Home / Animais / Lagarto Chatogekko Amazonicus: Características, Habitat e Fotos

Lagarto Chatogekko Amazonicus: Características, Habitat e Fotos

O Brasil possui uma grande variedade de lagartos e lagartixas, que podem ser de espécies muito diferentes. Assim, é muito comum que o modo de vida desses animais varie muito, até mesmo por conta das mudanças de clima que acontecem de região para região no país. Dessa forma, embora pareçam semelhantes, os lagartos de rua e as lagartixas de casa são bastante diferentes.

A começar pelo comportamento de ambos, que tende a ser oposto, há outros fatores que tornam esses animais muito distintos. Um bom exemplo é a lagartixa Chatogekko amazonicus, um tipo muito comum no Brasil e que, fora do país, é conhecida mundialmente como “lagartixa brasileira”. Esse animal é o único do seu gênero, o Chatogekko, o que faz com que não possua animais semelhantes.

Lagarto Chatogekko Amazonicus
Lagarto Chatogekko Amazonicus

Assim, a Chatogekko amazonicus é um grande exemplo de como os répteis podem variar de acordo com a espécie e com o local onde vivem. Se você possui interesse em saber mais sobre o universo das lagartixas brasileiras, além de entender o modo de vida da Chatogekko amazonicus, veja todas as informações desse animal logo abaixo e aprenda como a espécie, tipicamente brasileira, se comporta no dia a dia.

Habitat da Chatogekko Amazonicus

A Chatogekko amazonicus possui esse nome científico, sendo assim conhecida pelo Brasil. Contudo, fora do país o animal é conhecido como “lagartixa brasileira”, já que o Brasil é o seu país natal. Sendo um réptil, a Chatogekko amazonicus gosta de locais em que possa controlar a sua temperatura.

Dessa forma, não é muito comum ver o animal sob o sol, já que dessa forma seria muito mais complicado manter a qualidade de vida. Ainda que seja capaz de sobreviver em locais quentes e secos, a Chatogekko amazonicus gosta de ficar no interior das casas ou, então, no chão das florestas. Vale lembrar que, em florestas densas, a parte do chão costuma ser mais fresca, já que o sol incide de forma menos agressiva.

É possível encontrar a Chatogekko amazonicus em diversas partes do Brasil, mas o comum mesmo é ver o animal na região Norte. A Chatogekko amazonicus não costuma atacar as pessoas, até mesmo pelo seu tamanho reduzido. Na verdade, o réptil tende a fugir do encontro com o ser humano, pois enxerga uma grande ameaça nas pessoas. Assim, é esperado que o animal não fique parado por muito tempo ao ver você se aproximando.

Características da Chatogekko Amazonicus

A Chatogekko amazonicus é muito pequena, sendo um dos menores indivíduos da classe Reptilia. Na verdade, a Chatogekko amazonicus chega, no máximo, aos 24 milímetros de comprimento. Isso quer dizer que o animal não consegue atacar insetos grandes, pois seu tamanho impede qualquer ofensiva mais agressiva.

Os ácaros acabam por ser a grande fonte de alimentação para a Chatogekko amazonicus, já que estão sempre por perto e podem ser encontrados de forma fácil. Quanto aos seus predadores, lagartos maiores são os quem mais geram problemas para a Chatogekko amazonicus. Contudo, essa lagartixa possui uma forma bastante eficiente de impedir os ataques inimigos. Isso acontece quando o animal se camufla em meio às folhas mortas, que também ficam no chão das florestas mais densas.

Chatogekko Amazonicus na Árvore
Chatogekko Amazonicus na Árvore

Dessa forma, como sua cor parece muito com aquela das folhas mortas, os predadores, por vezes, sequer são capaz de enxergar a Chatogekko amazonicus. Esse animal até é bastante veloz e consegue fugir dos seus predadores quando necessário, embora o mais comum seja mesmo a sua estratégia de camuflagem. Além do chão das florestas, algumas buracos nas árvores e cavernas podem dar abrigo aos exemplares de Chatogekko amazonicus.

Outro Lagarto Brasileiro

O Brasil possui muitos tipos de lagartos em todo o seu território, já que o país é grande e diverso em clima. Dessa maneira, é natural que haja tantos animais do tipo e de detalhes tão únicos. Um dos que mais chamam a atenção é o calango-da-árvore, um tipo de lagarto da região Norte que compartilha o seu habitat com o Chatogekko amazonicus.

O animal pode ser encontrado em árvores, ao contrário do seu colega de habitat, que fica mais no chão. Assim, o calango-da-árvore possui o corpo verde, com detalhes mais escuro em meio a um tom muito claro. Isso serve para fazer com que o animal seja capaz de se disfarçar no ambiente, impedindo os ataques dos predadores.

Calango-Da-Árvore
Calango-Da-Árvore

O calango-da-árvore pode chegar aos 180 milímetros quando realmente grande, embora o animal seja menor na maioria dos casos. Esse lagarto ainda produz de 2 a 5 ovos por reprodução, com uma baixa taxa de mortalidade dos filhotes nos primeiros dias de vida. O número de mortes é baixo pelo fato de o calango-da-árvore permanecer no topo das árvores, tendo menos contato com animais maiores e mais agressivos que podem transitar pelo chão das florestas. Em todo caso, o calango-da-árvore é mais um lagarto brasileiro e outro a viver na Floresta Amazônica.

Mais um Lagarto Brasileiro

O lagartinho-de-linhares é mais um tipo de réptil típico do Brasil. Esse, contudo, não vive na parte Norte do Brasil. O lagartinho-de-linhares, na verdade, é um animal que costuma se fazer presente na região Sudeste do Brasil. De forma mais precisa, o lagartinho-de-linhares existe em larga escala no Espírito Santo. O animal leva o nome de Linhares, uma cidade do estado, em sua nomenclatura mais popular.

Pequeno, o lagartinho-de-linhares costuma ser muito rápido quando se trata de fugir dos predadores, incluindo as pessoas. A espécie é endêmica das regiões de Mata Atlântica do Brasil. Por isso, sendo incapaz de viver bem em outras partes do país, o lagartinho-de-linhares corre sério risco de ser extinto nos próximos anos. Com a devastação crescente do seu habitat, o animal não se mostra capaz de responder de forma adequada.

Lagartinho-De-Linhares
Lagartinho-De-Linhares

Assim, o lagartinho-de-linhares vive em péssimas condições quando exposto aos grandes centros e, na maioria das vezes, acaba por morrer. O mais interessante sobre o animal é que não existem machos do lagartinho-de-linhares, mas apenas fêmeas. Assim, a reprodução do animal costuma acontecer com outras espécies ou de forma assexuada. De toda forma, o lagarto é bastante exclusivo e mais uma espécie nacional.

Veja também

Planta em Casa

Porque é Importante ter Plantas em Casa?

Para quem gosta de ter um ambiente aconchegante em casa, principalmente para quem trabalha em …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.