Home / Plantas / Clerodendro Vermelho, Rosa, Branco, Azul e Roxo Com Fotos

Clerodendro Vermelho, Rosa, Branco, Azul e Roxo Com Fotos

Você poderá encontrá-la como a Hortênsia-da-china, Clerodendro-da-china, ou Flor-da-glória; e nas cores vermelho, rosa, branco, azul e roxo. Mas, em uma coisa todas elas concordam: trata-se de uma das espécies rústicas e ornamentais mais singulares trazidas diretamente do continente asiático.

A Clerodendrum bungei, seu nome científico, pertence à família das Lamiaceae; uma comunidade que abriga verdadeiras “celebridades”, como a hortelã, a sálvia, a lavândula, o alecrim, entre diversas outras espécies com características arbustivas e bastante apreciadas por paisagistas.

Quando crescida, a Clerodendro pode atingir uma altura que costuma variar entre 0,9 e 1,8m; e o que se diz é que ela é uma verdadeira “máquina de crescer”, tal o vigor com que se desenvolve na forma de touceiras que surgem diretamente das raízes da planta.

As outras características da Clerodendro são as típicas de um arbusto semi-lenhoso, caducifólia (que perde as folhas no inverno), com ramos eretos e discretos, folhas exuberantes, ovaladas e opostas – e com um curioso formato de um coração na cor verde escuro.

As bordas dessas suas folhas são serrilhadas, as inflorescências possuem 5 lados na forma de pequenos funis rosados, de onde desprende-se um singularíssimo perfume almiscarado, que já à distância pode ser notado.

Na verdade as suas belas formas costumam ser notadas por um verdadeiro festival de bem-te-vis, borboletas, vespas, beija-flores, entre outras espécies de passeriformes que surgem de todos os cantos e de todos os tipos ansiosos por saborearem o seu delicioso néctar – e, de quebra, ainda espalhar a Clerodendro por meio do oportuno processo de polinização.

Fotos e Características das Clerodendros Vermelhas, Rosas, Brancas, Azuis e Roxas

Além de ser belíssima, a Clerodendro ainda pode ser encontrada em diversas colorações e aspectos físicos.Por ser um gênero de plantas com características semi-lenhosas, as suas variedades desenvolvem-se na forma de touceiras vigorosas, que dão origem a um conjunto de inflorescências na forma de um buquê, como essas que veremos logo abaixo:

1.A Clerodendrum Walich

Essa variedade é um assombro! Todos os anos, no início do outono, as suas inflorescências surgem, magníficas, em um tom de branco neve que costuma deixar até mesmo os paisagistas e decoradores – tão acostumados com variedades florais – completamente extasiados.

Clerodendrum Walich

Com uma floração abundante, flores diminutas e delicadas, em hastes que atingem entre 0,50 cm e 2 metros, a Clerodendrum wallich oferece o magnífico espetáculo da sua floração durante quase 60 dias, em um show de cores e de aromas típicos das mais festejadas espécies rústicas e ornamentais da natureza.

2.Clerodendrum Bungei

Aqui temos outro espetáculo de cores e de aromas que, curiosamente, desprendem-se até mesmo da sua folhagem. É a Clerodendrum bungei, ou Clerodendrum-da-china, uma exuberância capaz de atingir até 3 metros de altura, exibir folhas de um verde escuro fascinante, com margens serrilhadas, na forma de corações; e que, curiosamente, adquirem uma tonalidade mais arroxeada quando recebem uma incidência direta de sol.

As suas flores surgem em uma tonalidade entre o vermelho e o carmesim, mas que pode variar em um tom de rosa bastante delicado, em botões relativamente grandes e que saltam bem acima do conjunto da folhagem, como se até quisessem beber dos fluidos revigorantes do sol.

Clerodendrum Bungei

Todo o verão é a mesma coisa! A Clerodendrum bungei exibe todo o vigor da sua floração até despedir-se majestosamente no inverno, juntamente com toda a sua folhagem, em um dos eventos mais belos entre as espécies florais que se conhece.

3.Clerodendrum Bezkolyuchkovy

Essa espécie é bastante comum no sul da Índia, e chama bastante a atenção pela sua capacidade crescer como uma expressiva “cerca arbustiva” capaz de atingir entre 2 e 3 metros de altura.

Ela forma um verdadeiro emaranhado de ramos, galhos, folhas e flores que compõem um conjunto bastante vigoroso.

Clerodendrum Bezkolyuchkovy

A floração da Clerodendrum bezkolyuchkovy apresenta-se em uma combinação de branco e roxo no final das suas longas hastes umbeliformes e tão extravagantes quantos as variedades vermelha, branca, azul e rosa da Clerodendro.

Uma das principais características dessa variedade é a sua capacidade de resistir às condições mais adversas, como os solos pouco férteis, pH desbalanceado e um sol a pino; e mesmo assim desenvolver-se de forma intensa como se até desafiasse a aridez ao seu redor.

4.Clerodendrum de Thomsoniae

Aqui temos o perfeito exemplar de uma espécie floral rústica, vigorosa e ornamental. O seu habitat de origem são as áridas, hostis e escaldantes paragens do continente africano, onde ela desenvolve-se como uma espécie selvagem e perfeitamente adaptável ao clima tropical brasileiro.

Clerodendrum de Thomsoniae

Essa é outra variedade da qual brota um conjunto de inflorescências com cores vermelhas, cuidadosamente protegidas por brácteas com uma coloração creme ou branco-neve, e que surgem ao final de longos pedúnculos, como um pequeno buquê com cinco pétalas cada.

A sua folhagem, como não poderia ser diferente, desenvolve-se de forma opulenta, capaz de alcançar até 4 metros de altura, como um emaranhado de ramos, cipós e galhos, quase como uma trepadeira, com folhas capazes de atingir até 10 cm em uma coloração verde escuro.

5.Clerodendro Ugandense

Por fim, a Blue Butterfly”, uma variedade que, assim como o seu nome indica, apresenta inflorescências com um curioso formato de uma asa de borboleta azul, e ainda com estames que imitam as antenas do delicado inseto, em um conjunto que surge ao final dos seus imensos pedúnculos.

Mas, se não bastasse tais singularidades, a Ugandense, também como o seu nome nos leva a supor, é endêmica das regiões quentes e desafiadoras do continente africano, especialmente em países como Uganda, Ruanda, Burundi, Tanzânia, entre outros países da região.

Clerodendro Ugandense

Essa planta costuma ser encontrada em encostas, regiões montanhosas, fendas e escarpas, com os seus exuberantes 2 ou 3 metros de altura e com uma folhagem em um intenso verde-escuro.

Como não poderia ser diferente, essa variedade aprecia uma boa jornada de luminosidade, alguma horas de sol pleno e regas moderadas, a fim de que possa desenvolver-se de forma tão magnifica como a das variedades de Clerodendro encontradas nas cores vermelho, roxo, branco e rosa.

Agora fique à vontade para deixar as suas impressões sobre esse artigo por meio de um comentário, logo abaixo. E continue acompanhando, questionando, discutindo, compartilhando, refletindo e aproveitando-se dos nossos conteúdos.

Veja também

Saiba Mais Sobre o Capim Cost Cross

Como Plantar o Capim Cost Cross ?

Criar pastagens de capins e gramíneas é a alternativa mais econômica para alimentação de caprinos. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *