Home / Animais / Lobo Branco: Características

Lobo Branco: Características

Os lobos são bastante conhecidos e admirados pela maioria das pessoas. Porém, muito pouco se sabe sobre a sua espécie. O maior contato que muitos tem com esta espécie é quando passa algum documentário em algum programa de tv.

Os dados sobre este animal devem ser conhecidos por todos. Além de ser uma espécie com potencial de extinção, a sua região também é um local muito importante para o planeta. Estes são apenas alguns dos motivos pelo qual o nosso interesse pelos animais devem aumentar.

O que eles possuem de especiais? Será que podem ser domesticados? Qual é o risco que eles podem oferecer para os humanos?

Todas essas perguntas são intrigantes, mas, ao mesmo tempo, bem fáceis de serem respondidas. Os lobos — principalmente os brancos — são bem previsíveis. Isso faz com que todos os seus comportamentos sejam previamente conhecidos pelos pesquisadores.

Muito do que eles já conheceram, será descrito aqui. O que acha de ter mais informações sobre esta raça, tão temida e admirada? Continue com a leitura!

Um Pouco Sobre o Lobo do Ártico e sua Característica Inconfundível

Extremamente temidos e perseguidos pelos seres humanos por causa de seus ataques nas criações de gado, este lobo é uma presença dominadora na região do Ártico. Antigamente, eles eram um dos mamíferos mais difundidos no mundo e ocupavam diversos lugares do planeta.

Porém, as campanhas de exterminação desses animais, fizeram com que o seu número na terra reduzisse de uma forma rápida e drástica. Por este motivo, o Ártico representa uma fortaleza para os lobos. Neste lugar, existem várias subespécies, e uma delas, é o lobo do Ártico, também conhecido como lobo branco.

Sua principal característica é a pelagem extremamente branca. Ela se adaptou a paisagem e serve para, primordialmente, se camuflar no ambiente onde está inserido.

Estilo de Caça

É incomum você ver algum lobo caçando sozinho. Porém, este hábito está se tornando cada vez mais normal, apesar de serem animais que gostam de ficar em grupo.

Sua força e todas as suas características de caça os ajudam a pegar os veados — sua principal presa — e até animais bem mais fortes do que eles. Sua mordida possui duas vezes mais pressão do que a de um cão, como o pastor alemão, por exemplo.

Como o Ártico possui poucas presas, o que os lobos fazem é comer apenas 20% de seu peso corporal, deixando o resto da carcaça para depois. Deste modo, há um período maior para que eles conseguirem outra presa, sem ficar com fome.

Lobo Branco Caçando
Lobo Branco Caçando

Uma característica bem incomum em outros animais, mas que os lobos possuem é que podem ficar, em média, até 4 dias sem se alimentar de nada. E, mesmo assim, não ficam com fome! Quando isso acontece com outro predador, ele fica fraco e sua habilidade de caçar fica comprometida. Porém, isso acontece em um período muito maior com os lobos.

Eles podem correr longas distâncias atrás de comida. Sua velocidade média é de 10 quilômetros por hora, mas, quando estão caçando, esses números podem aumentar para até 65 quilômetros por hora. Além disso, não costumam se cansar tão facilmente, podendo percorrer milhares de metros em um único dia.

Só para se ter uma ideia da resistência que o seu corpo tem, já houveram relatos de lobos que percorreram em um único dia, mais de 200 quilômetros!

Lobo Branco Comendo
Lobo Branco Comendo

Preparados para enfrentar as situações desafiadoras do Ártico, mesmo quando eles estão se deslocando acima do gelo e da neve, eles são capazes de manter a temperatura de suas patas acima do nível do congelamento.

Como possuem as pernas mais longas do que qualquer outro canídeo, eles conseguem caminhar com facilidade, mesmo quando estão sobre espessas camadas de neve.

Animal Extremamente Territorial

Ele é um animal que domina ferozmente a sua área. Para garantir que a oferta de alimento seja mais estável, os lobos do ártico costumar dominar grandes extensões de terra, chegando a milhares de quilômetros quadrados.

Além de marcar o território — com sua urina — entre poucas centenas de metros, seu uivo característico também é usado para manter os seus domínios.

Os lobos defendem os seus domínios com intensidade, e por causa disso, os encontros com alcateias rivais para domínio territorial são as maiores cenas brutais. Este também é um motivo pelo qual os lobos estão diminuindo em números.

Mesmo com tudo isso, ainda há esperança para que eles não sejam totalmente exterminados: Estando extintos na maior parte dos lugares devido a caça, o número de lobos do ártico vem crescendo, graças a inúmeras leis de proteção animal, para combater a extinção.

Lobo Branco Andando na Neve
Lobo Branco Andando na Neve

E, querendo ou não, a região do Ártico sempre manteve estável o número de lobos, pois neste local, a caçada é praticamente nula. O frio congelante é um dos motivos pelo qual nenhum ser humano consegue permanecer por muito tempo.

O Estado Atual do Ártico

No Ártico, as aparências podem enganar: embora pareça hostil a qualquer forma de vida, essa região polar única é permeada por uma variedade incrível de vida. Além disso, ele é um local muito delicado. Sua delicadeza pode ser vista por causa das mudanças de temperatura.

O gás metano, um dos mais potentes agentes do efeito estufa, está armazenado em muitas partes do Ártico. Com isso, as geleiras se derretem e fazem com que o aquecimento global seja ainda mais prejudicial. As mudanças neste local do planeta seriam irrecuperáveis.

Mesmo distante da maioria do planeta, esta parte é fundamental para o clima do mundo. A sua preservação está em nossas mãos, não só pela manutenção da vida dos animais que vivem lá, mas, principalmente pela nossa vida.

Veja também

Espécies De Cobras Em Florianópolis

As serpentes ou cobras, como são mais conhecidas aqui no Brasil, são animais pertencentes a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *