Home / Animais / Como Saber se um Filhote de Bulldog Francês?

Como Saber se um Filhote de Bulldog Francês?

Os cachorros podem ser muito importantes para as pessoas. Assim, com o tempo o valor desses animais foi crescendo de forma considerável, sobretudo levando em conta a raça de certos cães. Dessa forma, o bulldog francês é um grande exemplo de como um cachorro pode ser caro e também muito valioso para os seus donos, além de muito belo. Essa raça, porém, pode sofrer com uma série de mutações promovidas pelas pessoas, justamente visando a venda.

Isso porque encontrar macho e fêmea do bulldog francês, em estado puro, pode ser algo bastante complicado. Portanto, é comum que se faça uso de cães de outras raças para tornar a mistura mais barata. Para a sorte de quem deseja comprar um bulldog legítimo, há algumas maneiras de analisar se um cachorro da raça é puro ou não.

Alguns detalhes existentes nos animais da raça não podem ser reproduzidos, nem mesmo nas melhores formas de cópias. Logo, se você deseja saber mais sobre como analisar um filhote de bulldog francês, facilitando a sua decisão no momento da compra, veja abaixo as principais características pertencentes a um bulldog francês puro, sem misturas.

Aparência do Bulldog Francês Puro

O bulldog francês é um cachorro que possui aparência bastante única. Dessa forma, animais que são apenas parecidos com a raça, mas possuem outra origem, podem ser desmascarados com certa facilidade. Para começar, o bulldog francês puro apresenta um focinho achatado que pode ser muito complicado de reproduzir, mesmo em boas cópias. Assim, o focinho do animal já é um ponto de partida interessante para a análise.

Ademais, o bulldog francês puro tem ainda dobras ao redor do nariz, em geral mais acima. O animal também possui muita pele na região da boca, algo que outras raças não costumam ter, mesmo as mais semelhantes. Vale ressaltar, ademais, que o bulldog possui uma pelagem curta, de muito brilho. Dessa maneira, esse animal tende a não apresentar problemas com insetos ou sujeira em seu pelo.

Também por isso o bulldog francês é uma ótima alternativa para quem deseja criar o animal em locais abertos, com gramado e árvores. Por fim, é importante deixar claro que o bulldog pode se apresentar em tons de fulvo, mas algumas cores simplesmente não existem nessa raça. Portanto, estar atento às cores pode ser uma boa opção para distinguir o bulldog francês verdadeiro dos falsos.

Saúde do Bulldog Francês

Embora essa não seja uma maneira muito prática de distinguir o bulldog francês verdadeiro de animais falsos, o cachorro dessa raça também se diferencia em relação à sua saúde. Portanto, o bulldog francês costuma ser muito frágil e ter uma enorme propensão ao desenvolvimento de problemas de saúde. É muito natural, por exemplo, que o animal não seja capaz de respirar plenamente, gerando desconfortos e falta de ar.

Essa dificuldade, se existente no longo prazo, pode fazer com que o cachorro passe a ter problemas cardíacos graves. Ademais, o bulldog francês é muito propenso, também, a apresentar altos níveis de açúcar no sangue. Esse cão, ainda que tenha uma dieta equilibrada, pode não ser capaz de eliminar o excesso de açúcar da sua corrente sanguínea, o que gera picos de energia e pode, no pior dos casos, levar à morte. Por ter olhos grandes, o bulldog francês também tende a ficar cego com o tempo.

Como o animal não consegue fechar os olhos por completo, de forma a lubrificá-los como deveria, as chances de que nem todas as partes dos olhos sejam irrigadas são enormes. Nesse sentido, há alguns cuidados médicos e alguns medicamentos que podem ajudar o bulldog francês a prolongar o seu tempo de vida.

Confie nos Criadouros

Saber se um cachorro é de uma raça pura ou se possui mistura em sua composição pode ser complicado. Dessa maneira, é importante que você confie no criadouro no qual adquirirá o cão. Não é diferente com o bulldog francês, que, por ser bastante valioso financeiramente, tende a ser muito copiado de forma pouco apropriada.

Filhote de Bulldog Francês

Logo, o melhor mesmo é que você conheça bem o local onde comprará o seu bulldog francês, já que assim as chances de golpe diminuem muito. Ademais, caso você não conheça o local previamente, faça uma visita e analise o nível de confiabilidade do ambiente. É sempre interessante fazer pesquisas na web para saber se o local é seguro e qual é o grau de satisfação dos clientes antigos.

Além disso, tente comprar o seu exemplar de bulldog francês em uma loja que não abuse das fêmeas. Há muitos ambientes de vendas de cachorros que fazem uso das fêmeas para procriar de maneira contínua, sem o mínimo de tempo para a recuperação do animal. Em diversos casos, essa fêmea morre devido ao excesso de crias. Você tem o poder de escolher onde comprar o seu bulldog francês, então use-o de forma inteligente.

Características do Bulldog Francês

O bulldog francês é um cão que apresenta características muito constantes. Dessa forma, o bulldog em questão costuma ser bastante inteligente e muito amoroso com o dono. A raça não é violenta ou agressiva, nem mesmo com os desconhecidos. Porém, para que o seu bulldog francês não tenha qualquer possibilidade de desenvolver agressividade, trate de manter o animal controlado desde os primeiros anos de vida.

O bulldog francês é um animal de porte médio, mas que também pode ter pequeno porte. Porém, o certo mesmo é que essa raça jamais será muito grande, então desconfie de cachorros com a feição de um bulldog e que tenham tamanho elevado. A pelagem deve ser sempre lisa, além de curta. O bulldog francês não possui pelos longos, além de ser um pouco desconfiado em relação a sons, por exemplo.

Caso o bulldog apresentado não tenha nenhuma dessas características citadas ou até mesmo possua apenas algumas delas, o melhor a fazer é procurar outro animal, em outro local. Quando você compra um animal como um bulldog francês, quer ter exatamente o que pagou. Ainda que todos os cachorros mereçam um lar, por vezes a má-fé dos vendedores pode enganar quem consome.

Veja também

Marreco de Pequim: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco de Pequim é considerado uma das principais raças atuais de marrecos, ao lado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *