Home / Animais / História da Raposa Prateada e Origem do Animal

História da Raposa Prateada e Origem do Animal

De beleza e padrão exótico, a raposa prateada é uma variante cuja aparência já foi altamente cobiçada para confecção de casacos de pele. Tais casacos eram bastante usados por nobres da Rússia, China e, principalmente, Europa Ocidental. Entre os nativos da América do Norte também foi alvo de cobiça, sendo a pele desta raposa considerada de valor equivalente à pele de 40 castores.

Culturalmente, este animal já apareceu representando em várias ilustrações e brazões.

Mas, engana-se quem acha que a raposa prateada é uma espécie à parte. Este animal é considerada uma variante melanística da espécie raposa-vermelha (nome científico Vulpes vulpes), encontrada em quase todo o Hemisfério Norte, além da Austrália (país no qual é considerada como uma espécie invasora e prejudicial aos outros mamíferos, assim como às aves).

Presença das Raposas na Cultura
Presença das Raposas na Cultura

Neste artigo, você conhecerá um pouco mais sobre a variante raposa prateada, em especial sobre a sua história, origem e simbolismo cultural.

Então venha conosco e boa leitura.

Presença das Raposas na Cultura, Folclore e Mitologia

As representações e arquétipos vinculados à figura da raposa variam conforme a localidade geográfica. Para a pérsia e Ocidente, por exemplo, a raposa está associada à malandragem e astúcia; sendo representadas dessa forma em uma variedade de fábulas. Neste contexto, estariam no limiar entre os papéis de herói, vilão ou anti-herói.

De acordo com a concepção asiática, tal representação é bem diferente, possuindo até mesmo relação com o misticismo, segundo a mitologia chinesa. A famosa raposa de 9 caudas, por exemplo, pode significar um bom ou mau presságio.

Existem registros históricos que indicam que a caça às raposas iniciou-se bem antes de ser uma febre na Europa. Aliás, há registros que remontam ao século IV a.C.

No Reino Unido, esta tradição de caça alcançou o seu auge no século XVI, sendo que ainda existe atualmente, embora seja permitida apenas sem o uso de cães. A introdução destes canídeos na Austrália ocorreu no começo do século XIX, destinado a finalidades esportivas. Todavia, as raposas causaram um grande prejuízo, até mesmo com a perda de populações de gados e cordeiros.

Mas desconsiderando

História da Raposa Prateada e Origem do Animal

Não se sabe ao certo em qual época ou período histórico estas raposas surgiram, todavia, há registros de sua comercialização que datam dos séculos XVIII (ao final), XIX e XX.

Origem da Raposa Prateada
Origem da Raposa Prateada

Embora, a variante melanística tenha surgido quase que do ‘acaso’, nas fazendas de peles russas, as raposas prateadas são geradas de modo seletivo, a fim de remover a maior quantidade possível de marrom dos pelos. No entanto, além da necessidade de obtenção destas raposas, existem alguns critérios que precisam ser atendidos para que a pelagem seja considerada de qualidade. Estes critérios estão relacionados ao brilho, sedosidade e presença de faixas ‘puras’ (ou seja, que não possuam manchas brancas).

Raposa Vermelha Características

A raposa vermelha é a maior espécie de seu gênero taxonômico (Vulpes). Todavia, os valores de peso, altura e comprimento variam de acordo com a idade, sexo e até mesmo localização geográfica.  A média de altura para adultos (ao nível da cernelha) esta compreendida entre 35 a 40 centímetros. Em relação ao comprimento, a média varia entre 45 a 90 centímetros. Todavia, sua cauda é mais longa do que a metade de seu corpo e apenas esta estrutura pode apresentar entre 30 a 55,5 centímetros. O peso médio para os machos está estimado entre 2,2 a 14  quilos (sendo de 15 a 20 5 inferior nas fêmeas).

Possuem patas dianteiras com 5 dígitos, ao passo que as traseiras apresentam apenas 4.  As garras são consideradas semi-retráteis.

São dotadas de visão binocular, assim como de percepção auditiva bastante aguçada.

Os pelo é bastante denso e macio, estando disposto em duas camadas. Na camada inferior, há pelos finos, curtos (como comprimento médio de 4 centímetros) e de tonalidade escura. Na segunda camada, os fios são mais longos e mais grossos- apresentam o comprimento médio de 10 centímetros.

Com exceção do período reprodutivo, raposas vermelhas podem ser bem solitárias- assim como também podem ser encontradas em pares ou em bandos.

Raposa Prateada Características

A raposa prateada pode apresentar áreas do corpo com pelagem de até 5,1 centímetros  de comprimento. Todavia, esta pelagem pode ser mais curta em determinadas áreas, tal como na testa, membros e barriga.

Os pelos são de tonalidade preto-brilhante o que confere a aparência ‘prateada’. Porém, a ponta da cauda mantém-se em sua tonalidade branca.

Quando cruzadas com outra raposa prateada, dão origem a um filhote com pelo igualmente prateado. Porém, caso sejam cruzados com uma raposa vermelha, o filhote apresentará a mesma coloração habitual desta.

Curiosamente, as raposas prateadas tendem a ser mais cautelosas do que as raposas vermelhas. Também costumam utilizar odores corporais para marcar a dominância sobre um determinado território, assim como para comunicar a outros membros do bando sobre a ausência de alimentos.

Raposa Prateada Características
Raposa Prateada Características

As fêmeas da raposa prateada possuem apenas um ciclo estral (ou período fértil) durante o ano, o qual apresenta duração média de 1 a 6 dias. A gestação é  de aproximadamente 52 dias, da qual resultam, geralmente, entre 3 a 6 filhotes (todavia, é possível que esta faixa seja ainda maior, compreendendo entre 1 a 14).

Fatores como a idade da fêmea e a oferta de alimento influem consideravelmente o tamanho da ninhada.

Os machos também cooperam nos cuidados com a prole, alimentando e protegendo a prole, assim como garantindo o alimento para a fêmea que está amamentando. É importante considerar que, sazonalmente, os casais adotam um comportamento monogâmico.

*

Depois de conhecer um pouco mais sobre a raposa prateada, suas características e representações históricas e culturais; que tal continuar por aqui conosco para visitar também outros artigos do site ?

Aqui há muito material de qualidade nas áreas da zoologia, botânica e ecologia de um modo geral.

Sinta-se à vontade para digitar um tema de sua escolha em nossa lupa de pesquisa, no canto superior direito. Caso não encontre o tema desejado, você pode sugeri-lo abaixo em nossa caixa de comentários; assim como deixar a sua opinião sobre nossos artigos.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

Australian Government. European red fox (Vulpes vulpes). Disponível em: < https://www.environment.gov.au/biodiversity/invasive-species/publications/ factsheet-european-red-fox-vulpes-vulpes>;

Internet Archive. POTTS. A. Fox Hunting in America. Disponível em: < https://archive.org/details/foxhuntinginamer00pott>;

Wikipedia. Silver fox (animal). Disponível em: < https://en.wikipedia.org/wiki/Silver_fox_(animal)>;

Veja também

Qual a Melhor Tilápia para Criar em Cativeiro?

As tilápias são peixes de água doce nativos da África, que forma posteriormente introduzidos na …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *