Home / Animais / Por Que a Mula é Estéril?

Por Que a Mula é Estéril?

Hoje vamos trazer um pouco mais de informações para vocês a respeito das mulas, muitas pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre esse animal. Ele tem uma série de características únicas que podem confundir um pouco as pessoas mais leigas, por isso é importante pesquisar e aprender mais sobre elas.

Para começar precisamos entender primeiro o que seria uma mula, que tipo de animal é esse? Pois muitas vezes ele pode ser confundido com outras por conta de suas características similares a muitos outros animais. Saiba que esse animal é um mamífero, ou seja, a fêmea possui glândulas mamárias e eles possuem pelo. A mula nasce do cruzamento de outros dois animais, sendo o macho um jegue e a fêmea uma égua. Outro tipo de cruzamento pode ocorrer, conhecido como inverno, é a cruza de uma mula (fêmea) com um cavalo macho que nasce um bardoto ou bardota. Nesses dois casos são gerados filhotes estéreis, pois nesses casos o número cromossômico é irregular.

A mula é um animal muito utilizado para trabalho, pois é um animal forte e de fácil adaptação. Por isso ela é frequentemente utilizada para tração, puxar cargas pesadas e também para montaria em todo planeta, inclusive muito utilizada em operações da polícia.

Por se tratar de uma espécie híbrida, esse animal traz características boas tanto dos cavalos quanto dos asnos, por isso é tão procurado para realizar trabalhos pesados como transportar cargas mais pesadas, inclusive por volta do século 20 realizava esse tipo de trabalho em locais de terrenos montanhosos e com difícil acesso. Ele é mais resistente a problemas de saúde e de cansaço do que os equinos.

Por Que a Mula é Estéril?

Mula
Mula

Como já dissemos acima, isso se trata de um problema genético, resultante desta mistura híbrida que ocorre na natureza. De acordo com estudiosos do assunto, o cavalo que conhecemos possui 64 cromossomos, já o jegue doméstico possui 62 cromossomos, sendo assim as mulas nascem com 63 apenas por esse motivo na maior parte das vezes não podem se reproduzir. Podemos dizer que é quase impossível isso acontecer, os últimos registros datam 1527, até então só foram descritos 60 casos.

Sabe-se de acordo com especialistas que desde o século 19 que para que boas mulas sejam geradas são necessários pais de boa qualidade. O animal mais famoso entre os híbridos é a mula francesa, um cruzamento de sucesso entre éguas e asnos acontecido na França. Antes de tudo, esses animais foram selecionados a dedo, selecionaram um Baudet du Poitou e éguas Poitevine para dar origem ao maior sucesso até então já visto.

Curiosidades

Burrus e Mulas
Burrus e Mulas

Separamos uma série de curiosidades super interessantes para vocês a respeito desse assunto, então não perca nenhuma informação. Sabemos que assuntos como esses levantam uma série de questionamentos que podemos responder neste texto.

Então vamos começar com a primeira curiosidade que pode confundir a cabeça de muita gente, já falamos sobre ela hoje  mas é sempre bom frisar para não esquecer.

O filhote que nasce da cruza entre um cavalo macho e um asno fêmea é conhecido como bardoto e isso pode ser usado para designar ambos os sexos. Este filhote assim como dissemos não é capaz de gerar outros, tem como característica ser pequeno e com a personalidade mais parecida com a do asno.

Pode ser que esse tanto de informação tenha confundido ainda mais a sua cabeça, por isso vamos tentar esmiuçar ainda mais esse assunto respondendo uma pergunta muito importante que engloba tudo o que foi falado hoje e pode te ajudar. São tantos nomes que a gente se perde.

Qual a Diferença entre o Jumento, a Mula, o Burro, o Jegue e o Asno?

Mulas Transportando Carga
Mulas Transportando Carga

Agora podemos tentar resumir tudo diferenciando esses nomes, assim vai ficar bem mais fácil de entender.

Para começar saiba que o jegue, o asno e o jumento se tratam do mesmo animal, acontece que em cada lugar do país é chamado por um desses nomes de acordo com a cultura. Todos esses nomes representam o Equus asinus que é o nome científico dessa espécie, que nos lembra o cavalo. Este animal é muito requisitado para o trabalho por sua principal característica de força e resistência, ele pode ser visto em diversas partes do mundo, menos em locais de clima frio. Ao longo da história serviu para trabalhar no campo, executando trabalhos pesados. Ele tem 1,30 m de altura geralmente, e pode alcançar os 400 Kg em média.

Agora vamos falar de um outro animal, o burro e a mula, esse aqui já é outro caso, resultado da cruza de um jegue macho e de uma égua fêmea. Nesse caso filhotes machos e fêmeas recebem nomes diferentes, sendo o macho conhecido como burro e a fêmea conhecida como mula. As suas características são únicas, mesmo sendo burros ou mulas eles são mais parecidos de aparência com a égua, mas por outro lado do pai jegue recebem o gene da força e o vigor. Eles possuem ainda uma habilidade incrível e única de equilíbrio, tanto a fêmea quanto o macho e com isso conseguem andar em montanhas acidentadas com peso sobre o corpo. Além disso, a personalidade forte é outra característica muito marcante, por esse motivo domar esses animais não é tarefa fácil, por isso seu dono precisa ter muita paciência. A mula tem a característica de ser maior que o jumento, isso pode ajudar na diferenciação a olho nu. Outra diferença entre o burro e a mula são as suas orelhas, o burro possui orelhas bem menores do que as do jumento, Os jumentos são menores que os burros e as mulas. O que definirá o tamanho na realidade será o tamanho da mãe, mas as mulheres e os burros costumam passar de 1,50. Outra coisa que diferencia o burro, as mulas e o jumento é a pelagem, o jumento tem uma camada mais abonada de pelo, além de uma maior variedade de coloração.

Veja também

Lhasa Apso

Tudo Sobre a Raça Lhasa Apso: Características e Fotos

Hoje vamos falar da raça de cachorro Lhasa Apso, conhecer um pouco mais sobre as …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.