Home / Animais / Quem Voa Mais Alto: Águia ou Urubu?

Quem Voa Mais Alto: Águia ou Urubu?

As águias e os urubus são aves bem conhecidas por todos nós, porém os urubus são os que mais marcam presença no território brasileiro. Talvez você já tenha visto algum desses animais voando bem alto no céu, mas mesmo assim não sabe se quem voa mais alto é a águia ou o urubu. A verdade é que ambos são capazes de atingir grandes alturas, porém, os objetivos de cada um ao alcançar vôos tão altos podem ser bem diferentes.

Antes de saber se quem voa mais alto é a águia ou o urubu, vamos trazer pra vocês algumas características principais dessas duas aves.

Conhecendo um Pouco Mais Sobre a Águia

As águias são umas das mais conhecidas aves de rapina do mundo que pertence a família Accipitridae, e possui mais de 231 espécies documentadas, sendo que cada espécie pode vir a possuir diferenças também no formato de seu bico e garras de acordo com o tipo de alimentação. Podendo chegar até 1 metro de comprimento e pesar cerca de 6 a 8 quilos, as águias são animais símbolo de renovação e imponência.

Possui hábitos alimentares carnívoros, podendo ter como presa animais como coelhos, cobras, peixes e outros animais de pequeno e médio porte. Para que obtenha sucesso em suas caças, a águia possui como características gerais um bico forte e afiado, assim como suas garras, justamente para facilitar a captura de suas presas.

Por ser uma ave de caça, além das características de seu bico e garras, a águia possui também uma visão extremamente apurada que lhe permite enxergar a sua presa a alguns quilômetros de distância facilmente. Seus ouvidos também são adaptados e otimizados para a caça, onde sua excelente audição a permite ouvir o som emitido por suas presas mesmo que elas estejam a uma boa distância.

Águia e Urubu se Encarando em Imagem
Águia e Urubu se Encarando em Imagem

Além disso, a águia também possui penas e uma biomecânica corporal que a permitem ter uma maior envergadura, aumentando a sua performance de voo, e permitindo com que ela possa desviar rapidamente de obstáculos, obtenha um pouso ou aterrissagem mais precisos justamente para facilitar o apanhamento rápido de suas presas. A águia é capaz de alçar voos tão rápidos, que podem atingir uma incrível velocidade de até 100 quilômetros por hora.

Conhecendo um Pouco mais Sobre o Urubu

O urubu é uma ave de rapina também, embora esse título seja um pouco controverso por causa de suas patas e bicos que não são especializados e preparados para a caça. Ele é pertencente a família Cathartidae, e possui ao todo 7 espécies que são tipicamente encontradas na América. Sua alimentação é baseada basicamente no consumo de restos do corpo de animais mortos, embora possa vir a se alimentar também de pequenos animais, como roedores e alguns répteis, quando não encontram algum animal morto.

Possui alguns hábitos curiosos e até mesmo considerados nojentos por nós, como por exemplo, defecar e urinar em suas próprias pernas como forma de realizar uma regulação de sua temperatura corporal, uma vez que estes animais não possuem glândulas sudoríparas. Além disso, sua aparência é bastante exótica e marcada pela ausência de penas na região de sua cabeça, a fim de evitar a proliferação de bactérias provenientes dos animais em decomposição dos quais eles se alimentam. Por conta destes fatores, o urubu, embora seja um animal de beleza exótica e hábitos bastante excêntricos, é vítima de uma certa rejeição por parte de nós seres humanos, porém são animais de extrema importância para a natureza, uma vez que são uma espécie de faxineiros que limpam e consomem as matérias orgânicas em decomposição no meio ambiente através de sua alimentação evitando assim a proliferação de algumas doenças.

Seu tamanho e outras características, assim como a águia, irão se diferenciar de acordo com a espécie, porém podem atingir em média de 60  até 1 metro de comprimento e cerca de 1,5 até 3 quilos dependendo da espécie. O maior urubu registrado na natureza é o belíssimo Urubu Rei, que pode chegar até 3,4 quilos.

Sua envergadura também é boa, porém quando estão em terra firme são um pouco desengonçados devido o formato de seus pés. Para voar, eles se aproveitam das correntes de ar e assim conseguem economizar energia.

Quem Voa mais Alto: a Águia ou o Urubu?

Embora ambos possam ser considerados como aves de rapina, a partir das informações acima podemos observar que essas duas aves possuem características tanto relacionadas as suas dimensões e aparência, quanto relacionadas a seus hábitos alimentares bastante distintos. A partir disto, podemos nos questionar: Quem voa mais alto? A águia ou o urubu?

Bom, quando estão em migração, as águias costumam buscar altitudes maiores, podendo chegar a cerca de 3 mil metros de altura. A fim de economizar também o seu gasto energético, as águias buscam voar na mesma direção das correntes de ar, permitindo que a mesma realize viagens migratórias extremamente longas.

Já os urubus, podem alcançar em seu voo cerca de 4 mil metros de altura, sendo um dos animais que conseguem atingir o voo mais alto da natureza. Eles tem como objetivo, alcançar um voo bem alto a fim de conseguir ter uma visão mais ampla e panorâmica, e assim conseguir visualizar o seu alimento. Para conseguir tamanho feito, o urubu, como já foi dito acima, se aproveita das correntes de ar para poupar energia durante o voo, e começa a voar em círculos atingindo aos poucos uma altitude cada vez maior.

Sendo assim, quem voa mais rápido com toda a certeza é o urubu e não a águia. Porém vale lembrar que o voo da águia é muito mais rápido do que o do urubu.

A Importância Desses Animais na Natureza

Todos os animais na Terra possuem seu papel essencial na natureza, e com o urubu e a águia não é diferente. Independente de quem voa mais alto, ambos possuem um papel importantíssimo no equilíbrio do nosso ecossistema, realizando um grande controle da população de roedores por exemplo, que podem vir a ser tornar pragas caso não sejam controlados, ou ainda o controle do material orgânico em decomposição exposto ao ambiente. Sendo assim, a águia e o urubu são grandes responsáveis por atuarem como ótimos bioindicadores de alterações no ecossistema.

Veja também

Queimadura de Piolho de Cobra

A Lei da Selva Desde de que a vida surgiu no planeta Terra, há 3,5 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *