Home / Plantas / Existe Floresta De Bambu No Brasil? Se Sim, Onde Fica?

Existe Floresta De Bambu No Brasil? Se Sim, Onde Fica?

O bambu é uma das plantas mais populares no mundo todo, ou seja, é encontrada em praticamente todas as regiões do planeta, em maior ou menor número. Estima-se que existam mais de 1.300 espécies diferentes de bambu distribuídos pelo mundo.

Parte da família das Gramíceas e da subfamília das Bambusoideaes, o bambu pode ser encontrado em grandes quantidades na América em geral, incluindo o Brasil.

Então, você pode estar se perguntando: “Existe floresta de bambu no Brasil? Se sim, onde fica?”… Não fique na curiosidade! Acompanhe-nos e descubra se há florestas de bambu em nosso país e outras informações super interessante sobre essa planta!

Florestas de Bambu no Brasil

Existe floresta de bambu no Brasil? A resposta é sim!

Se sim, onde fica? Bem, a maior floresta de bambu que encontramos no Brasil se localiza no estado do Acre. Aliás, tal floresta é reconhecida internacionalmente por ser uma das maiores florestas nativas da planta no mundo todo, sabia?

Para se ter uma ideia melhor da floresta de bambu brasileira do Acre, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) aponta que, em todo o mundo, há cerca de 22 milhões de hectares de bambus. Desses 22 milhões de hectares, 9 milhões estão localizados na América do Sul, em especial, na Bolívia, no Peru e no Brasil.

E no estado brasileiro do Acre, se calcula que são 4,5 milhões de hectares de bambus plantados. Isso representa um vastíssimo espaço de cultivo dessa planta.

Destaca-se ainda o estado do Maranhão, com vastas florestas de bambus, mas ainda menores do que as do Acre. Também regiões de matas do sudeste do país, como nos estados do Rio De Janeiro, de São Paulo e de Minas Gerais.

Espécies/gêneros De Bambu Mais Encontradas No Brasil

No Brasil, as espécies de maior prevalência são aquelas que vieram do continente asiático, possivelmente, trazidos pela colonização europeia, sobretudo a portuguesa e espanhola. Assim, de acordo com dados, algumas dessas espécies ou gêneros de bambu mais encontradas no Brasil são:

  • Gêneros Bambusa e Dendrocalamus: podem ser encontrados em praticamente todo o país. Desempenham um importante papel no ecossistema brasileiro, dando suporte a fauna das regiões onde são cultivados, como lençóis de água.
    Dendrocalamus
    Dendrocalamus
  • Bambusa vulgaris Schrad: espécie predominante na região norte do Brasil. Tem importante papel na produção e economia do pais, pois a sua extração legal visa o processo de produção de celulose para diversos produtos, como o cimento.
  • Sasa e Phyllostachys: gênero de bambu cultivado, em especial, no norte, sudeste e sul do país. Faz parte de um relevante percentual de renda de trabalhadores e empreendedores do campo, como artesões e agricultores.

Além disso, vale ressaltar que das mais de 1.3000 espécies de bambu existentes no mundo, existem 90 gêneros diferentes dessa planta. No Brasil, encontramos algo em torno de 250 espécies que se dividem em mais de 30 gêneros diferentes de bambus nativamente brasileiros.

Proteção Às Florestas De Bambu No Brasil

Devido às utilizações diversas do bambu e a sua alta prevalência em território brasileiro, como já fora mencionado anteriormente, o Brasil conta com diversos programas, projetos e ações que visam proteger as florestas de bambu brasileiras, além de fomentar formas de geração de renda por meio da utilização do bambu.

Um exemplo acontece no estado de Santa Catarina existe o programa BambuSC, da Associação Catarinense do Bambu. Essa ação visa preservar, incentivar o cultivo e promover o uso da planta como forma de geração obtenção de renda, além de se dedicar a pesquisa.

Em 2011, o Governo Federal lançou a Política Nacional de Incentivo ao Manejo Sustentado e ao Cultivo do Bambu (PNMCB). A iniciativa visa o incentivo da transformação das plantações de bambus em verdadeiras florestas e, com isso, aumentar a produção da planta e gerar empregos e mais matéria-prima disponível.

Já o TecPar (Insituto de Tecnologia do Paraná) mantém uma parceria com a CCIBJ (Câmara do Comércio e Indústria Brasil-Japão do Paraná), desde o ano de 2019. Tal ação estuda formas de fomentar a cadeia sustentável de produção e extração do bambu e promove o intercâmbio entre os dois países.

Classificação Cientifica Do Bambu

A classificação científica do bambu oficial é:

  • Domínio: Eukaryota
  • Reino: Plantae
  • Superdivisão: Spermatophyta
  • Divisão: Magnoliophyta
  • Classe: Liliopsida
  • Subclasse: Commelinidae
  • Ordem: Poales
  • Família: Poaceae
  • Subfamília: Bambusoideae

Curiosidades Sobre O Bambu

Muda de Bambu
Muda de Bambu

Já sabemos muito sobre se Existe floresta de bambu no Brasil? Se sim, onde fica?, não é? Que tal agora conhecer algumas curiosidades imperdíveis sobre essa planta? Veja a seguir:

  • Nos estados do Maranhão, Paraíba e Pernambuco há milhares de hectares de plantação de bambu destinados a indústria do papel;
  • O bambu é uma das plantas com o crescimento mais rápido na natureza. Algumas espécies de bambu crescem diariamente e chegam a evoluir (por dia) mais de 12 cm de comprimento;
  • As florestas de bambu são uma das melhores formas naturais de proteger regiões vulneráveis a catástrofes do tipo erosão e tremor de terra;
  • O bambu tem, também, propriedades medicinais (como banhos de imersão) e cosméticas (para pele e cabelos);
  • Você sabia que na Índia, mais de 70% de todo o papel produzido é confeccionado à base de bambu?
  • O bambu apresenta uma resistência superior à do concreto (cerca de 6 vezes mais) quando se trata de forças de compressão;
  • Mais de 700 km da tubulação de irrigação do território da Tanzânia é feita com bambu;
  • São catalogadas, em todo o mundo, mais de 4.000 utilidades do bambu;
  • As embarcações têm sua estrutura inspirada no bambu, em especial, no seu corte longitudinal;
  • O bambu teve presença importante na 2ª Guerra mundial, sendo utilizado como suporte de concreto em reforços de bases de soldados;
  • Em alguns países, os filtros para coar café são feitos com bambu, sabia? No Brasil, algumas empresas já investem nesse tipo de produção. Isso ajuda a reduzir a quantidade de papel utilizado, contribuindo com a preservação do meio ambiente;
  • Os bambus, devido a sua resistência, também podem servir para a construção de telhados de residências e espaços e geral;
  • Com alto poder de germinação e crescimento, os bambus foram as primeiras plantas a se manifestarem no ambiente devastado de Hiroshima, depois do bombardeio nuclear que a região sofreu, no mês de agosto do ano de 1945.

Veja também

Como Cuidar da Flor Sálvia Ananás, Fazer Mudas e Podar

O universo das plantas e flores pode ser muito diversificado, já que todos os detalhes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *