Home / Animais / Chinchila Marfim: Tamanho, Características E Fotos

Chinchila Marfim: Tamanho, Características E Fotos

A chinchila é um animal que talvez você não tenha ouvido falar, mas que é bem popular pelo continente americano. Assim que você ver uma delas, é bem provável que você nunca mais esqueça e se apaixone. Isso ocorreu diversas vezes, e por isso se tornou um famoso animal de estimação, como o coelho e alguns outros roedores. Existem algumas variedades de chinchila pelo mundo, e uma delas é a chinchila marfim. E é sobre ela que iremos falar no post de hoje. Contaremos um pouco mais sobre suas características gerais, tamanho e muito mais. Tudo isso com fotos! Então continue lendo para aprender mais sobre esse animal fofíssimo!

Características Gerais Da Chinchila Marfim

A chinchila é um animal que faz parte da família Chinchillidae, sendo um mamífero roedor nativo dos Andes na América do Sul. Sua característica principal é em relação ao seu pelo. Elas possuem um pelo que é em torno de 30 vezes mais suave que o cabelo humano, e também é um dos animais com pelagem mais densa, cerca de 20.000 pelos por centímetro quadrado. Seu pelo é de extrema importância, por isso jamais deve ser tosada e seu pelo também não deve ser molhado. Um dos motivos de sua importância é que ele ajuda a impedir a infestação de pulgas.

No caso da chinchila marfim, ela se diferencia exatamente pela sua coloração dita em seu nome. O seu pelo é de uma coloração marfim, clássica dessa espécie de chinchila. Esse animal é muito ativo, e por isso é preciso que eles façam exercícios físicos regularmente, para evitar a obesidade e o estresse. Também são bastante exploradores, gostando de observas e ouvir tudo que está ao seu redor, ideal então que ela fique solta pela casa, quintal ou sítio fechado. Costumam ser bem sociáveis, então não é muito bom que elas fiquem sozinhas, desde em relação a humanos quanto outros animais.

As chinchilas foram descobertas e meados do século 16, e logo então começaram a ser caçadas devido a sua pele. Quando o século 20 iniciou-se, elas eram animais raros, ao ponto de que no ano de 1923 um biólogo encontrou e trouxe os últimos 11 exemplares da espécie para os Estados Unidos. A partir dos casais desses sobreviventes, foi possível salvar a chinchila de sua extinção, e desde os anos 60 o animal voltou a ter uma população maior e vasta.

Elas possuem um sistema digestivo complexo e bem sensível, por isso necessitam de uma alimentação bem equilibrada. Quando você está cuidando de uma chinchila, é ideal que você dê ração especial de chinchila, e não outras. Nunca deve se dar rações de coelhos, hamsters e animais semelhantes, além de não dar sementes de girassol, pois podem ser gordurosas demais para elas. Junto com a ração, é ideal dar alface, feno da montanha e suplemento alimentar. Os petiscos ficam variados, podendo ser maçã, banana ou até uvas passa. Nunca dê muito alimento, e mantenha sempre o contato com o veterinário para ter certeza da quantidade de comida que você está dando está correta.

É comum e normal dar algumas guloseimas para esse animal, especialmente para conseguir treina-la a aprender novos truques e sinais de obediência. A partir disso, pode ensina-la como voltar para dentro da gaiola depois de ficar solta por um período. Isso pode ser feito colocando ela dentro da gaiola e dizendo casa, associando a palavra ao local. Enquanto isso, dando guloseimas como uma forma de recompensa, para ela ir aprendendo e repetindo o comando. Entretanto, deve-se regrar para não acabar exagerando na quantidade de guloseimas. Ela pode acabar ficando doente ou até mesmo rejeitar a sua comida normal.

Saúde Da Chinchila Marfim E Cuidados

De longe, essa chinchila pode aparentar bem fácil de ficar doentes, mas na realidade, acontece o contrário. São bem resistentes a doenças, especialmente quanto a parasitas. Os carrapatos, pulgas e outros parasitas do tipo não conseguem sobreviver no pelo das chinchilas, pois ele é muito denso, causando seu sufocamento. É por esse motivo que não se pode dar banho com água nelas, o jeito certo é utilizar uma areia especial que é bem fininha para isso. Quando estão na natureza selvagem, se esfregam em pó de montanha.

Apesar de serem bem resistentes, é imprescindível sempre estar de olho e levar no veterinário para checagem de vez em quando. Quando esse animal fica doente, normalmente é doença vindo de falta de higiene. Algumas gaiolas podem causar feridas quando tem o fundo de grelha ou semelhante, onde suas patas podem ficar presas. Não as deixe em locais com temperatura muito alta, por causa de seu pelo, fazendo com que ela sinta muito calor.

Chinchila Marfim no Balanço
Chinchila Marfim no Balanço

A mudança de dieta causa um não desgaste nos dentes da chinchila, fazendo com que cresçam demais, em torno de 4 a 6 centímetros por ano. Por isso, é essencial dar muitas folhas, especialmente as de verde escuro, para que sua dentição não cresça mais do que o devido. Em alguns casos, ela pode não conseguir fechar a boca e morrer lentamente de fome. Para termos noção, os bebês de chinchila já nascem com dentes, que são sem raízes, mas com uma porção que consegue sustenta-los.

Outra questão importante é em relação a atividade física. Como falamos anteriormente, é um animal que necessita estar sempre se exercitando, para que não fique estressada. Um motivo de estresse é quando são pegas no colo por algum estranho, elas não gostam e costumam soltar pelo, sendo uma forma de defesa. A longevidade de uma chinchila marfim varia entre 1o a 20 anos, porém há alguns casos de chinchilas que passaram dos 22 anos. O importante é sempre dar os cuidados especiais que ela terá uma vida longa e feliz ao seu lado.

Esperamos que o post tenha te ajudado a entender e aprender um pouco mais sobre as chinchilas marfim, suas características gerais, tamanho e outros. Não esqueça de deixar seu comentário nos contando o que achou e também deixar suas dúvidas. Ficaremos felizes em ajuda-los. Você pode ler mais sobre chinchilas e outros assuntos de biologia aqui no site!

Veja também

Qual Animal Vive Menos Tempo? Qual A Menor Longevidade?

Na natureza é possível encontrar animais de todos os tipos, tamanhos, cores, personalidades, hábitos entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *