecem antes de todas. As flores têm tamanho grande, podem ser de coloração violeta ou azul, que podem variar no tom da mesma cor e podem até ser brancas e atingirem quase 3 cm de comprimento.

As flores dessa espécie possuem cinco pétalas, na parte de baixo existem três e na parte de cima são duas pétalas que se curvam para trás.

Habitat da Flor Lobélia Azul

Essas flores são distribuídas do estado de Maine até o Canadá em Manitoba, também do estado de Carolina do Norte até o estado do Texas. Algumas podem vista em outras regiões do estado de Wyoming até o estado do Colorado. Ela se dá bem em regiões como solo úmido e semi úmido, e em locais com meia sombra.

Como Cultivar a Flor Lobélia-Azul

Lobélia-Azul
Lobélia-Azul

Caso você tenha se interessado sobre essa planta incrível saiba que é possível comprar em lojas especializadas. Ela ainda pode ser plantada utilizando somentes ou por estaquia.

Saiba que essa planta precisa receber o sol na maior parte do dia, no máximo meia sombra, deve – se investir em um substrato de boa qualidade, o solo deve ser bem drenado, a rega deve ser frequente e investir em matéria orgânica. Depois que sua planta florir, você vai precisar remover as suas flores, e eu sei vai te dar uma dor no coração, mas só assim elas vão estar bem para florir de novo. Ela gosta de climas amenos, e pode se adaptar muito bem a regiões diferentes e vai florir de acordo com o clima.

Elas germinam muito rápido quando plantadas através de sementes, as suas flores devem surgir em torno de 4 meses depois de plantada definitivamente.

Utilidades da Flor Lobélia Azul

Essa flor já foi utilizada como planta medicinal, elas serviam para tratar alguns problemas como dores musculares e até problemas respiratórios. Curiosamente já foi pensada no passado como uma forma de cura da sífilis pelos europeus que viviam nas colônias.

Como Plantar Sementes de Lobélia Azul?

  • O ideal é que o plantio através de sementes seja feito no outono e no inverno.
  • Procure utilizar uma terra de cor mais escura, pois ela costuma ser mais rica em nutrientes, outra dica é esterilizar a terra para que não nasçam gramíneas que te possam te confundir, dessa forma somente elas germinaram ali. Para isso basta colocar a terra em um recipiente e colocar no micro-ondas , deixe lá entre 1 a 2 minutos, quando retirar ela vai estar muito aquecida, então aguarde que ela resfrie.
  • Quando comprar em sementes, sempre verificar a validade.
  • Antes do plantio perceba que a terra precisa estar bastante solta, se houver torrões vá soltando com as mãos. Caso você não tenha terra em casa não tem problema, pode adquirir em lojas especializadas, adicione húmus de minhoca para enriquecer, mas caso não queira colocar neste momento não tem problema, pode deixar colocar quando transplantar.
  • Quando você abrir o pacote vai perceber que as sementes são tão pequenas que parecem canela em pó, por conta da cor e a aparência de pó. Por esse motivo nem precisa abrir covas na terra, basta semear com as mãos mesmo, com cuidados.
  • Após isso, vá cobrindo as sementes com terra, basta uma camada fininha, utilize a mesma terra do pote, onde não tenha sementes. Concluído o processo pode borrifar água por toda extensão de terra, isso também ajuda com que as sementes sejam enterradas. Deixe a terra sempre úmida até que germine.
  • Importante lembrar de fazer furos no fundo do seu pote antes, isso vai ajudar a escoar o excesso de água.
  • Elas levam cerca de 7 a 10 dias para germinar, fica parecendo uma gramínea. Aguarde que elas cresçam mais e fiquem mais fortes para depois transplantar.

Transplantar em Local Definitivo

  • Escolha um vaso grande, de preferência de barro para não ter umidade e nem calor, mesmo que no sol ele fique fresco. Se for utilizar plástico saiba que precisa de uma  boa drenagem.
  • Escolha uma terra escura como citamos acima, agora sim adubar é imprescindível, utilize por exemplo esterco de galinhas, na proporção de 3 partes de terra para apenas 1 de adubo. Misture tudo muito bem. Você também pode usar húmus de minhoca ou farinha de osso, eles ajudam muito no florescimento.
  • Quando a muda tiver 1 mês de vida já pode fazer o transplante, regue antes. Agora retire as suas mudas com muito cuidado utilizando um pequeno pá de jardinagem. Vá abrindo pequenas covas na terra e vá acomodando cada muda deixando um espaçamento entre elas. Depois disso basta regar com cuidado e jamais deixar exposto na chuva.

Veja também

Flores na Decoração de Casamento

Quais São as Flores de Casamento?

Você vai se casar e está escolhendo as flores da decoração?, ou quer presentear alguma …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.