Home / Animais / Lobo do Ártico: Tamanho, Peso e Nome Científico

Lobo do Ártico: Tamanho, Peso e Nome Científico

Você já ouviu falar do lobo do ártico?

Pois bem, o lobo do ártico (nome científico Canis lupus arctos) é uma subespécie do lobo cinzento (nome científico Canis lupus).

O lobo do ártico também é conhecido como lobo-polar e como lobo-branco. Esta subespécie possui uma resistência maior às condições de baixa temperatura. Uma curiosidade até mesmo intrigante sobre este animal é que, desde a década de 1930, as dimensões de seu crânio vêm sofrendo uma considerável redução, fator que pode estar associado ao cruzamento com os cães domésticos.

Tal como as demais subespécies de lobo cinzento, o lobo do ártico possui sentidos como a audição e visão (principalmente noturna) bastante desenvolvidos, fator que favorece o padrão de vida carnívoro destes animais.

Neste artigo, você conhecerá importantes características sobre o lobo do ártico, incluindo informações sobre o seu tamanho, peso e nome científico.

Então venha conosco e boa leitura.

Aspectos Gerais Sobre os Canídeos

A família taxonômica dos canídeos engloba 35 espécies de mamíferos da ordem carnívora, com especialidades anatômicas em comum tal como cauda longa e dentes molares adaptados para o padrão alimentar carnívoro (com ênfase na tarefa de roer/esmagar ossos).

Outras características incluem garras que não são retráteis (diferentemente do que ocorre com os felinos) e adaptadas para executar tração durante as corridas; além do quantitativo de quatro dedos nas patas traseiras, e quatro a cinco dedos nas patas dianteiras.

Na família dos canídeos podem ser encontradas espécies como os coiotes, raposas, chacais, cães e lobos. Alguns canídeos podem desenvolver alimentação onívora, de acordo com as condições ambientais do meio ao qual estejam inseridos.

Algumas espécies são gregárias, outras preferem viver isoladamente. No entanto, todas elas são territorialistas e realizam demarcação de seu espaço através da micção.

Certos canídeos podem desenvolver hábitos diurnos; ao passo que outros, hábitos noturnos; também há aqueles que realizam ambas as atividades conjugadamente.

A estratégia de caça dos canídeos é baseada na perseguição da presa através de corridas (muitas vezes desenvolvidas em áreas de campos abertos). Por essa razão, os lobos são considerados exímios corredores e são capazes de alcançar a velocidade média de 10 Km/h e mantê-la durante o percurso de longas distâncias.

Lobo Cinzento

Acredita-se que o lobo cinzento tenha surgido a aproximadamente 300 mil anos atrás, mais precisamente durante o período pré-histórico do Pleistoceno Superior. Em relação aos demais membros da família taxonômica Canidae, ele é considerado o maior membro remanescente, ou seja, que persistiu até os dias atuais.

Também em relação aos demais canídeos, os lobos são considerados os menos adaptados à presença humana, embora tenham desenvolvido a capacidade de adaptação a ambientes diversificados, como por exemplo, aos desertos, montanhas, tundras, florestas temperadas e campos.

Os pêlos corporais do lobo são bastante volumosos e estão distribuídos em duas camadas. Na primeira camada, estão posicionados os pêlos mais resistentes, responsáveis por repelir água e sujeira; já na segunda camada, a pelagem é mais densa, permitindo um certo ‘isolamento hídrico’. Durante estações como o inverno/verão e primavera/outono, esse pêlos podem apresentar diferenciação na coloração.

No momento do nascimento, os filhotes de lobo possuem coloração de pelagem diferenciada, a qual é mais escura. A diferença também é percebida na cor da íris, a qual é azul e modifica-se para cor laranja ou amarelo-ouro à medida que esses filhotes atingem a idade compreendida entre 8 a 16 semanas de vida.

Há três espécies atuais de lobos, são elas o lobo cinzento (nome científico Canis lupus), o lobo-etíope (nome científico Canis simensis) e o lobo-vermelho (nome científico Canis rufus).

Mesmo os lobos não sendo tão adaptáveis à presença humana, estudos genéticos com sequenciamento de DNA comprovam a ancestralidade do cão doméstico em relação ao lobo cinzento. Curiosamente, o cão doméstico, a nível de taxonomia, é considerado uma subespécie do lobo cinzento. No entanto, esses dois animais possuem diferenças significativas a nível anatômico, como por exemplo, no caso dos lobos, ângulos orbitais menores, patas maiores, dentes maiores, patas mais longas, olhos amarelados e uma capacidade cerebral consideravelmente superior.

O lobo cinzento possui 4 subespécies, são elas o lobo ibérico (nome científico Canis lupus signatus), o lobo eurasiático (nome científico Canis lupus lupus), o cão doméstico (nome científico Canis lupus familiaris) e o lobo do ártico (nome científico Canis lupus arctos).

Lobo do Ártico: Classificação Taxonômica

A classificação taxonômica do lobo do Ártico obedece à seguinte ordem:

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Mammalia

Ordem: Carnivora

Família: Canidae

Gênero: Canis

Espécie: Canis lupus

Subespécie: Canis lupus arctos

Lobo do Ártico: Tamanho, Peso e Nome Científico

Tamanho

Ao nível da cernelha, o lobo do Ártico possui de 63 a 79 centímetros de altura. Em relação ao comprimento corporal, a média é de 1,5 metros.

Adotando uma abordagem mais generalista, a média para a espécie lobo cinzento é mais ampla (visto que deve considerar todas as quatro subespécies), compreendendo de 60 a 95 centímetros ao nível da cernelha (ou ombro”).

O comprimento corporal fica compreendido entre 1,30 metros a 2 metros (do focinho à cauda).

Peso

O peso médio é de 45 quilos.

Considerando a espécie lobo cinzento como um todo, não há uma média estipulada de pesagem corporal, dado que esta informação varia de acordo como o local no qual o lobo esteja inserido. Porém, uma curiosidade é que existe dimorfismo sexual e as fêmeas pesam 20% menos que os machos. Dimorfismo que também se estende para diferenciações anatômicas, tais como focinhos e frontes mais estreitos, ‘ombros’ estruturalmente menores, menos mais curtas e com pêlos mais lisos.

Nome científico

Canis lupus arctos

Lobo do Ártico: Distribuição Geográfica

O lobo do Ártico é encontrado em uma área específica chamada Arquipélago Ártico Canadense, caracterizada por condições climáticas de baixa temperatura. Neste arquipélago, sua distribuição vai desde a Ilha Melville até a Ilha Ellesmere.

Agora que você já conhece características importantes sobre o lobo do ártico, incluindo informações sobre o seu peso, altura e nome científico, continue aqui conosco e não se esqueça de visitar outros artigos do site.

Estaremos te esperando nas próximas leituras.

Até mais.

REFERÊNCIAS

International Wolf Center. Pup Development. Disponível em: < https://www.wolf.org/wolf-info/basic-wolf-info/biology-and-behavior/pup-development/>;

Toda Biologia. Família Canidae. Disponível em: < https://www.todabiologia.com/zoologia/familia_canidae.htm>;

Wikipédia. Lobo. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Lobo>;

Wikipédia. Lobo-do-ártico. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Lobo-do-%C3%A1rtico>;

Wolf Worlds. Artic Wolf. Disponível em: < https://www.wolfworlds.com/arctic-wolf/>;

WWF. Artic Wolf- Facts. Disponível em: < https://www.worldwildlife.org/species/arctic-wolf>.

 

Veja também

Tigre do Cáspio: Características, Fotos e Nome Científico

O Tigre-do-Cáspio, ou Panthera tigris virgata (seu nome científico), foi uma exuberante espécie da família …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *