Home / Animais / Borboleta Junonia Evarete: Características, Habitat e Fotos

Borboleta Junonia Evarete: Características, Habitat e Fotos

As borboletas são muito bonitas e fazem de qualquer lugar mais bonito, sendo muito usadas com o intuito de tornar mais agradável a presença em determinados ambientes. Dessa forma, é muito comum, por exemplo, que pequenos ou grandes jardins optem por ter flores que agradam o paladar das borboletas.

Dessa maneira, com o tempo esse tipo de animal será atraído para o jardim, transformando o local em algo mais belo e destacável. Assim, há muitas espécies de flores e de plantas que servem muito bem a esse propósito de atrair as borboletas, sendo necessário estudar bastante a situação antes de optar por qual será o mais adequado para o seu jardim em questão.

Isso porque as flores usadas para atrair as borboletas são diferentes, sendo atendidas por climas diferentes e, portanto, necessitando de uma série de cuidados próprios. Tendo atenção a esses detalhes, você não enfrentará problemas mais tarde.

Assim, outro detalhe importante quando se trata de atrair as borboletas para o seu jardim é evitar que os predadores do animal estejam por perto. Isso porque, se o predador estiver no seu jardim, a borboleta sequer pensará em parar um pouco entre as suas flores.

Dessa maneira, é importante estar atento aos predadores principais das borboletas. Isso inclui a formiga, que pode ser um predador muito forte e considerável das borboletas. Ademais, as aranhas também podem atacar as borboletas de maneira muito pesada, sobretudo as maiores e com mais veneno. Quando uma aranha consegue capturar uma borboleta, matando-a em seguida, tenha certeza que nenhuma outra visitará o seu jardim por algum tempo.

Além disso, outro animal que acaba por ser um perigo para as borboletas é o pássaro, que consegue capturar a borboleta mesmo nos locais mais altos e, assim, acaba por ser um dos grandes inimigos naturais do animal.

Conheça a Borboleta Junonia Evarete

Entre essas borboletas bonitas, que têm destaque no mundo animal, está a borboleta Junonia Evarete. Essa borboleta é muito comum no continente americano, sendo comum tanto na América do Sul quanto na América do Norte e Central. Assim, a borboleta Junonia Evarete é muito adaptável, sendo capaz de resistir a temperaturas muito altas, mas também de se manter em boas condições quando uma situação de baixa temperatura lhe é imposta.

Em todo caso, o certo é que esse tipo de borboleta consegue chamar a atenção das pessoas de longe, sendo muito bela, com a cor marrom em contraste com um laranja muito forte e acentuado. A borboleta Junonia Evarete não é muito grande, tendo um porte médio, com envergadura que varia de 4,5 centímetros aos 6 centímetros.

Borboleta Junonia Evarete

O mais comum é ver esse tipo de animal nas áreas de florestas tropicais ou equatoriais, muito comuns em toda a América do Sul, onde a borboleta Junonia Evarete é mais comum. Isso acontece pelo fato de as forestas tropicais terem árvores altas, mata densa e muita oferta de alimentos para as borboletas. Dessa forma, com comida e podendo estar em posições elevadas, as borboletas fogem de problemas e ainda consegue comer com frequência.

Reprodução e Alimentação da Borboleta Junonia Evarete

A borboleta Junonia Evarete apresenta detalhes muito únicos em sua aparência, mas o seu modo de vida não é lá tão diferente das outras borboletas de todo o mundo. Dessa maneira, a borboleta Junonia Evarete apresenta um modelo de reprodução bastante semelhante ao de outras borboletas.

Acontece, de forma resumida, que os machos ficam à espera das fêmeas, pousados na vegetação. Isso pode durar muitas horas e até mesmo o dia inteiro, então caso você veja uma borboleta nessa situação de repouso na vegetação, pode ser por isso. Adiante no processo, já após a reprodução, a fêmea deposita os ovos, de forma individual, nas plantas. As fêmeas costumam ser maiores que os machos em tamanho, o que é uma característica principal para diferenciar as fêmeas e os machos.

Já em relação à alimentação, a borboleta Junonia Evarete costuma ter dieta bastante voltada para o lado vegetal. Logo, esse tipo de borboleta gosta de comer folhas de árvores, sobretudo sendo de árvores típicas das florestas tropicais ou equatoriais da América do Sul. Sendo assim, o repertório de alimentos da borboleta Junonia Evarete não é tão variado.

Ciclo de Vida da Borboleta Junonia Evarete

O ciclo de vida das borboletas é bastante comentado em todo o mundo, já que as pessoas veem nas borboletas um grande exemplo do poder do tempo sobre todo o planeta Terra.

Logo, as borboletas são tão exaltadas pelo fato de nascerem como lagartas, sem grandes pretensões na vida, mas acabarem a vida como belas borboletas, sendo capazes de voar e de encantar a todos com o seu charme. Isso, inclusivo, é um dos motivos pelos quais tantas pessoas optam por fazer a famosa tatuagem de borboleta.

O ciclo de vida da borboleta Junonia Evarete, portanto, não é nada diferente. Primeiro há a fase em que ela é ainda nem é larva, estando presente no ovo. Mais tarde, há a fase em que a borboleta Junonia Evarete passa a ser lagarta ou larva, sendo essa a fase que serve de inspiração para que as pessoas valorizem tanto o produto fina das borboletas. Durante essa fase, a borboleta se alimenta bastante e cria reserva de comida.

Depois, em seguida, a Junonia Evarete vai para o casulo, onde já precisa estar muito bem alimentada. Por fim, a borboleta sai do casulo, já em sua fase final, transformada realmente em borboleta.

Como as Borboletas se Defendem de Predadores

As borboletas precisam se defender dos predadores para seguir vivas. Portanto, uma das formas de fazer isso se dá através do veneno que algumas borboletas possuem. Dessa maneira, o predador é paralisado. Outra forma de defesa das borboletas é se manter camuflada na vegetação, ficando parada para não ser vista pelos predadores.

Borboletas que se Camufla

Além disso, as borboletas ainda podem voar de forma rápida, o que faz com que a grande maioria dos predadores fique para trás, mesmo que as borboletas não sejam tão boas assim voando. Por fim, as borboletas também se mantêm bastante em posições elevadas, mas nesse caso os pássaros não são evitados.

Veja também

Como Cuidar de um Basset Hound Filhote: Cuidados e Doenças

Você já ouviu falar do cão Basset Hound? Pois bem, esta raça possui cãezinhos bastante …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *