Home / Animais / Reprodução do Bicho-da-Seda: Filhotes e Período de Gestação

Reprodução do Bicho-da-Seda: Filhotes e Período de Gestação

Aprender um pouco mais sobre a fauna que faz parte do nosso mundo é extremamente importante, principalmente quando levamos em consideração que os animais que fazem parte dessa fauna afetam diretamente o funcionamento da nossa vida, já que eles também modificam o planeta assim como nós.

Dessa forma, é sempre interessante pesquisarmos mais informações sobre espécies diferentes, até mesmo aquelas pequenas que muitas pessoas pensam que não têm grande influencia no mundo, porque a verdade é que elas possuem sim.

Um grande exemplo de animal pequeno que possui grande impacto no mundo é o bicho da seda. Isso porque ele é justamente responsável pela produção da matéria prima que resulta nos tecidos de seda, o que explica a grande importância econômica que esse animal também possui,

Apesar disso, é um fato que muitas pessoas não sabem nada sobre o bicho da seda e nem acham que esse animal possui importância, e é exatamente por isso que agora iremos mudar isso.

Portanto, neste artigo falaremos exclusivamente sobre o bicho da seda. Continue lendo para saber mais como funciona a reprodução desse animal, como são seus filhotes e como funciona o período de gestação.

O Acasalamento do Bicho da Seda

Estudar a reprodução dos animais é essencial para que consigamos entender exatamente como determinada espécie se comporta e como o ambiente em que ela está inserida possui influência em seu dia a dia, já que fatores externos influenciam diretamente no dia a dia do animal.

Em primeiro lugar, antes do macho e da fêmea acasalarem ela tende a liberar feromônios externos ao corpo, que vão voando e chegam até o macho. Esses feromônios também mexem com os hormônios do macho, que começa a bater suas asas muito rapidamente até chegar na fêmea (o macho não consegue voar).

Acasalamento do Bicho da Seda

Em segundo lugar, o macho e a fêmea tendem a se encontrar, e esse é o momento em que o macho gruda no abdômen da fêmea e o processo de acasalamento ocorre, sendo que ele pode durar entre 12h e 24h dependendo da espécie que está sendo levada em consideração.

Por fim, a fecundação se inicia cerca de 1h depois do início do acasalamento, e é exatamente aí que teremos a origem de um feto, que no futuro dará origem a mais bichos da seda.

O Período de Gestação

O período de gestação é uma fase muito importante na vida de qualquer animal, já que ele deve ser bem sucedido para que a gravidez vá bem e assim a espécie consiga continuar se reproduzindo, o que é extremamente importante para a sobrevivência no reino animal.

  • Ovos

Algo típico do período de gestação são os ovos. No caso da mariposa do bicho da seda, a tendência é que ela bote entre 150 e 300 ovos de uma única vez. Porém, existem relatos de algumas que já botaram mais do que isso, como por exemplo 1000 ovos.

Bicho da Seda Ovos
  • Macho

Outra parte interessante do período de gestação é o macho, mas a verdade é que o macho e a fêmea tendem a se separar após o acasalamento, e dessa forma muito dificilmente o macho fica lá para guardar os ovos.

Bicho da Seda Macho

Logo, essas são algumas informações interessantes que você provavelmente ainda não sabia sobre o período de gestação do bicho da seda.  Após ele, a tendência é que os ovos se partam, e aí daremos início a um outro processo.

Filhotes do Bicho da Seda

A verdade que muitas pessoas não sabem é que na realidade o bicho da seda é a fase larval da mariposa doméstica, o que basicamente significa que ele por si próprio já é a fase do filhote.

Nesse caso, a única coisa que pode acontecer é o nascimento de novos filhotes de bicho da seda, mas eles sempre possuirão muitas características parecidas.

Também é importante notar que depois da fase de filhote o bicho da seda tende a fazer um casulo, e isso irá originar a mariposa com o passar do tempo, mais precisamente em uns 10 dias.

Assim, podemos dizer que o bicho da seda filhote é uma larva de coloração bem clara, assim como as larvas que ainda não se transformaram em mariposa são.

Curiosidades Sobre o Bicho da Seda

Já vimos diversas informações científicas muito importantes sobre o bicho da seda, mas é importante percebermos que existem outras formas de aprender as informações, como por exemplo por meio do estudo de curiosidades sobre a espécie que está sendo levada em consideração.

Dessa forma, vamos agora te ensinar ainda mais informações sobre o bicho da seda falando um pouco mais sobre diversas curiosidades que envolvem esse animal! Quer saber ainda mais sobre ele? Leia a lista que faremos a seguir!

  • O bicho da seda nada mais é do que a larva da mariposa doméstica;
  • O bicho da seda é responsável pela produção da matéria prima com a qual se faz a seda, e por esse motivo ele é um combustível para a economia de muitos países em todo o mundo;
  • Ele se alimenta principalmente de amora para conseguir se desenvolver plenamente, e por isso é necessário ter uma amoreira perto do bicho da seda caso você queira que ele cresça extremamente saudável;
  • O nome da cultura de bichos da seda é sericultura;
  • O bicho da seda tem um curto tempo de vida, já que ele vive entre 10 e 16 dias apenas;
  • Apesar de viver pouco, nesse meio tempo ele consegue botar mais ou menos 400 ovos, o que já é suficiente para continuar a espécie;
  • Os ovos do bicho da seda possuem coloração mais clara na fase inicial, e depois se tornam pretos ou cinzas com o passar do tempo;
  • Apesar de nos dias de hoje a sericultura utilizar máquinas, é interessante percebermos que a forma de produzir a seda (o processo) não se modificou e continua sendo aquele usado há 4 mil anos.

Portanto, essas são algumas curiosidades que você provavelmente não sabia sobre esse animal tão interessante!

Tem vontade de aprender mais informações sobre Ecologia de maneira geral? Leia também: Quais os Benefícios da Farinha de Amora para Saúde?

Veja também

Quais as Raças Que Deram Origem ao Bulldog Francês?

O Bulldog Francês tem origem do cruzamento entre os cães da raça Terriers Pequenos, e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *