Home / Plantas / Flor Flox Como Cuidar, Plantar, Fazer Mudas e Podar

Flor Flox Como Cuidar, Plantar, Fazer Mudas e Podar

É um exercício de imaginação muito complexo e difícil pensar no planeta Terra sem a presença das flores, já que muitas coisas essenciais para vida humana são protagonizadas por elas. Dessa forma, pensar em um mundo sem flores é complicado e, ademais, viver em um mundo sem flores seria extremamente ruim para todas as pessoas. Isso porque as plantas que produzem as flores são fundamentais, por exemplo, para a produção de gás oxigênio.

Assim, se cada flor que existe no planeta veio de uma planta, as flores também são responsáveis pela produção de oxigênio, que posteriormente será aproveitado por todas as pessoas.

Portanto, as flores são parte fundamental do dia-a-dia de todos, por mais que não se perceba isso, já que atualmente as pessoas têm menos tempo para a contemplação da natureza e, dessa forma, acabam por não dar o destaque merecido às flores.

Flores no Paisagismo e Alimentação

Dessa forma, o uso das flores pode ser muito variado em todo o mundo, já que nações e grupos sociais distintos usam as flores de diferentes formas. Em muitos lugares do mundo, por exemplo, é bastante comum que as flores sejam consumidas junto de pratos de cozinha, muitas vezes feitos por pessoas comuns.

A ação não é muito comum no Brasil, onde as flores são empregadas apenas em pratos muito específicos, em geral realizados por cozinheiros experientes e renomados. Essas flores, naturalmente, são comestíveis e não causam qualquer mal á saúda humana, sendo muito comum que outros primatas também as consumam no dia-a-dia.

Isso porque, diferentemente da grande maioria das pessoas, os outros primatas costumam consumir grandes doses de flores ao longo de um único dia, já que esse tipo de alimento é acessível e muitas vezes não é possível caçar outros animais, por exemplo.

Flor Flox no Paisagismo

Portanto, diante de todo esse cenário, os primatas buscam muito as flores como fonte de alimentação.

Porém, se são tão importantes para a alimentação dos primatas e um pouco menos comuns na alimentação das pessoas, as flores têm, também, outros objetivos e usos.

Logo, uma grande forma de uso para as flores se dá no paisagismo, já que as flores têm toda uma beleza consigo e, assim, chama a atenção de todos pela forma como atrai olhares e, além disso, pelo jeito como é capaz de atrair animais.

Assim, o paisagismo consiste em arranjar as flores de forma equilibrada e harmônica no jardim ou em um ambiente fechado, sendo uma profissão e uma área de estudo bastante ampla, que cada vez mais cresce em todo o Brasil e faz uso de diferentes tipos de flores. Dessa maneira, entre essas flores está a flor flox, uma flor que possui beleza sem igual, sendo bastante grande para os padrões internacionais das flores e, dessa forma, atraindo olhares tanto pelo tamanho quanto pela beleza.

Veja abaixo mais informações e detalhes sobre a flor flox, essa flor tão bela que vem sendo muito utilizada por paisagistas de todo o mundo, já que possui variações e pode muito bem servir para qualquer ambiente natural.

Como Cultivar a Flor Flox

A flor flox é uma planta originária dos Estados Unidos, mais precisamente da região do Texas, sendo, portanto, uma flor de verão e que gosta de clima quente. Como tudo no Texas, a flor flox é conhecida por ser, além de bela, muito grande.

Há diversificações da flor flox, que varia em tipo e até mesmo em cores. Assim, é bastante interessante que se pesquise os tipos de flor flox para, só então, saber qual se encaixa mais no seu perfil e, assim, escolher o melhor tipo para a sua casa.

O plantio da flor flox não é muito diferente do plantio de qualquer outra planta que dê flores, já que os métodos de plantio são parecidos. É importante que se escolha um local vasto e grande para a flor flox, já que a planta possui dimensões grandes, mesmo sendo arbustiva. Apesar de a flor flox não exigir locais muito complexos para o plantio, sendo capaz de crescer bem em qualquer ambiente, a planta gosta de locais mais expostos ao sol e que possam, também, facilitar o seu desenvolvimento.

A flor flox, ademais, gosta de solos úmidos, com boa drenagem, que pode ser feita com areia e pedras. A planta ainda precisa de matéria orgânica de qualidade para se desenvolver bem, algo que não é difícil de buscar. Porém, não exagere na água nos momentos de rega, já que a flor flox é típica de ambientes quentes e nem sempre responde bem a isso.

Características da Flor Flox

A flor flox é uma planta que possui tamanho relativamente grande, já que, sendo uma planta arbustiva, em geral teria tamanho mais reduzido. De qualquer forma, o certo é que a flor flox é extremamente bela, pode medir até 40 centímetros de altura, tendo flores grandes e muita variedade de cores entre elas, algo que varia conforme o tipo de flor flox.

A flor flox, assim, costuma despontar no fim do inverno e permanecer aberta até o fim do verão, quando começa a perder força. Dessa forma, a flor flox é uma planta típica de ambientes quentes e de locais com temperaturas altas, além de umidade baixa.

Porém, se bem aquecida e colocada em local fechado, a flor flox consegue até mesmo se desenvolve bem quando criada e cultivada em ambientes frios. O mais importante, portanto, é o bom cultivo.

Uso da Flor Flox

A flor flox pode ser usada muito bem como ponto focal do jardim, seja qual for a cor escolhida para tal. Assim, a planta encaixa muito bem como uma flor central, que se destaca muito em meio às outras.

Contudo, se o objetivo é fazer algo mais simples, a flor flox também responde muito bem. Isso porque a planta, além de servir bem como ponto central do jardim, pode encaixar de maneira interessante em janelas ou até mesmo na entrada na casa.

O mais importante, de qualquer forma, é que a flor flox possa ser vista pelo maior número de pessoas possível.

Veja também

Cacto do Peru: Características, Como Cultivar e Fotos

Pode até não parecer, mas nem todo cacto é igual. Na verdade, existem inúmeras espécies …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *