Home / Animais / Galinha Yokohama: Características, Ovos, Preço, Como Criar e Fotos

Galinha Yokohama: Características, Ovos, Preço, Como Criar e Fotos

Conhecida em todo o mundo por suas longas penas de cauda, a galinha de Yokohama é uma raça japonesa com um caráter extremamente vivo, criada principalmente para exibição e para fins ornamentais. Vamos descobrir mais sobre essa galinha:

História de Origem da Galinha de Yokohama

A galinha de Yokohama, como já se pode deduzir pelo nome, originou-se no Japão. Ali muito provavelmente eram conhecidas por outro nome, galinhas Onagadori, que foram as primeiras espécies a embarcar pra fora do país japonês no século 19 por um francês, que as levou consigo para Paris.

Nenhuma exportação era permitida no Japão desde o século 17. Somente no século 19, mais precisamente a partir de 1954, que o Japão fez intensos investimentos em portos de exportação, para abrir o comércio de exportação. Ao todo, cinco portos forma construídos nessa época, incluindo o de Yokohama, cinco anos após o início das obras.

A partir daí o Japão abriu para o mundo sua diversidade de itens exóticos que deslumbravam a curiosidade e, entre tudo de atraente, exportou-se esses galináceos de cauda longa um tanto interessantes e atraentes. Na verdade, a primeira exportação registrada da raça foi no ano de 1964, cinco anos após a abertura do porto de Yokohama.

Foi um francês, um missionário, quem decidiu levar as intrigantes espécies para Paris, onde acabaram ficando expostas em um Jardim Zoológico. Na falta de um nome específico para denominar a espécie, ficou a partir daí conhecida com galinhas de Yokohama, visto que foi desse porto que embarcaram. E assim ficou a nomeação comum da raça.

A partir daí ganhou popularidade na Europa e não demorou muito para serem levadas também a outros países. Uma associação alemã de aves domésticas logo se interessou em adquirir também algumas espécies anos depois da chegada da raça a Paris, e passou a criá-las. A partir da Alemanha se popularizou também espécies da raça com cores vermelhas de penas.

Galinha Yokohama

O curioso é que hoje não existem espécies com essa coloração no Japão e ficou a dúvida se foram todas tiradas de lá ou se galinhas de Yokohama vermelhas é resultado de algum cruzamento depois que ingressaram na Europa. A Alemanha é um dos países muito conhecido desde então por experimentar cruzamentos naturais. A existência hoje de galinhas de Yokohama bantams, ou anãs, é consequência dessas misturas alemãs.

Logo no início do século 20, as galinhas de Yokohama já predominavam em muitos criadouros europeus, incluindo o Reino Unido onde uma espécie bem distinta em suas características, possível resultado de cruzamentos, também passou a ser conhecida como galinha de Yokohama, embora tivesse um único pente e uma diversidade de cores.

Características Físicas da Galinha de Yokohama

A Yokohama é uma galinha verdadeiramente elegante com uma plumagem branca pura e um pequeno pente em forma de ervilha ou de noz vermelha. Os galos têm uma cauda longa e majestosa que cai graciosamente no chão, enquanto as galinhas têm uma cauda mais perpendicular. Suas pernas são limpas e amarelas, assim como a pele e os bicos.

A Yokohama é uma galinha ornamental de tamanho médio com uma constituição bastante alongada. A galinha pesa entre 1,3 kg e 1,8 kg, enquanto o galo pesa até 2,5 kg. A cabeça é plana e alongada, com um pequeno manto de crista, rosto pequeno e vermelho, bico amarelo médio e olhos laranja-avermelhados. As barbelas são tão pequenas quanto as caxumbas, vermelhas e bem ajustadas. Há também um “queixo duplo” muito pequeno.

O tronco é alongado e ligeiramente inclinado. As asas são usadas perto do corpo. A cauda é horizontal, levemente alta. As pernas não têm penas e são finas, com tarsos amarelos de comprimento médio. Os dedos são finos e bem esticados. Há também a Yokohama nana ou bantam, com as mesmas características (dimensões à parte, é claro, porque trata-se de uma espécie anã).

Plumagem e Coloração da Galinha de Yokohama

A plumagem é bem aderente ao corpo. As cores reconhecidas pelos órgãos oficiais são duas: ombros vermelhos e brancos. Esta última cor é a mais difundida: a característica típica é o tom vermelho acastanhado das penas no peito, com gotas de cor creme na forma de uma gota.

O galo de Yokohama distingue-se pelas suas belas penas decorativas, que podem facilmente atingir e ultrapassar um metro de comprimento. Ele demonstra seu caráter combativo, tanto com pessoas e com sua própria espécie. Portanto, é uma boa ideia mantê-lo isolado dos outros, porque o bicar contínuo pode arruinar as penas.

Como Criar uma Galinha de Yokohama

A galinha de Yokohama é muito ativa e animada, por isso precisa de grandes espaços para se movimentar. Por esta razão, um quintal de jardim simples não será suficiente, mas será melhor integrá-lo com um grande recinto para animais, de preferência coberto.

Se você mora no campo e tem espaço suficiente, você também pode decidir deixá-la explorá-lo livremente, ainda tendo a visão de usar uma rede anti-predador para protegê-la de ataques. Tenha em mente que esta não é uma raça muito fácil de criar, porque exige cuidados e atenção especiais que um agricultor iniciante dificilmente possui. É por isso que esta galinha de cauda longa é recomendada pra criadores experientes.

Não é uma boa produtora de ovos, pois coloca ovos muito pequenos e em números limitados, no máximo 52 ovos por ano. No entanto, ela tem uma tendência a se tornar uma galinha que desempenha o papel de mãe muito bem. Os galos de Yokohama, dado o comprimento da cauda, devem ser criados separadamente, tomando o cuidado de posicionar os poleiros com pelo menos um metro de altura, para evitar que as penas sejam danificadas.

Além disso, o abrigo de galinhas ornamentais de Yokohama deve estar sempre seco e limpo: por essa razão, aconselhamos que escolha uma vedação para galinhas equipada com telhado ou cobertura e que substitua a cama regularmente para que as penas não fiquem sujas.

Onde Encontrar uma Galinha de Yokohama

Yokohama está na lista de espécies ameaçadas. Embora mais criadores dessas lindas galinhas sejam necessários para criá-las, como citado antes: elas são mais para um criador de galinha experiente. Como elas são agora uma rara raça de galinha ameaçada de extinção, elas não são muito fáceis de encontrar, e você provavelmente não as encontrará em estabelecimentos de aves e fazendas vivas. Para obter um Yokohama ou dois para o seu rebanho, é melhor encontrar criadores registrados que você pode obter informações.

Se você planeja criar essas galinhas, você vai querer ter certeza de que elas são de uma boa linhagem. Isso é mais um bom motivo para procurar informações com um criador experiente que cria as Yokohama ou já criou antes. Eles também poderão ajudar com quaisquer requisitos especiais, atenção ou cuidado que possam precisar.

Veja também

Quais São os Sintomas da Doença do Carrapato?

Carrapatos, um parasita amplamente distribuído em muitos ambientes naturais e com o qual os caminhantes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *