Home / Animais / Quanto Tempo Pode Tirar O Filhote De Cachorro Da Mãe?

Quanto Tempo Pode Tirar O Filhote De Cachorro Da Mãe?

Saber o momento ideal para tirar o cachorro de sua ninhada é fundamental para garantir não somente o bem-estar do filhote, mas também da mãe. O afastamento antecipado pode fazer mal para ambos, e deve ser veementemente evitado.

Naturalmente, quando os bebês nascem existe uma grande ansiedade para que sejam enviados aos seus novos donos. No entanto, os animais precisam de um tempo para se adaptar ao mundo, e isso precisa ser feito em parceria com a mãe e os irmãos.

O que acontece é que seja por ansiedade ou por desconhecer as leis da natureza, muitas pessoas antecipam esse afastamento, e isso definitivamente pode comprometer a saúde dos animais.

Existe um período em que a presença da mãe é extremamente importante para o bebê. Exatamente como acontece com seres humanos, as crias de cachorro também dependem do leite materno para obter seus primeiros – e mais importantes – nutrientes.

O aleitamento é responsável por nutrir a ninhada, garantindo que se desenvolvam com saúde e bem-estar. Interromper esse ciclo também pode causar empedramento do leite materno, fazendo com que a fêmea sinta dores e incômodos nas glândulas mamárias.

Respeitando O Tempo Dos Filhotes

Você acompanhou todo o período de cruza e gestação, e agora que os bebês nasceram não vê a hora de levar o seu filhote para casa, certo? É comum que algumas pessoas façam isso logo que a cria comece a andar, ou dentro de 30 dias.

Mas será que um mês é realmente suficiente para que o bebê seja afastado da ninhada?

A resposta é: não! Em 30 dias ou 45 dias o filhote ainda não está completamente pronto para ser afastado de sua mãe. Os cachorros demandam de ao menos 60 dias de amamentação materna para que consigam se desenvolver com saúde.

Filhotes de Cachorro
Filhotes de Cachorro

A Importância Da Convivência Com A Mãe Na Primeira Infância!

Talvez você já tenha percebido ou já tenha ouvido dizer que a contagem do tempo para um cachorro é completamente diferente da contagem do tempo para os humanos. Pensando nisso não fica difícil entender que 15 dias podem fazer total diferença na vida canina.

É por isso que desmamar aos 45 dias é um risco gigantesco, e aos 60 já é saudável e aceitável!

Durante os primeiros 4 meses o animal está aprendendo a se comportar. Nesse período o cachorro está entendendo como a sua espécie funciona, como se comunicam e o que fazem.

Afastar o animal de sua mãe antes de decorridos ao menos 2 meses (60 dias) pode causar sérios problemas comportamentais no animal – e isso provavelmente será irreversível.

Nesse primeiro momento a fêmea tende a ensinar o seu filhote algumas regras básicas de comportamento. O filhote tende a ser enérgico e muito brincalhão, mas aos poucos a mãe começa a lhe educar, ensinando que algumas coisas que ele não pode fazer – como morder ela com força, roubar a comida de outros cães e etc.

A esse processo educacional damos o nome de imprinting canino. O termo e o conceito foram percebidos e estudados por um homem chamado Konrad Lorenz há muitos anos atrás.

O que o estudo nos mostra é que o imprinting canino é o período responsável por “imprimir” alguns comportamentos no filhote. No entanto isso pode ser transferido da mãe para um ser humano, quando acontece o afastamento prematuro da cria.

Nesse caso, o cachorro vai deixar de aprender algumas coisas que são naturais dos cães, e poderá apresentar um comportamento atípico, já que não teve a educação da mãe, mas sim de um humano.

  • Ansiedade por separação:

Um dos quadros que pode acontecer caso você separe um filhote de sua mãe antes do tempo indicado por especialistas é a tal da ansiedade por separação. Ela é caracterizada quando o animal demonstra comportamento atípico sempre que seu dono se afasta.

Você vai trabalhar e seu cachorro urina na sua cama? Faz coco no sofá? Chora descompassadamente na janela? ele provavelmente está enfrentando um quadro de ansiedade por separação.

Cuidados Essenciais Com O Desmame

Filhotes Mamando
Filhotes Mamando

Além de tudo isso que falamos até aqui, o que a maioria das pessoas não sabe e nem considera na hora de desmamar uma ninhada é que esse processo precisa ser feito de maneira gradativa.

É exatamente como funciona com bebês humanos: primeiro é introduzida uma alimentação sólida ou pastosa, e aos poucos o filhote vai mamar cada vez menos, até parar completamente de procurar pela teta da mãe – ou quando a própria fêmea começa a evitar isso.

  • Leite de vaca – pode ou não pode?

Jamais dê leite de vaca para um filhote de cachorro! O organismo canino não consegue processar todos os nutrientes contidos no leite de vaca, o que pode causar quadros como diarreia, mal-estar e vômito.

A melhor forma de alimentar um filhote – caso esse seja separado de sua mãe antes do período de desmame – é com alimentos industrializados indicados para a idade. Existem papinhas e leites para neonatais.

Eles são livres de lactose, que é uma das substâncias a qual a maioria dos cães se mostra intolerante. Mas também costumam ser bem menos gordurosos e mais saudáveis para os filhotes de modo geral.

Então, O Que Fazer Quando A Ninhada Nascer?

Ninhada de Cachorro
Ninhada de Cachorro

A única solução é mesmo aguardar o período de pelo menos 60 dias para entregar os filhotes aos seus tutores. Caso você esteja aguardando um filhote, nunca aceite que ele lhe seja entregue antes desse período – e desconfie de criadores que fazem isso.

Esse primeiro momento com a mãe e com a matilha – a ninhada também pode ser considerada uma matilha! – é fundamental para que o animal desenvolva alguns instintos e sinais comportamentais.

Além disso, nenhum alimento será tão rico e nutritivo quanto o aleitamento materno – e privar o cachorrinho disso trará sérias consequências ao seu sistema imunológico e sua saúde como um todo.

Então, por mais ansioso que você esteja a maior prova de amor que pode dar ao seu novo amigo é respeitar esse tempo, mantendo o filhote junto com sua mãe pelo tempo que ele precisa.

Veja também

Asno Catalão: Características, Nome Científico e Fotos

O asno catalão (equus asinus) é considerado o símbolo nacional não oficial da Catalunha, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *