Home / Animais / Tudo Sobre a Estrela-do-Mar: Características, Nome Cientifico e Fotos

Tudo Sobre a Estrela-do-Mar: Características, Nome Cientifico e Fotos

Hoje vamos falar sobre um animal bem bonito e curioso, a estrela do mar. Então se você tem curiosidades sobre esse animal fique com a gente até o final para não perder nenhuma informação.

Tudo Sobre a Estrela-do-Mar

Nome Científico – Asteroidea

Ela é uma espécie exclusivamente marinha e que tem uma espécie de espinhos na extensão do corpo, além de possuir um formato de estrela. São conhecidas ao menos 1900 espécies desse animal em todo planeta. A estrela do mar possui um grau de parentesco com alguns outros animais  como o pepino do mar, a conhecida bolacha do mar e também o famoso ouriço do mar, além das margaridas do mar.

Características da Estrela-do-Mar

Estrela do Mar na Areia
Estrela do Mar na Areia

Como dissemos, esse é um animal exclusivo marítimo. Seu corpo é caracterizado por uma espécie de círculo no centro de onde surgem cinco raios, mas saiba que espécies específicas podem possuir um número maior. O ânus do animal pode apresentar toque liso ou granulado e é envolto em algumas placas. Com relação a coloração desses animais podem variar um pouco de acordo com a espécie, algumas podem ter tons alaranjados ou avermelhados, já outras podem ser marrom, azul e até cinza. Elas possuem uma espécie de ventosa na parte inferior que facilita sua locomoção, a boca da estrela do mar fica no centro inferior do seu corpo. Elas se alimentam de animais que vivem no fundo dos oceanos, em meio a areia ou ao lado da região. A estrela do mar possui um sistema digestivo perfeito e pode se adaptar ao comportamento alimentar sem sofrimento. Quando comem algo que não lhe faz bem podem vomitar para se sentir melhor.

Curiosidades Sobre a Estrela do Mar

  • A estrela do mar curiosamente consegue se reproduzir de duas formas, de forma natural através da cópula,ou de forma assexual.
  • Grande parte das espécies são capazes de regenerar algumas partes perdidas ou machucadas de seu corpo como seus raios, que aliás podem ser despendidos ao tentar se defender de um predador.
  • Como um animal marinho invertebrado tem diversos papéis importantes do ambiente em que vive. Algumas espécies como a Stichaster australis e a Pisaster ochraceus são muito famosas e causariam um sério desequilíbrio ecológico caso desaparecessem, inclusive extinções de outras espécies.
  • A espécie conhecida como estrela-do-mar-coroa-de-espinhos se alimenta basicamente de corais em toda extensão do Indo-Pacífico Asiático.
  • A estrela-do-mar-girassol foi eleita uma das piores espécies invasoras, pois oferece ameaças para as espécies originárias. 
  • Sabemos que é um animal muito antigo, pois registros de restos mortais foram encontrados, onde os pesquisadores acreditam ser de algo em torno de quase 500 milhões de anos atrás. Na verdade pouco se sabe, pois registros fósseis são raros de serem encontrados  já que esse animal depois que morrem se desintegram. Só podem ser encontradas algumas espinhas ou ossículos.
  • Por serem belas e possuir esse formato peculiar, esse animal tem sido cada vez mais utilizado na literatura, em lendas e em objetos decorativos. Também podem ser encontradas em algumas culinárias, apesar de serem conhecidas como tóxicas.

Habitat da Estrela do Mar

Estrela do Mar
Estrela do Mar

Já sabemos que a estrela do mar vive no mar, e exclusivamente lá. No fundo dos oceanos são livres, ou em alguns casos presas por algumas hastes no fundo do mar.  Diversas espécies de estrela do mar podem viver nas linhas de maré, outras preferem viver em ambientes mais profundos, e podem chegar a seus mil metros. Esses animais podem ser frequentemente vistos no mar, elas podem ficar sob rochas, ou regiões lodosas, superfícies arenosas e ainda sob corais. Podem ser vistas também em poças que se formam entre as rochas.

Reprodução da Estrela do Mar

Estrelas do Mar
Estrelas do Mar

As estrelas do mar podem ser divididas entre macho e fêmea, mas grande parte delas também podem ser assexuadas e se reproduzem sozinhas, é como se ela se dividisse em duas bem ali no círculo do centro. Quando isso acontece é como se fossem duas, cada parte consegue regenerar a outra metade do círculo e regenerar seus raios  e agora existe uma segunda estrela do mar. Mas pode ser que nem sempre funcione assim.

Em outros casos algumas estrelas do mar são gonocorismo, e elas possuem órgãos que produzem células sexuais, em cada raio tem 2 desses totalizando 10. Elas são pequenas e não ocupam muito espaço, se parecem com pequenos cachos de uva. Em algum momento esse órgão pode ser preenchido de espermatozóide ou de óvulos, ficando os raios completamente preenchidos. Existe um orifício externo, ou vários no aparelho reprodutor de cada glândula sexual. Então na maior parte dos casos espermatozoides e óvulos são liberados na água, e é dessa forma que acontece finalmente a fecundação.

A estrela do mar só se reproduz uma vez por ano, em determinada estação. Uma única estrela do mar fêmea pode liberar mais de dois milhões e meio de ovos. Quando eclodem, esses organismos vivos são levados pela água, já que não têm ainda capacidade de se movimentar.

Em alguns raros casos algumas espécies podem manter seus ovos na superfície contrária a sua boca. Quando isso acontece os filhotes nascem já muito parecidos com uma estrela do mar adulta. Podemos citar também algumas espécies de estrela do mar que são hermafroditas, o que também é super raro. É o caso de uma espécie de estrela do mar que é hermafrodita, mas além disso possui um desenvolvimento total dos órgãos sexuais masculinos antes dos órgãos sexuais femininos.

Então, o que você achou de todas essas curiosidades sobre a estrela do mar? Conta aqui em baixo para gente nos comentários e até a próxima.

Veja também

Bebê e Cachorro

Quando o Bebê pode ter Contato com Cachorro?

Algumas pessoas que têm um cão como animal de estimação em casa ficam um pouco …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.