Home / Animais / Alimentação Da Enguia: O Que Elas Comem?

Alimentação Da Enguia: O Que Elas Comem?

A enguia é aquele peixe elétrico que mais parece uma cobra, e que tem um tipo que pode emitir uma descarga elétrica bem forte, com a capacidade de atordoar uma pessoa adulta, e até matá-la. Mas, você sabia o que ela come? Bem, é o que vamos saber a seguir.

Os Hábitos Alimentares Das Enguias

Podemos dizer que todas as espécies existentes de enguias são carnívoras. Elas comem praticamente qualquer ser vivo que encontram no caminho, de pequenos peixes a peixes mortos, passando por crustáceos, moluscos, insetos, vermes aquáticos e até mesmo anfíbios de médio e grande porte.

Trata-se de uma exímia caçadora que sai para se alimentar, preferencialmente, durante à noite. Existem espécies de enguias vivendo nas águas do mundo inteiro.

Para abocanhar as suas presas, esse animal faz uso de uma poderosa mandíbula. Interessante notar que a parte inferior dessa parte do corpo delas é mais larga do que a superior, possuindo pequenos e pontiagudos dentes em toda a sua extensão.

Antes de chegar à noite para caçarem, elas ficam escondidas durante o dia em cavernas, fendas, ou mesmo entre as rochas do local.

A Temida Enguia Elétrica

Em se tratando de hábitos alimentares, existe uma família de enguias muito peculiar, que é a Gymnotidae, ou (como é mais conhecida), a enguia elétrica. Ela possui a incrível capacidade de emitir uma descarga de, pelo menos, uns 850 volts por meio de órgãos especiais localizados em seu crânio.

Tal método é usado, evidentemente, para se defender de predadores, mas, também é uma excelente arma de caça. Mesmo que o peixe ou qualquer outro animal que vai servir de alimento para essa enguia receba o choque de raspão, o mais provável é que fique atordoado por um tempo. É quando a anguia ataca e devora sua presa.

Importante destacar também que além de servir como arma de caça e de defesa, o choque elétrico dessa enguia serve para que os membros da mesma espécie se comuniquem entre eles. Porém, como, na maior parte do tempo, esses animais são solitários, essa temida descarga elétrica serve mais para caçar suas presas mesmo.

Quais Os Predadores Naturais Das Enguias?

É bom lembrar que as enguias, apesar de comerem outros peixes, também fazem parte desse mesmo grupo de animais, o que implica dizer que também possuem seus inimigos naturais.

Entre os muitos predadores que comumente devoram esses animais, podemos dar como exemplo a lontra, o polvo, o tubarão e o golfinho. Praticamente todos conseguem caçar as enguias sem grandes dificuldades, até mesmo as elétricas,

Sem contar ainda que o homem também pode ser considerado um predador da enguia, visto que a carne desse peixe é visto como uma fina iguaria no ramo gastronômico. Além de sua polpa gelatinosa possuir um sabor agradável, a carne desse animal também é rica em algumas substâncias, como minerais e vitaminas, especialmente, o zinco.

Ariranha Em Cima da Pedra
Ariranha Em Cima da Pedra

Além oda questão gastronômica, nós também dificultamos a vida das enguias no sentido que colocamos obstáculos que dificultam a migração desses animais, em especial, no período reprodutivo. Barragens e açudes em diversas bacias hidrográficas são a prova disso. Sem contar ainda a questão da poluição do meio ambiente como um todo.

Ou seja, mesmo que ainda seja um animal relativamente abundante na natureza, devido ao seu caráter migratório, a enguia se torna alvo fácil, não somente de seus predadores naturais, mais da ação do homem em geral, mostrando que, mesmo sendo uma predadora voraz, ainda assim, está à mercê de certos perigos.

Algumas Curiosidades Envolvendo as Enguias

Fora essa questão dos hábitos alimentares, a anguia é cheia de outras tantas curiosidades. Uma delas, por exemplo, é o fato do animal sofrer uma metamorfose quanto entra em contato com água doce. É justamente essa mudança que permite que esse peixe vire a enguia com a aparência que a conhecemos. Só lembrando que as enguias desovam em águas salgadas.

Além da metamorfose em termos de aparência quando esses animais atingem a água doce, as enguias também mudam de cor. Tipo: os espécimes que vivem nas profundezas das águas tendem a adotar cores mais escuras, como é o caso do cinza e do preto. Já aquelas que estão em recifes tropicais, por sua vez, possuem tonalidades mais coloridas.

Fora ainda o fato de que a salinidade da água também interfere no sexo desses animais. Ou seja, em águas que são mais salgadas, a probabilidade de ter mais machos ali é bem maior. Já em locais com menor quantidade de sal, a probabilidade é da população feminina desse peixe ser mais elevada.

E, em geral, as enguias possuem hábitos solitários durante toda a sua vida, com exceção dos momentos em que se reúnem para o acasalamento. Contudo, existe uma espécie, que é a enguia-de-jardim, que vivem em colônias com diversos outros espécimes que nem ela. Porém, essa é a exceção à regra.

Parece Enguia, Mas Não É

Entre as várias espécies de peixes que existem por aí, não seria de estranhar que algumas fossem muito semelhantes às outras. É o caso do nosso poraquê, erroneamente confundido com uma enguia, e que vive na Amazônia. A coloração do poraquê é bastante escura, só tendo a parte ventral um pouco amarelada. Pode chegar a cerca de  metros.

Habitando rios e lagos, em fundos lodosos e com águas calmas, o poraquê, assim como a enguia elétrica, também possui a capacidade de emitir descargas com algumas centenas de volts, o que serve, entre outras coisas, para atordoar as suas presas. Com essa descarga, o peixe é capaz de matar facilmente um cavalo, por exemplo.

O risco maior de entrar em contato com o poraquê é um águas rasas, na superfície, visto que ele precisa de ar atmosférico para adquiri o oxigênio necessário à sua subsistência.

E, assim como a sua “sósia”, a enguia, o poraquê também se alimenta de insetos, pequenos peixes, crustáceos, moluscos, e o que mais puder encontrar pelo caminho, até mesmo mamíferos. E assim como diversos outros animais na Amazônia, o poraquê corre risco de extinção, especialmente, devido à ação do homem.

Veja também

Quais os Benefícios do Ovo de Marreca? Para que Serve?

Os marrecos são aves aquáticas pertencentes à família dos Anatídeos. Estas aves produzem uma carne …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *