Home / Animais / Quanto Tempo Depois de Morto o Cachorro Fica Duro?

Quanto Tempo Depois de Morto o Cachorro Fica Duro?

Os cachorros são muito comuns na vida das pessoas. Assim, cães costumam marcar de forma muito profunda os seus donos. Contudo, quando chega o momento de se despedir do bichinho de vez, pode ser que haja alguns problemas. Pois a morte de um animal de estimação jamais será simples ou fácil de lidar, já que se trata de uma vida e, além disso, da vida de um grande amigo.

Porém, é necessário ter as informações corretas para saber o que fazer caso o seu cachorro morra. Se o seu cão está perto de perder a vida, como saber? Depois de morto, quanto tempo o cão demora para ficar duro? Nos primeiros momentos após a morte, ele já estará “frio”?

Todas essas questões são necessárias quando se trata de analisar corretamente a morte de um cão, pois são aspectos que ajudam a entender mais sobre um momento tão complicado. Apenas com todas as ferramentas à disposição você saberá se poderia ou não fazer mais pelo cachorro. Portanto, veja abaixo algumas lições a respeito do momento em que o cão morre, com dicas relacionadas a essa parte negativa da relação entre homem e animal.

Quanto Tempo Depois de Morto o Cachorro Fica Duro?

A verdade é que, logo depois de morrer, o seu cachorro não ficará duro. Na verdade, a menos que o animal contraia os músculos logo antes da morte, o cão ficará muito maleável nos instantes posteriores. Sim, pois ele estará fraco. Um cão ficará duro logo de cara quando for atropelado, por exemplo, pois o susto gerado pela ação fará com que todo o seu corpo se contraia.

Em outras condições, o cachorro apenas ficará mais rígido após 15 ou 20 horas, quando já não há mais circulação de sangue por tempo suficiente no corpo do animal. Vale lembrar que a circulação sanguínea é essencial para os tecidos musculares dos cães, algo que também acontece com as pessoas. Logo, quando o coração do animal já não está mais bombeando sangue para o restante do corpo, os músculos se contraem e passam a ter mais dificuldade para mexer.

Isso quer dizer que você ainda poderá mexer a patinha do seu cão depois de 20 ou 25 horas da morte, mas com dificuldade. Ademais, caso o animal demore tanto tempo para ser enterrado, o cheiro começará a incomodar. Portanto, o ideal mesmo é enterrar o cachorro morto logo depois da confirmação da morte, até como uma forma de preservar os restos mortais do animal e manter suas boas memórias em relação a ele.

Sinais de um Cão Morrendo

Um cachorro que está morrendo apresenta sinais claros de que já não pode mais manter a vida. Assim, um dos mais graves e comuns é a dificuldade para respirar. Cachorros que já não conseguem mais puxar o gás oxigênio com facilidade tendem a perder a vida logo em seguida.

Vale lembrar que a respiração é chave para a vida dos cães, assim como acontece com as pessoas. Caso o sangue não consiga fazer as trocas gasosas, seu animal de estimação estará em apuros.

Além disso, é possível que um cão à beira da morte já não consiga mais digerir a comida ou filtrar o sangue para urinar. Nesse caso, o seu cachorro não irá urinar e nem defecar, inchando.

Logo, um cachorro inchado certamente está perto de morrer. Outro ponto importante é a musculatura do animal, já que cães mais próximos da morte tendem a se mover com dificuldade. Nesse caso, isso quer dizer que o cachorro já não possui mais o controle absoluto sobre o seu corpo. Assim, um cão com problemas para se movimentar deve estar perto de morrer.

Principais Causas de Mortes em Cachorros

Existem causas principais para as mortes de cachorros domésticos. Entre elas está a intoxicação. Assim, é muito comum que um animal consuma alimentos estragados, por exemplo, e sofra uma intoxicação alimentar. Além disso, o cachorro pode ainda lamber algum tipo de substância venenosa, se intoxicando. Sinais de intoxicação incluem: vômitos, diarreia, convulsões e tremores musculares.

Outra causa comum para a morte dos animais é a falência dos rins, com o cachorro já não sendo mais capaz de filtrar o próprio sangue. Logo, um sinal disso é que o seu cãozinho vai começar a inchar de forma rápida. Ou, então, o cachorro forçará muito para urinar, urinando sangue em alguns casos.

Mortes em Cachorros

De qualquer forma, os rins são um problema para os cães mais idosos. Por fim, os problemas cardíacos podem matar o seu cachorro muito rapidamente. Quando o coração já não está mais bombeando sangue como deveria, o restante do corpo sofre de forma clara e direta. Perde-se o controle sobre a musculatura, o cachorro passa a ter aparência fraca e debilitada. O melhor a fazer, em todos esses casos, é buscar ajuda com um veterinário.

Cuidando de um Cachorro à Beira da Morte

Antes de tudo, se o seu cachorro estiver perto de morrer, o mais apropriado é chamar um profissional veterinário. Portanto, não tente resolver o problema você mesmo, a menos que a solução seja simples. Logo, o que você pode fazer para ajudar é confortar o animal. Seja paciente com o cão, entenda que problemas podem acontecer e que nem sempre será por culpa dele.

Cães mais velhos já não conseguem mais controlar o fluxo de urina, por exemplo. Ofereça um ambiente calmo e tranquilo para o cachorro, sem tanto barulho. Faça carinho nele, mostre que está por perto e que ajudará nessa fase tão complicada. Fale com o cão em um tom de voz mais reconfortante, não como se quisesse brigar com ele.

O tom de voz é muito importante para os cachorros entenderem a postura das pessoas, já que não compreendem o que é dito. Mantenha a comida por perto, assim como a água – sempre ofereça água fresca ao cão. Além disso, se você possui outros cachorros, deixe-os afastados. Pode não ser bom tê-los por perto, querendo brincar, nesse momento. Novamente, não tente grandes procedimentos e chame o veterinário de confiança assim que possível. Apenas ele poderá ajudar.

Veja também

Whippet

Tudo Sobre a Raça Whippet: Características e Fotos

Hoje trouxemos mais uma raça de cachorro incrível para conhecermos, vamos saber tudo sobre ele, …

Um comentário

  1. Luciano Cesar granado

    Meu cachorro foi atropelado e ficou com os olhos abertos e reparamos q ele não estava mais respirando,mais o corpo dele estava quente por q?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.