Home / Animais / Pitbull Americano: Personalidade, Filhote, Preços e Fotos

Pitbull Americano: Personalidade, Filhote, Preços e Fotos

O American Pit Bull Terrier é conhecido por muitos nomes, incluindo o Pit Bull e o American Bull Terrier. Muitas vezes é confundido com o American Staffordshire Terrier, no entanto, o United Kennel Club reconhece o American Pit Bull Terrier como sua própria raça distinta. Carinhosamente conhecido como “Pitties”, o Pit Bull é conhecido por ser uma raça canina fiel, protetora e atlética.

Pitbull Americano: Características E Fotos

O tamanho padrão do pitbull americano varia de médio a grande, com uma faixa de peso de 13 a 40 quilos. O Pitbull tem uma constituição robusta e uma pelagem curta e lisa variando de cor. A flutuação no tamanho e na cor do pitbull americano deve-se à raça ser uma mistura entre diferentes tipos de bulldogs e terriers.

O corpo do pitbull americano é comprido, com uma cauda curta e semelhante a um chicote que termina pontuda. As orelhas de tamanho pequeno a médio são colocadas no alto de sua cabeça larga e chata. A característica facial mais marcante do pitbull americano é sua mandíbula ampla e poderosa.

Pitbull Americano: Personalidade E Fotos

O pitbull americano e destemido é conhecido pelo seu temperamento lúdico e natureza amigável. O pitbull americano também é atlético e tem um forte desejo de agradar às pessoas. É um cão extremamente inteligente e enérgico, precisando de no mínimo 60 minutos de exercícios diários para satisfazer suas necessidades naturais de movimentação.

A raça pitbull americano tem uma alta demanda por ser criada para perseguir e subjugar animais. No entanto, o pitbull americano não é naturalmente agressivo com as pessoas e é afetuoso com as crianças. Dependendo do início da socialização e do manejo, o pitbull americano pode aprender a se conter de agressões injustificadas contra outros cães.

Pitbull Americano: Filhotes E Fotos

Diferente do que muito se acreditava, os pitbulls americanos tem a tendência de serem amigáveis com humanos. Sua agressividade é particularmente direcionada para outros cães. Humanos somente se o cão de alguma forma se sentir ameaçado. Um filhote de pitbull provavelmente desenvolverá essa mesma tendência agressiva, mas pode ser treinado desde novinho para neutralizar ou tornar quase inexistente essa agressividade de sua natureza.

Todo o cão pode ter medo, sentir ansiedade ou territorialista em relação a outros cães. Com o pitbull não é diferente. O que o torna diferente é o fato de ser um cão confiante e objetivo. Sua determinação o torna predominante e não tem receio em atacar. A prioridade do dono, portanto, é impedir que um filhote potencialize essa característica.

É imperativo que aprenda a identificar os sintomas na linguagem corporal do cãozinho que possa torná-lo agressivo e, daí, ajudá-lo a interpretar essas situações como não ameaçadoras. Um pitbull é curioso como qualquer cão, mas muito mais alerta e confiante. Um cão normal com medo de um fator novo em geral costuma recuar latindo. O pitbull, pelo contrário, pode se sentir induzido a atacar.

Ligue um brinquedo ou aparelho doméstico que emite som, por exemplo, para estimular seu filhote e aprenda a monitorar seu comportamento. Bocejo, palpitações ou uma pseudo indiferença podem ser sintomáticos do medo. Um pitbull não costuma demonstrar nervosismo ou ser imprevisível. Por isso será fácil identificar reações fora do seu hábito costumeiro e perceber então que essa mudança de comportamento pode ser um catalisador para atitudes mais agressivas.

Em relação a pessoas, o pitbull pode se sentir ameaçado naquilo que el considera seu território quando surgem pessoas novas ou animais, e isso pode impulsionar sua agressividade. É importante ter atenção a esse comportamento desde cedo, e nunca deixar-se surpreender por seu cão. Isso pode se tornar um problema grave, por exemplo, se tiver crianças que receberam visitas de seus amiguinhos em casa. O jeito expansivo e descontrolado de crianças brincando umas com as outras pode ser muito mal interpretado por um pitbull protetor e vigilante.

Domando O Filhote Agressivo

Existem diversas técnicas de treinamento e disciplina que podem ser úteis para neutralizar ou minimizar consideravelmente essa natureza agressiva de seu pitbull, e elas funcionam com muito sucesso quando inciadas desde cedo no seu filhote. A recomendação de procurar um profissional experiente com essa raça é sempre o ideal, pois as sugestões oferecidas em nosso artigo ou outros mais abrangentes que encontrar na internet nunca o qualificará para ensinar um filhote de pitbull com êxito total.

Basicamente, o treinamento consistirá em disciplinar um filhote de pitbull através de quatro métodos:  estímulo físico, dessensibilização, imposição positiva e socialização:

Filhote de Pitbull Americano na Coleira
Filhote de Pitbull Americano na Coleira
  • Estímulo físico: já desde filhotes, os pitbulls são enérgicos e necessitam de estímulo físico pra queimar essa energia. Cães pitbull que não são estimulados com pelo menos uma hora diária de intensa atividade física tendem a converter essa energia acumulada em agressividade. Então tenha em mente que precisará selecionar atividades intensas de exercícios pra seu cãozinho pitbull, e isso é muito mais do que apenas dar uma voltinha no quarteirão.
  • Dessensibilização: refere-se a neutralizar qualquer coisa que sirva como um gatilho pra deixar seu pitbull alerta, sentindo-se ameaçado. O barulho da campainha, só pra exemplificar. Se notar que seu pitbull logo se agita agressivamente cada vez que alguém usar a campainha, então já sabe que esse barulho é um catalisador que você precisa dessensibilizar em seu cão. Consulte um profissional que lhe mostrará como fazer isso.
  • Imposição positiva: este e o próximo passo que precisa desenvolver logo depois que conseguir dessensibilizar o seu cão. Consiste em reverter na mente dele aquilo que ele considerava uma ameaça e já aprendeu a tolerar em algo que evoque alegria e não medo ou ameaça. Isso é especialmente importante tratando-se de outras pessoas ou animais. Consulte um profissional que lhe explicará como isso funciona.
  • Socialização: o nome já diz do que se trata; é torná-lo sociável, especialmente ao lidar com visitantes em sua residência ou ao lidar com a presença de outros cães em seu caminho ou território. O pitbull precisa aprender desde novinho a se socializar com diferentes animais e pessoas pra que não se torne um cão incontrolável quando adulto. Pitbull são cães inteligentes e obedientes. Eles podem aprender a ser agressivos apenas sobre seu comando. Um profissional experiente pode adequá-lo dessa maneira pra você.

Pitbull Americano: Preços

Se pesquisar na internet perceberá que os preços variam muito. Há ofertas com valores abaixo de R$ 1.000,00 como existem ofertas com valores bem superiores a R$ 2.000,00 e essa diferença gritante pode gerar muitas dúvidas a compradores inexperientes. É preciso entender, portanto, que tamanha diferença nos valores se deve a vários fatores que determinam quão valioso uma espécie é.

Esses fatores se resumem basicamente ao tipo de criador e ao tipo de criação que o pitbull americano em oferta teve. Cães provenientes de criadouros participantes de torneios internacionais, por exemplo, tendem a ser mais caros. Também o tipo de criação que o cão teve, vindo de donos responsáveis que seguiram critérios internacionais de cuidados com os cães, inclusive de sua saúde e genética, valorizam sua prole consideravelmente.

Veja também

Cavalo Marrom de Sela

Como Apertar a Sela do Cavalo? Quais as Partes da Sela?

O cavalo é o animal de montaria mais famoso do mundo, sem dúvidas. Sua proximidade …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *