Home / Natureza / Harpa Pagophilus Groenlandicus

Harpa Pagophilus Groenlandicus

Conhecidas como focas harpas, ou até mesmo focas da Groenlândia, a foca harpa Pagophilus groenlandicus, é uma foca conhecida pela sua pelagem completamente branca enquanto filhotes, época em que as mesmas apresentam uma mancha preta em sua fronte, em forma de harpa, que é de onde seu nome comum provém.

A foca harpa é conhecida também como foca da Groenlândia pelo fato da espécie habitar especialmente essa região do Planeta Terra.

É comum observar, nas costas nordestes do Canadá, a presença dessas focas, que apenas saem da água para dar luz aos seus filhotes, que começam a viver em submersão a partir de duas semanas de vida.

A forca harpa possui uma aparência bastante chamativa, e cativa todas as pessoas com seus olhares repletos de inocência, porém, quando chegam à terceira semana de vida, essa coloração adquire aspectos cinzas e manchas negras começam a surgir em seus corpos.

Quando adulta, a foca harpa tem uma aparência diferente, e não existe uma padronização nas cores da foca, pois elas se distribuem aleatoriamente dentro da espécie.

Apesar de possuírem essa aparência cativante e angelical, a foca harpa é uma das focas mais predadas pelo ser humano, que comercializam sua pele e sua carne, e para que isso seja feito, elas são mortas dentro da primeira e segunda semana de vida.

Conheça Mais Sobre A Foca Harpa

Constata-se que mais de 6 milhões de focas harpas habitavam o Oceano Atlântico e Ártico, mas hoje esse número se reduziu para os 3 milhões.

A foca harpa passa quase 100% do tempo dentro das águas, subindo apenas para respirar, e é comum observar dezenas de focas cavando buracos em camadas mais finas de gelo no intuito de adquirem oxigênio.

O período normal que uma foca harpa fica submersa é de 15 minutos, e a intermitência entre suas descidas e subidas fazem com que elas não vagueiem distante demais das zonas próximas aos respiradouros naturais.

A alimentação da foca harpa se baseia exclusivamente em peixes e crustáceos, onde qualquer espécie de peixe é consumida, assim como uma variedade enorme de crustáceos.

A foca harpa tende a ter um filhote por cada gestação, e poucas gestações durante o ano, chegando a um máximo de 2 filhotes por ano, pois cada gestação tem um período que gira em torno de 7 a 8 meses.

O filhote da foca harpa nasce em tocas cavadas pela mãe, em locais desolados que não apresentam predadores, mas consequentemente, não apresentam comida.

Filhote de Foca Harpa
Filhote de Foca Harpa

Por esse simples fato, o que manterá o filhote vivo será somente o leite materno, que é tão rico e gorduroso, que faz o filhote engordar quilos em apenas um dia, para que dessa forma ele não morra devido ao frio e a escassez.

Por Que As Pessoas Matam A Foca Harpa?

Por incrível que pareça, a foca da Groenlândia é uma das maiores vítimas da caça às focas promovidas pelo governo canadense. Mas por que isso ocorre?

Existem vários motivos pelos quais as focas harpas são caçadas, e um desses motivos é o fato delas serem abundantes; apesar de viverem apenas na Groenlândia.

Um dos principais motivos pelos quais as focas harpas são caçadas é pelo fato delas consumirem 3,5 milhões de toneladas de peixes por ano, o que significa que elas são concorrentes dos seres humanos.

O pelo da foca harpa é um dos poucos itens originalmente canadenses, o que indica que não há a necessidade de importação de produtos externos para a confecção de tecidos.

Outro motivo peremptório que torna a caça às focas harpas algo legalizado pelo governo canadense, é o fato de que isso promove empregos e o sustento de muitas comunidades canadenses.

Existe vários grupos de caça organizados por indústrias, assim como existe grupos de pessoas que simplesmente querem encontrar comida e usar a foca harpa como outros recursos; para extração de sua banha e de sua pele para venda.

Conheça Todas As Espécies De Focas Existentes

Conheça outras focas, que por vezes podem ser avistadas com a harpa Pagophilus groenlandicus, já que são animais altamente sociáveis.

1. Nome Comum: Foca Anelada

Nome Científico: Pusa hispida
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Anelada
Foca Anelada

2. Nome Comum: Foca Barbuda

Nome Científico: Erignatus barbatus
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Barbuda
Foca Barbuda

3. Nome Comum: Foca Caranguejeira

Nome Científico: Lobodon carcinophagus
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Caranguejeira
Foca Caranguejeira

4. Nome Comum: Foca Cinzenta

Nome Científico: Halichoerus grypus
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Cinzenta
Foca Cinzenta

5. Nome Comum: Foca Comum

Nome Científico: Phoca vitulina
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Comum
Foca Comum

6. Nome Comum: Foca Harpa (Foca da Groenlândia)

Nome Científico: Pagophilus groenlandicus
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Harpa
Foca Harpa

7. Nome Comum: Foca de Capuz (Foca de Crista)

Nome Científico: Cystophora cristata
Estado de Conservação: EN (Em Perigo)

Foca de Capuz
Foca de Capuz

8. Nome Comum: Foca de Ross

Nome Científico: Ommatophoca rossii
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca de Ross
Foca de Ross

9. Nome Comum: Foca de Wedell

Nome Científico: Leptonychotes weddellii
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca de Wedell
Foca de Wedell

10. Nome Comum: Foca do Mar Cáspio (Foca do Cáspio)

Nome Científico: Pusa caspica
Estado de Conservação: EN (Em Perigo)

Foca do Mar Cáspio
Foca do Mar Cáspio

11. Nome Comum: Foca Leopardo

Nome Científico: Hydrurga leptonyx
Estado de Conservação: LC – Pouco Preocupante

Foca Leopardo
Foca Leopardo

12. Nome Comum: Foca Monge do Caribe

Nome Científico: Monachus tropicalis
Estado de Conservação: EX – Extinto

Foca Monge do Caribe
Foca Monge do Caribe

13. Nome Comum: Foca Monge do Havaí

Nome Científico: Monachus schauinslandi
Estado de Conservação: EN (Em Perigo)

 Foca Monge do Havaí
Foca Monge do Havaí

14. Nome Comum: Foca Monge do Mediterrâneo

Nome Científico: Monachus monachus
Estado de Conservação: EN (Em Perigo)

Foca Monge do Mediterrâneo
Foca Monge do Mediterrâneo

15. Nome Comum: Foca da Sibéria (Nerpa)

Nome Científico: Pusa sibirica
Estado de Conservação: NT (Quase Ameaçada)

Foca da Sibéria
Foca da Sibéria

Curiosidades Sobre a Foca Harpa Pagophilus groenlandicus

⦁ A foca harpa consegue viver mais de 30 anos.

⦁ A foca harpa não possui orelhas.

⦁ O seu nome científico Pagophilus groenlandicus significa Amante-do-Gelo da Groenlândia.

⦁ A foca harpa pode chegar a 2 m de comprimento e pesar 140 kg.

⦁ A foca harpa nasce com cerca de 11 kg e dentro de dois meses chega a pesar quase 40 kg se alimentando apenas de leite materno.

⦁ A foca harpa perde 50% de seu peso quando aprende a nadar.

⦁ A foca harpa fica de 15 a 20 minutos debaixo da água, alcançando profundidades de até 500 m.

⦁ A foca harpa consome toneladas de peixe por ano.

⦁ Caçadores tem preferência por matar os filhotes da foca harpa para tirarem sua pelagem clara.

⦁ Caçadores matam a foca harpa com golpes apenas na cabeça para não danificarem seus pelos.

⦁ Apesar de viver apenas na Groelândia e parte do Canadá, a foca harpa possui uma larga distribuição e não corre risco de extinção.

Veja também

Principais Características do Agroecossistema

Como bem sabemos, todo o setor agropecuário é a base da nossa alimentação desde muitos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *