Home / Animais / Mastim Napolitano Ficha Técnica: Tamanho, Altura e Peso

Mastim Napolitano Ficha Técnica: Tamanho, Altura e Peso

O mastim napolitano é um cachorro italiano, e como o nome indica, é originário da cidade de Nápoles. A raça cane corso italiano é, provavelmente, a raça que deu origem ao mastim napolitano.

Essa raça de cachorro é muito conhecida por originar cachorros fortes, sérios, protetores e guardiões. Além de possuírem também alta inteligência, fidelidade e nobreza.

Hoje, iremos abordar a ficha técnica do mastim napolitano. E, para saber se é o cachorro ideal para a sua casa, você terá em mãos informações essenciais, como tamanho, altura e peso dessa raça.

Características

O mastim napolitano possui algumas variações de cores, no entanto, as cores predominantes são a preta, cinza, cremes, azul escuro e fulvos. Seus pelos são curtos, sendo fácil de serem penteados, e são bem lisos.

Possui uma personalidade muito forte, ou seja, ao mesmo tempo que pode ser muito gentil, brincalhão e tranquilo com os donos e moradores da casa, pode também ser desconfiado e atento com pessoas desconhecidas.

Apesar da personalidade forte, o mastim napolitano, se treinado desde cedo, ter uma socialização precoce e com se acostumar com cachorros e pessoas diferentes, ele será um ótimo cão.

O mastim napolitano é considerado um cão de guarda e protetor. Isto porque seus ancestrais, na Itália, e em algumas partes da Europa, faziam esse tipo de trabalho. Guardar, proteger e acompanhar as pessoas através das estradas, assim como nas suas propriedades e campos.

Desta forma, o mastim napolitano pode ser treinado tanto para ser um cão caseiro, ou um cão de guarda, ou os dois. Vai depender de vários fatores, como: tamanho da sua casa, necessidade dos moradores e treinamento que ele tiver.

Mastim Napolitano

Se o mastim napolitano for ficar muito tempo sozinho, é importante que ele seja treinado para tal. Caso contrário, ele pode começar a apresentar comportamentos inadequados. No entanto, caso seja treinado corretamente, ele conseguirá ficar períodos sozinhos e ser um ótimo vigilante.

Quanto ao latido, o mastim napolitano, como já citado, é um cão de guarda e protetor, então caso ele late, pode ser que esteja sentindo ou vendo algo estranho. Mas no dia a dia, de maneira geral, é um cachorro bastante silencioso e late realmente quando precisa.

Sendo uma raça diferente, exótica e pouco encontrado, o preço do mastim napolitano pode ser um pouco alto. No Brasil, ele é encontrado por cerca de 4 mil reais, o filhote.

Tamanho e Altura

O mastim napolitano é gigante. Sim, ele é um dos maiores cachorros que existem, conhecido como peso-pesado.

Sua altura pode chegar até 79 cm. Por ser tão grande assim, ele não é muito recomendado para casas que tenha crianças pequenas. Isto porque ele acaba sendo muito desastrado, podendo passar por cima das crianças, ou derrubá-las, mesmo sem a devida intenção.

O mesmo problema, com a altura, acontece na hora de comer. Ele pode acabar derrubando as tigelas de ração, ou de água. Exatamente por isso, também, não é um cachorro recomendado para se criar em apartamentos.

O mastim napolitano vai precisar de espaço. Tanto para comer, para andar, para dormir ou para se exercitar. Então, nesse sentido, o ideal é que a criação dele se dê em locais com quintais, espaços abertos e casa espaçosas. A derrubada de objetos, móveis, entre outros, é intensa quando o mastim napolitano vive em espaços pequenos.

Seu tamanho, no entanto, lhe dava vantagens competitivas e de batalhas em seu passado remoto. Sua pele, inclusive, é bastante enrugada e com excesso, pois nas batalhas, ao ser mordido por outros cachorros, seus órgãos vitais ficavam longe do perigo, sendo mordido apenas na pele.

Peso

Como é um cachorro gigante, é de se esperar que o peso também seja grande. E é muito. O mastim napolitano pode chegar a pesar cerca de 77 quilos.

O peso, claro, pode variar entre 50 até 70 quilos. De qualquer forma, por ter um peso tão grande, alguns cuidados devem ser tomados.

Por ser bastante pesado, é importante se atentar aos exercícios físicos propostos. Por exemplo, o mastim napolitano não irá curtir andar por muito tempo e por jornadas muito longas.

As atividades físicas precisam ser moderadas, de forma que ele sempre se mantenha ativo, mas não passe do seu limite.

O mastim napolitano, também por ser muito pesado, precisará de uma atenção redobrada quando se trata da alimentação. Nunca dê mais ou menos do que o necessário.

Os filhotes, no entanto, precisam de atividade física de maneira adequada para que possam crescer saudáveis e sem problemas nas articulações.

Cuidados

Alguns cuidados devem ser tomados de forma específica quando se trata do mastim napolitano.

Como se trata de um cachorro muito grande, como a maioria dos outros, ele baba bastante. Por isso, pode ser que ele fique com um cheiro desagradável na parte da boca, o que aumenta as chances de problemas dentários, como o tártaro. A baba excessiva pode causar problemas na pele também.

Nesse sentido, é importante que a baba seja sempre limpa com algum pano especifico para ele, e os dentes sempre escovados para evitar complicações maiores.

Seus olhos são outra parte importante a se tomar cuidado. A pele pode, com o passar do tempo, recair sobre os olhos, o que torna o bloco ocular mais exposto a complicações oftalmológicas, para que isso seja evitado, a consulta a um veterinário deve acontecer pelo menos algumas vezes no ano para checar se está tudo em ordem.

Por fim, como se trata de um cachorro muito forte e resistente, dificilmente você irá vê-lo reclamar de dor. No entanto, se algo começar a incomodá-lo, é importante levar ao veterinário prontamente, pois pode ser algo já um pouco mais grave.

O mastim napolitano, de forma resumida, é um cachorro muito agradável de ser ter em casa. Seja para proteger ou para te acompanhar, basta tomar os cuidados descritos aqui e prestar atenção aos pontos importantes dessa raça, que a criação do mastim napolitano se mostrará fácil e prazerosa.

E você, já viu ou tem um mastim napolitano? Conte para a gente nos comentários a sua experiência com essa raça tão comum e querida não só na Itália, mas no mundo inteiro.

Veja também

Doninha-Amazônica: Características, Nome Científico e Fotos

O número de animais existente no nosso planeta é realmente muito grande, e é exatamente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *